NOTINHAS PÓS-RODADA



Abrindo a trigésima-quinta do BR-11:

* O América-MG (2 x 1 no Botafogo: Kempes, Fábio Júnior e Abreu – 1.502 pagantes na Arena do Jacaré) é o time mais quente do campeonato. Mas está em missão impossível.

* A derrota, terceira seguida, custou o emprego de Caio Júnior. Seu pecado foi fazer o time parecer melhor do que é. Cartolas…

* Vitória do Atlético Paranaense sobre o São Paulo (1 x 0: Guerrón – 16.889 pagantes), na Arena da Baixada. A História informa que era bola cantada.

* O Atlético está empurrando a porta (de saída) do calabouço.

* E quem volta a empurrar a porta (de entrada) da área-vip é o Internacional (1 x 0 no Bahia: Gilberto – 7.262 pagantes no Beira-Rio).

* O Bahia teve mais posse de bola (53%) do que o dono da casa.

* Jogo maluco e histórico no Engenhão. Nove gols, três viradas. Sorte de quem estava lá para ver, e, claro, melhor para o Fluminense (5 x 4 no Grêmio: Rafael Marques, Fred-4, Marquinhos, Rafael Sóbis, Brandão e Adilson – 8.904 pagantes).

* Péssima atuação do árbitro Francisco Carlos do Nascimento, que deu uma clínica de erros para os dois lados.

* Pouco a dizer sobre o 0 x 0 entre Avaí e Cruzeiro (2.842 pagantes na Ressacada). Ruim para um, péssimo para outro.

* O Palmeiras não ganha há dez rodadas, mas não perde (1 x 1 com o Vasco: Dedé e Luan – 8.153 pagantes no Pacaembu) há duas.

* No intervalo, o Vasco (que pareceu cansado no segundo tempo) estava dois pontos à frente do Corinthians. No final, dois pontos atrás.

* Não devem ter sido muitos os torcedores do Corinthians que se animaram quando Ramírez entrou no jogo (1 x 0 no Ceará: dele – 17.532 pagantes) no Presidente Vargas. O que ele fez – um gol de atacante, decisivo – só acontece no futebol.

* As mexidas de Tite e as defesas de Júlio César levaram o Corinthians (dominado no primeiro tempo) a uma vitória crucial.



  • Willian Ifanger

    Tem times que chegam num certo momento no campeonato e ficam com cara de campeão.

    Pra mim, ontem, o Corinthians adquiriu esse status.

    Deu tudo muito certo e num espaço de tempo curto.

    Apesar da raiva/inveja por ser torcedor rival, nada mais que justo que sejam mesmo. Lógico que vou continuar secando…..hehehehe…….aliás, é o que me resta mesmo.

  • Marcos Vinícius

    Sobre Inter x Bahia,a atuação do árbitro foi simplemeste desastrosa.Não deu dois pênaltis para o Inter e um para o Bahia.

    O Fluminense realmente foi ajudado pela arbitragem. O pênalti marcado pelo árbitro,além de ter sido uma enorme forçada do jogador do flu,foi fora da área.Não fosse esse e mais alguns erros do homem de preto e o placar seria outro.mesmo assim,atuação magnífica de Fred. Quatro gols na mesma partida dispensam comentários.

    Mais uma vez:

    Dois pontos a menos contra o Figueirense,gol mal anulado de Élton,ele não estava impedido.

    Dois pontos a menos contra o Flamengo.Pênalti escandaloso de Léo Moura em cima de Bernardo.

    Dois pontos a menos contra o São Paulo.Allan foi segurado pelo braço por Juan dentro da área,quando partia para ficar cara a cara com Dênis.

    Um ponto a menos contra o Santos.Um gol mal anulado de Diego Souza e o segundo gol do Santos,de Borges,nasceu de uma jogada irregular,falta em Felipe Bastos.

    Agora menos dois pontos contra o Palmeiras.Felipe foi puxado e derrubado na área pelo defensor do Palmeiras.

    São NOVE,NOVE pontos a menos.

    Alguém sabe de algum time que tenha sido tão prejudicado pela arbitragem no campeonato?

    Até quando?

  • Leandro Azevedo

    É que acontece quando um time entra em campo sem um centroavante e com 4 volantes… pode até dominar o jogo, controlar as ações mas falta um cara para colocar a bola pra dentro. Quando o Dimas colocou o Washington (muito tarde já), ele obrigou o Júlio César a fazer uma bela defesa no fim.

    O Ceará ontem praticamente “assinou” o contrato de volta para a Série-B… ainda tem o confronto direto com o Cruzeiro e um jogo na última rodada que o Bahia já vai estar de férias, mas é muito improvável que o time faça em três jogos o que não fez o segundo turno inteiro.

  • Julio

    Ah Marcos Vinícius, para vai. Primeiro que muitos destes lances que você mencionou são discutíveis. Segundo que você não cita nenhum lance em que o Vasco foi beneficiado por um erro no campeonato inteiro. Nenhum em 35 rodadas? Tá bom, acredito.

  • Anna

    Ainda há chance, mas o título está tendendo mais para o Corinthians, nessa altura do campeonato. Achei a ideia de demitir Caio Júnior, a três jogos do fim e com reais chances de classificação para a Taça Libertadores, péssima. A diretoria do Bota se comporta usando a emoção e não a razão e sofrendo pressão da exigente torcida. Caio cometeu erros táticos, deu declarações no pós-jogo polêmicas, mas é bom treinador, merecia ser mantido. É isso. Grande abraço, Anna

  • LM_RJ

    ontem o fred fez 4 gols, flu permanece c/ chances matemáticas de titulo, lembrando que o flu e sua torcida são capazes de transformar 1% de chance em realidade, qq brasileiro sabe disso…

  • Marcelo Morais

    O SPFC de 2011 ficarah na minha memoria com um time muito bom. Nao frustra nenhum adversario. Nao atrapalha nenhum adversario. Nao impede a ascencao de nehum adversario. Nao faz mal a nenhum adversario. O SPFC de 2011 eh muito benevolente, um time muito bom.
    Que venha 2012.

  • eduardo pieroni

    Boa André, o marcos Vinicius você tem blog, se não ? acho que esta na hora de ter.

  • Marcelo Morais

    Caro Marcos Vinicius,
    Respeito muito sua frustracao, mas acho engracadissimos comentarios como “menos dois pontos contra o Palmeiras.Felipe foi puxado e derrubado na área pelo defensor do Palmeiras”.

    Sao curiosos esses conceitos de torcedor brasileiro de que um penalti nao marcado eh sinonimo de gol e que o resultado final de um jogo eh decidido somente por esse(s) penalti(s) nao marcado(s). Imagine se cada um desses penaltis tivesse sido marcado e o cobrador tivesse cobrado o penalti com a mesma confianca de Diego Souza no jogo contra o Botafogo, no ultimo domingo.

    Erros de arbitragem acontecem. E de jogadores tambem. E com muito mais frequencia.

  • Leandro Azevedo

    O Figueirense vai decidir esse campeonato… pode ser em favor de um dos líderes ou de si mesmo.

    Os próximos três jogos são contra Flamengo, Fluminense e Corinthians… se conseguir vencer os três (tarefa difícil, claro – mas ninguém esperava que o time chegasse nessa reta final com esse embalo e jogando bem como está) pode chegar na última rodada na ponta. E se vencer apenas o Corinthians (apenas um exemplo), poderia mudar bem a tabela indo para a última rodada, em que todos os times vão ter um clássico a ser jogado.

  • BASILIO77

    O campeonato continua aberto.
    Quem tem Alessandro, avenida Alessandro, não pode ter grandes esperanças. Fora que a cada rodada, o favoritismo muda de mãos.
    Derrota ou empate do SCCP contra AT/MG, Figueirense e SEP não só é possível, como PROVÁVEL.
    Abraço.

  • Marcos Vinícius

    Aí,Júlio…

    1) É verdade,são lances discutiveis.Mas se a maioria acha que foi,existe grande probabilidade que realmente tenha sido,concorda?

    2)Bem,amigo,se você sabe de algum lance beneficiando o Vasco e prejudicando determinado time,sou todo olhos.

    Onde estão?

    eduardo pieroni…

    Amigo,estou aguardando proposta de patrocínio de dezessete grandes multinacionais que querem divulgar sua marca em blog a ser criado por mim. Não se preocupe,minha imparcialidade e ampla visão sobre futebol logo estarão disponíveis em um blog que será publicado diariamente em 26 idiomas diferentes.

    Marcelo Morais…

    Amigo,você conhece algum lance que possa ocorrer em uma partida que seja chance de gol mais clara que um pênalti? Eu citei três pênaltis não marcados contra o Vasco,você acha que o time perderia os três,ou pelo menos dois? E sobre os dois gols mal anulados,nada a declarar?

    Não confunda frustração com indignação. Recentemente a imprensa carioca divulgou um reportagem de dois árbitros que abandonaram a FERJ,federação de árbitros do Rio,onde eles disseram que “havia ordem expressa para o Vasco não ser campeão estadual,pois isso prejudicaria os planos de Eurico Miranda de voltar à presidência do clube,e Eurico é amigo pessoal do presidente da federação”.Não creio que ocorra o mesmo no Brasileiro,mas o fato é que tem árbitros que estão acostumados a prejudicar sempre os mesmos times,e o Vasco é um deles.Na dúvida,deixa correr.

    Agora,meu jovem,você arrisca um palpite de o por que esta reportagem não ter tido a devida repercussão?

    Consegue adivinhar?

  • Leandro Azevedo

    “havia ordem expressa para o Vasco não ser campeão estadual,pois isso prejudicaria os planos de Eurico Miranda de voltar à presidência do clube”

    Essas ordens foram entregues a federação ou ao PC Gusmão? Pq se teve alguém que não deixou o Vasco jogar no Carioca foi ele…

  • LM_RJ

    A tabela não permite muito mistério qto à possibilidade do palmeiras cair
    ela é sim muito real
    basta o time perder seus proximos 2 jogos (bahia em salvador e sao paulo em sp)
    e o atl pr (1º do Z4, ou seja 1º time q cairia hoje) vencer 2 jogos q iguala o palmeiras em numero de ptos 43, mas terá mais vitórias

    Ora, se o 1º do Z4, ou seja 1º time q cairia hoje pode ultrapassar o palmeiras em 2 rodadas então corre sim MUITO risco

    Aliás com 43 ptos o palmeiras perderá no 1º critério de desempate para qq time pois possui apenas 9 vitórias, apenas 2 times venceram menos q o palmeiras, avai e america mg (7 vitorias)

    Portanto é real a possibilidade do seguinte cenário na ultma rodada:
    corinthians e palmeiras valendo para o corintcha titulo e rebaixar rival, para palmeiras tirar titulo do rival e permanencia na serie A

    quem viver verá

  • Marcos Vinícius

    Na verdade acho que essas ordens foram entregues ao árbitro da semifinal do ano passado,quando Willians deu uma cortada de vôlei dentro da área.O árbitro mostrou que viu e fez sinal que não havia sido nada.Veja bem,não foi que ele não viu,ele sinalizou que viu e não marcaria.

    Ou então ao árbitro da partida da Taça GB no mesmo ano,que marcou pênalti inexistente de Márcio Careca em cima de Léo Moura.O próprio lateral flamenguista disse que não foi falta.

    Só lembra do que quer,é mais fácil assim.

  • Marcelo Morais

    Caro Marcos Vinicius,

    Respondendo sua pergunta “você conhece algum lance que possa ocorrer em uma partida que seja chance de gol mais clara que um pênalti?”, reafirmo que penalti nao marcado nao eh sinonimo de gol. Como voce mesmo afirma em sua resposta-pergunta, eh uma clara chance de gol. O que, convenhamos, eh bem diferente de um gol.

    Quanto aos gols mal anulados, voce tem razao: sao erros mais graves do que penalti(s) nao marcado(s). Esses, de fato, sao lances de bola na rede. Mas, mesmo assim, nao dah para afirmar com toda certeza que tais lances definiriam o resultado final de um jogo.

    Repetindo o que escrevi antes: acho engracado o conceito de que somente erros de arbitragem em lances considerados capitais determinam o resultado final dos jogos. Jogadores falham, perdem “gols feitos” (inclusive em cobrancas de penaltis), atrapalham-se, mas poucas vezes sao considerados determinantes para o resultado final da partida.

    Ha alguns dias, sugeri (entre aspas), num desses comentarios, que o SPFC se espelhasse na garra e na vontade do CRVG para terminar o CB-11 com um minimo de dignidade. Se a tal “ordem expressa” a que voce se refere existiu mesmo, nao sei. Mas ela parece ter sido confinada ao campeonato estadual, porque seu time jah foi campeao da Copa do Brasil. E, se seu time continuar demonstrando a vontade e a garra demonstradas recentemente contra o time peruano e o Botafogo, vamos precisar de muitas ordens expressas. Caso contrario, seu time pode levar mais duas tacas ateh o fim do ano – o que deve prejudicar bastante os “planos de Eurico Miranda”.

  • Fred Ferreira

    André, você está muito enganado ou mal informado com relação ao Caio Junior no Botafogo. Seu pecado não foi fazer o time parecer melhor do que é. E chega a ser covarde da sua parte, somente agora que o time ficou fora da briga, querer dizer que o time não merece a posição que tem. Queria ver você dizer isso depois que o Botafogo esculachou o Corinthians no Pacaembu. Comentarista de resultado feito é muito fácil.

    O pecado que não merece perdão e, justifica, sim, sua demissão, foi não reconhecer seus erros  e dos jogadores, tentar transportar sua responsabilidade para o clube e a torcida.

    Defender o Caio Junior depois do que ele andou fazendo e falando só pode ser “cegueira” ou falta de tempo pra trabalhar e fazer uma análise decente.

    AK: Compreendo seu estado de ânimo. Não compreendo suas conclusões sobre o que escrevi e nem os devaneios sobre ser “comentarista de resultado”. O Botafogo, como todos os outros times, merece exatamente a posição que tem. Não tenho tempo, isso sim, para reescrever o que deveria ser claro para alguém que se julga tão bem informado. Um abraço.

  • matheus brito

    Marcelo Morais,

    Veja bem, desde o início do campeonato venho falando aqui no blog do André que não acredito em complô ou teorias de conspiração para beneficiar A,B,C ou D. Enfim, acredito num nível fraco de árbitros que nós temos hoje.Um grande exemplo disso foi o que o queridinho da comissão de arbitragem fez ontem no jogo de Bahia e Inter. Terrível. Três pênaltis claros.Fazia tempo não via uma arbitragem porca como essa. Outra coisa com relação ao juiz de ontem de Vasco e palmeiras. Ele tem sido muito elogiado por “deixar o jogo correr”. Sinceramente, pra mim ou é falta ou não é. Não existe mais ou menos falta e ela só não deve ser marcada se o time que a sofreu levar clara vantagem com sua não marcação. Quando essa falta é dentro da área então, não existe vantagem maior que pênalti. Esses lances citados pelo Marcos Vinicius já foram amplamente discutidos dentro do meio esportivo e apenas uns dois ainda geram opiniões controversas, como os contra o Santos( que pra mim foram claros). Os demais são unanimidade. Você tem razão quando diz que pênalti não é garantia de gol, o que não muda o fato de que foi pênalti. Se entraria ou não eu preferia que tivessem sido marcados. O Vasco pode ter sido beneficiado em um ou outro jogo sim, afinal como disse, o nível é ruim pra todos. Mas quando vejo o Vuadem(acho que é assim) apitando jogo do Vasco fico todo arrepiado, pois sei que vai deixar de marcar “faltinhas” de tudo que é jeito.

  • Fred Ferreira

    Você viu as entrevistas que o Caio Júnior deu depois dos últimos jogos? Se você fosse botafoguense você queria que ele continuasse? Não conheço simplesmente nenhum que queria que ele ficasse….Acho que o Botafogo agiu certo, sim. Um técnico não pode querer se colocar acima do clube, ainda mais o clube que o emprega. Melhor um time sem técnico, do que um que não sabe o que faz e ainda tira o corpo fora. Coisa de gente covarde e que mostra falta de caráter.

  • Fred Ferreira

    Se você quiser ler uma análise de verdade e que mostra conhecimento sobre o Caio Junior no Botafogo, lhe recomendo:

    http://globoesporte.globo.com/platb/ilanhouse/2011/11/17/caio-jr-e-vitima-de-si-proprio/comment-page-2/#comment-204322

    Acho que vale ler e aprender um pouquinho.

  • Vitor

    O São Paulo precisa reformular este elenco, mais ou menos como foi feito em 2004/2005.

  • Ednei G. Marcos, Jaraguá do Sul (SC) – 56a

    Para Marcos Vinícius:
    Não vou perder tempo contra-arrazoando um “vascaíno” que deve ter se balizado pelo site carioca – http://www.placarreal.com.br/index.asp, que faz as “correções de placar” em face das “análises” criteriosas do ex-juiz Leonardo Gaciba que foi afastado por problemas psicológicos…

    GACIBA TEM BLOQUEIO EMOCIONAL E DEIXA O APITO
    Eleito quatro vezes o melhor do Brasileirão, Leonardo Gaciba abandonou o apito em 2010 antes da idade limite para a aposentadoria, aos 39 anos. O árbitro gaúcho falhou em testes físicos para se manter no quadro da Fifa e posteriormente não conseguiu passar em exames semelhantes da CBF, tudo graças a um bloqueio emocional publicamente assumido. “Participei desse processo junto com a Dra. Marta (CBF), ele tinha um bloqueio, não conseguia executar os testes”, disse Marco Antonio Martins, da Anaf. Na época, Gaciba falhou em uma bateria de 20 km, em quatro etapas, e disse: “Está difícil vencer esse bloqueio psicológico”.

    Já que você falout ambém em “maioria”, a “maioria”, inclusive o narrador João Guilherme e o André Lofredo (estranho, vindo de cariocas), disseram na hora que o Fágner “meteu a mão bola”, então penalti, no jogo em que vocês arrumaram um mísero pontinho contra nós de 6 disputados…

    Então meu caro… chore na cama que é lugar quente…

  • BASILIO77

    O lateral Dodô do Bahia teve ruptura total do ligamento cruzado anterior, devido a pancada levada no lance contra o zagueiro Bolivar ontem no Beira Rio(que será reformado com incentivos fiscais).
    Esse lance foi pra Fabio Costa e Marcio Resende de Freitas ficarem com inveja…

    Fato é que o garoto vai ficar 6 meses, no mínimo, no estaleiro…provavelmente no CT do SCCP clube a que pertence.
    Será que o ilustre cartola chorolado Fernando Carvalho ou mesmo o gerente/churrasqueiro Fernandão virão à mídia manifestar-se a respeito?
    Acho que não…trata-se só de mais um clube hipócrita travestido de rei da moralidade e da ética.
    Segue a barca.

  • Marcos Vinícius

    Vai chegando o fim do campeonato e os ânimos vão ficando mais acirrados.Parabéns a aqueles que conseguem manter o bom nível da conversa.

    Opiniões divergentes sempre teremos,mas é fundamental que mantenhamos o respeito por quem debate e pelas instituições envolvidas.

  • BASILIO77

    A seleção peruana jogou dia 15/11 contra o Equador…porque Ramirez NÃO foi convocado?
    Aí tem.
    Esse Sanchez é f…

  • Bento Pereira

    Eu acho que você deveria ler uma pouco mais. Se contextualizar mais antes de dar uma opinião.
    O pecado do Caio Jr não foi fazer o time parecer mais do que ele é. Colocar a culpa nos Cartolas é uma atitude simplista de quem realmente não conhece o dia a dia de uma instituição.
    Se o Botafogo chegou onde está com o Caio Jr., muito provavelmente estaria melhor posicionado com outro técnico. Alguém mais inteligente, saberia sair da marcação imposta ao Elkerson e ao Maicossuel,. Saberia fechar o meio de campo depois que os dois perdiam a bola no ataque deixando um buraco imenso. Saberia posicionar o time de maneira a tocar a bola com eficiência e eficácia.
    Mas é mais fácil culpar dirigente, qualidade do elenco, etc… É mais cômodo… Ainda mais quando o campeonato é disputado por “super times” que abriram grande vantagem em relação ao Botafogo desde o início.
    Parabéns!!! Você realmente entende muito de futebol…
    Saudações Alvinegras
    Quan

    AK: Engano seu, entre tantos. Mais fácil é acreditar em dirigentes que prometem títulos e depois, como sempre, responsabilizam os técnicos. Deve ser difícil perceber-se (no caso, mais uma vez) enganado pela paixão. Aprenda a lidar com suas escolhas e com as opiniões dos outros. Sua leitura me orgulha. Um abraço.

  • Erich

    André, seu comentário à respeito da demissão do Caio Jr está errado, o pecado dele não foi fazer o time parecer melhor do que é, e sim foi tentar inventar jogadores em posições que não atuavam, foi não assumir a culpa por seus erros, foi mudar a estrutura tática do time sem treinamento e uma total incapacidade para criar alternativas de jogo.

  • Diogo

    “O que ele fez – um gol de atacante, decisivo – só acontece no futebol.”

    Só por causa disso que eu acompanho futebol. E juro que não é porque sou corinthians fanático!
    Mais uma vez, nem sempre o melhor vencerá.

    Abraço,
    Diogo.

MaisRecentes

Em frente 



Continue Lendo

Acordo



Continue Lendo

Futilidade



Continue Lendo