REGRAS PARA COMENTÁRIOS



É praticamente uma tradição.

O Campeonato Brasileiro vai chegando ao final, as rodadas acirram os ânimos, e os blogs esportivos se transformam numa arquibancada virtual, sem policiamento.

Nem todos, amigos. Nem todos.

Nos últimos tempos, companheiros que respeito e admiro desistiram de manter seus blogs no ar, por causa do nível rasteiro dos comentários. Tenho consciência de que o termo “rasteiro” é bondoso com as mensagens.

Isso não acontecerá aqui.

Este blog é um de meus empregos, gosto muito de mantê-lo e estou determinado a continuar por aqui.

O que significa que tentativas de emporcalhar a tribuna de comentários são – e serão, sempre – infrutíferas.

O espaço é destinado a troca de ideias, com civilidade.

Portanto, uma vez mais, esclareço algumas condições para que mensagens sejam aprovadas:

1 – Comentários com ofensas e desrespeito, a quem quer que seja, serão enviados para o local de onde não deveriam ter saído: o lixo.

2 – Não duvide da capacidade dos filtros utilizados pelo blog para garantir a própria higiene. Palavrões, em qualquer idioma e/ou disfarçados com espaços e outros caracteres, não passam. Vou repetir: não passam.

3 – Não importa como é sua relação com o futebol e com seu time. Se você não consegue expressar sua opinião sem ofender alguém, não deveria estar lendo essas regras.

4 – Se é seu caso, duas sugestões: compre um dicionário e amplie seu vocabulário. Ou compre um dinossauro e se encontre na linha evolutiva.

5 – Ou ainda – e nem é preciso dizer – lembre-se que a internet oferece uma infinidade de lugares mais apropriados para você desfilar sua elegância.

6 – Mesmo que não contenham palavrões ou outras grosserias, mensagens com nível elevado de imbecilidade serão reprovadas. Obviamente, o critério é nosso.

7 – COMENTÁRIOS EM LETRAS MAIÚSCULAS NÃO SÃO ACEITOS. É o equivalente a gritar, uma falta de educação.

8 – O blog estimula a boa leitura e encoraja a sugestão de textos escritos em outros lugares. Mas, dependendo do tamanho, agradecemos se você enviar apenas o link.

Como sempre, obrigado a todos que, com qualquer frequência, acompanham e ajudam a fazer este blog.

Minha determinação em garantir “a limpeza desta área” será sempre inabalável, em respeito a vocês.



  • Obrigado!

  • Rodrigo

    André, se eu me encaixei em algum (ou mais) desses itens, peço desculpas (principalmente por um comentário no post anterior).

  • Diego

    É importante para evitar comentários imbecis, que se evite escrever imbecilidades também! 

    Por exemplo, você escrever que o Jobson seria suspenso de 2 jogos por ter ter tomado 1 cartão vermelho (por 2 amarelos no mesmo jogo) e estar pendurado com 2 cartões. (isso aconteceu na reta final de 2009). Vi você copiar o parágrafo da regra, colar os adendos  “a” e “b”, para justificar sua infeliz conclusão, não ler o adendo “c”, que justamente desmontava todo o seu “infeliz raciocínio”. 

    Vi você no blog discutindo e insistindo no erro, com torcedores que questionaram sua interpretação.

    Sendo um profissional da imprensa, isso não foi uma imbecilidade?

    AK: Só o fato de você perguntar já diz tudo. Erro, quando se comete, se corrige. Imbecilidade não tem conserto. Fora isso, não se deixe traumatizar por algo que aconteceu há tanto tempo. Um abraço.

  • Felipe

    Num é a toa que sou cada vez mais teu fã e acesso sempre teu site!

  • Alexandre Reis

    Quem vem sempre aqui agradece:

    Obrigado.

  • Anna

    O blog é ótimo, de altíssimo nível, sempre. Obrigada, André, por mantê-lo e por respeitar as diferenças de opinião com elegância e educação.

  • Transforme este post em um link permanente, tal como o IUPST. Vale a pena e já vi muitos blogs utilizarem.

    Abs

  • Leandro Azevedo

    Valeu!!

  • william

    Pra mim o melhor blog sobre futebol que existe,só te acho arrogante mas até aí,personalidade de cada um,mas nao tem como admitir que vc é fera escrevendo.

  • Eduardo A. G. Silva

    E parafraseando o dono do blog: “Senhoras e Senhores, Mr. André Kfouri”. Texto perfeito…!!! Torço para que tenha o efeito esperado. Parabéns pelo blog, que já acompanho há muitos anos, desde a casa antiga.

  • Willian Ifanger

    Acho que é a primeira vez que vejo você colocando regras de comportamento em um dos seus Blogs…imagino que não seja apenas precaução contra essa epidemia de imbecis que se escondem na internet. Pelo visto o trabalho de moderação deve ter aumentado.

    Obrigado por se preocupar com quem frequenta aqui todo santo dia. Aliás, é por isso que estamos aqui todo santo dia.

    Eu também iria sugerir o mesmo que o Beto Petroni. Essa lista de regras deveria ter um link permanente. Até porque existem pérolas. A 4a regra é brilhante.

  • Impressionante que voce tenha que estabelecer essas regras. Estarrecedor que algumas pessoas nao concordem com elas.

  • Fabio

    Caso um dia você perca seu emprego e pense em terminar o blog, eu posso organizar um ‘fund-raiser’ pra conseguirmos te pagar um salário mínimo simbólico ?

    Abraços,

    /Fabio.

  • amauri

    Parabéns pela atitude. Os blogs de futebol, em sua maioria, servem de pasto para que os imbecis, escudados pelo anonimato, possam ofender e extravazar seus traumas.
    Mais uma vez, parabéns pela iniciativa

  • Marcos Vinícius

    Cara,é complicado…

    Tenho ponto de vista,opinião,sobre alguns assuntos.Veja bem:São MINHAS opiniões,não tento convencer a ninguém a segui-las,tampouco as mudarei devido a alheias.Comentários divergentes,ponto de vista diferente,tudo isso acontece,não acho que seja ruim,isso é o verdadeiro exercício da democracia,e tomara que continue assim enquanto o espaço continuar sendo democrático,é a coisa mais normal do mundo.E se não for democrático que seja restrito a poucos.Felizmente não é o caso deste blog,que tenho o sincero prazer de acompanhar a cerca de 3 anos.

    Recentemente algumas pessoas têm discordado de algumas opiniões minhas.Mais uma vez:Isso é absolutamente normal!!

    Mas recentemente usaram termos como tapado,doente e desequilibrado.Isso é absolutamente anormal!!!É feio,nem deveria ser publicado.

    Se o filtro funciona,por que foi?

    AK: Não há filtro para isso. Aí é falha humana. Desculpe.

  • brandao

    André,você vai atualizar a lista do blog do Flavio Gomes?

    abraços

    AK: Sim. Um abraço.

  • Marcel Souza

    André, por curiosidade, em média quantos comentários são reprovados por post? 1 abraço,

    AK: Depende. Há períodos em que vários dias passam e não reprovamos nenhum. Mas nas últimas Notinhas, há mais comentários reprovados do que aprovados. Se bem que vários são dos mesmos bagrecéfalos. Um abraço.

  • Fernando de Souza

    Parabéns André! As boas maneiras agradecem, afinal é possível “tirar uma onda” sem baixar o nível. Deixemos os palavrões para os churrascos informais (não que sejam obrigatórios) e discutamos de forma tolerante, respeitando a opinião alheia, ainda que não concordemos! Por falar nisso, há alguma vaga para eu escrever um blog também? Não responda com grosserias, hein?
    Um abraço

  • Marcelo David Macedo

    Sabe que o baixo nível até desencoraja a participar de forma mais atuante?

    E não deve ser fácil trabalhar com um instrumento como um blog… de todo modo, obrigado pela paciência em mantê-lo sempre “habitável” para todos nós. Um abraço.

  • Matheus Brito

    Por essa razão deixei de frequentar alguns blogs. Alguns, como gosto do comentarista, ainda leio a coluna, mas ler os comentários dá náuseas. É bem verdade que alguns blogueiros incitam esses comentários, com palavrões e imbecilidades nos textos, além de bairrismos idiotas. Gosto muito do seu blog, além de me dar acesso rápido a outros blogs que gosto muito. Espero que realmente mantenha esse nível, pois não gostaria de deixar de ler seu blog.

  • Edu Soares

    Considero André Kfouri um dos melhores jornalistas esportivos da nova safra. O DNA ajuda, claro, mas o cara poderia ser médico, gari, professor, bombeiro. Mas não, resolveu levar o peso do sobrenome nas costas e aos poucos a sombra do pai já não é tão constante como em tempos atrás. Evidente que André nunca vai negar a origem (e nem é maluco pra fazer isso) mas todos nós sabemos que filhos/parentes de famosos bem sucedidos herdam uma carga de pressão e cobrança sem igual. Repito: sem querer imitar o pai (pelo menos nunca notei isso), André tem sido um dos grandes nomes do jornalismo moderno (aquela que é feita através de várias midias, e não apenas na TV e rádio como acontecia não faz muito tempo atrás).
    Até hoje desconheço qualquer texto-alerta a respeito dos porcalhões que adoram sujar os blogs. Ponto pra você, André que, tal qual como um administrador de estádio, quer ver a casa cheia mas sempre com ordem para que os espectadores possam voltar mais e mais vezes.

  • Marioh

    Realmente é necessário ter regras.É deprimente ver os comentários de internautas que opinam na parte esportiva da Folha e do Terra. Como não há regras só aparecem besteiras, palavrões, comentários que denigrem as pessoas. Como os brasileiros acostumam com comentários sem regras, é vergonhoso e deprimente ver internautas brasileiros nos sites de esportes argentinos e espanhois, principalmente quando o Brasil ganha.

  • Priscila

    André, parabens pelo site. Leitura obrigatoria diaria, pelo conteudo e pela forma de vc escrever. Raramente comento algo, mas esse post foi otimo, principalmente o item 4.
    Sim, a internet e democratica, os blogs não. O “dono” pode bloquear ou ate não aceitar comentarios, se isso acaba baixando o nivel. Um exemplo e um conhecido portal que permite o comentario das materias, e bizarro o nivel subterraneo (baixo e pouco).
    Acesso sites/blogs para ver boas materias, não para troca de ofensas. O pior e que tem muitos blogueiros que gostam e incentivam, afinal, enquanto os que tem conteudo querem isso afastado, os sem conteudos apoiam, tudo pela audiencia.
    Continue assim, afinal, as visitas aqui e pelo conteudo, otimo conteudo.

  • Danilo Xis

    Visito o blog há cerca de 3 anos e sempre curti os textos. Mas raramente comento algo, pois assim como era na Trivela, o pessoal da “antiga” consegue argumentar algo sem baixar o nível, mas existem certas pessoas ( são as mesmas em todos os blogs que frequento…) que me afastaram de comentar aqui ou em qualquer outro local. Hoje eu entro, leio a seu texto e saio, apenas quando o assunto me chama muito a atenção eu comento. Mas parabéns por essa atitude, pode ser uma saída pro pessoal se tocar ou se mudar.
    Abs

  • André, bom dia.

    Meu nome é Roberto Junior e sou usuário do Lance!Activo, rede social mantida pelo Lance!, onde mantenho um blog sobre esportes (o do link), embora não tenha formação jornalística. Acontece que, há bastante tempo, nós usuários da rede reclamamos sobre a impossibilidade de moderar os comentários de nossos blogs, fato que faz com que recebamos, diariamente, uma quantidade enorme de xingamentos e absurdos do gênero, o que empobrece nossas páginas e, tal qual dito aqui, afasta pessoas que pretendam debater de maneira sadia.

    Para não alongar demais, gostaria, se possível, de publicar na minha página essa sua espécie de desabafo, para que, talvez, a equipe que gerencia o Activo perceba o quão é prejudicial à própria rede a presença desses lunáticos virtuais, que se escondem no anonimato e saem por aí criando confusão. É aquele negócio, se você, que é profissional, já se revolta com manifestações dessa natureza, imagina os pobres mortais que por lá escrevem.

    Desde já, obrigado pela atenção.

    Um abraço!

    AK: À vontade. Espero que ajude. Um abraço.

  • Robson

    André, parabéns pela iniciativa. Penso que todos os blogs devem tem um mediador, pois as pessoas do bem que acessam para ler a análise de uma partida ou saber de alguma notícia do seu time não são obrigadas a “consumir” esse monte de palavrões, essas ofensas gratuítas, muitas vezes de “pessoas” que nem conhecem.
    Acéfalos que se digladiam virtualmente, que incitam essa violência verbal são os mesmos que usam as redes sociais afim de promover batalhas reais. Não merecem que percamos tempo e espaço com eles.
    Sou formado em Comunicação e ouço muitas besteiras em defesa da “liberdade de expressão”, entendo que a verdadeira liberdade de expressão não deve ofender, constranger e muito menos afastar as pessoas que queiram debater de maneira sadia, como disse o Roberto Junior no comentário acima.

    Só peço que você sugira o mesmo aos seus colegas de Lance.

    Grande abraço.

  • Renato

    Andre,

    Mudando um pouco de assunto, pq educacao se aprende em casa, humildemente gostaria de sugerir um topico pra Coluna Dominical/Camisa 12.

    O movimento dos clubes ingleses que tem proprietarios estrangeiros que querem acabar com o esquema de subir/descer da Premier League (no melhor estilo franquia americana), bem como uma forma mais justa, na visao deles, da distribuicao do dinheiro proveniente da TV. Material pra pesquisa tem de monte, saiu ate na Folha!
    http://www.guardian.co.uk/football/2011/oct/17/foreign-owners-premier-league-relegation
    http://news.bbc.co.uk/sport2/hi/football/15336398.stm
    http://www1.folha.uol.com.br/esporte/1000382-modelo-liga-inglesa-cogita-a-contramao.shtml
    http://theworldgame.sbs.com.au/liverpool/news/1076465/Liverpool-seeking-TV-rights-overhaul

  • Juliano

    Nas regras não há nada contra pautar o blogueiro, não? Sendo assim, como está o lockout da NBA? A imbecilidade, por lá, anda grande!!

    Mesmo com o fim do Pan 2011, continuo com a dúvida com relação aos uniformes do COB e sua relação com as confederações de cada esporte… alguém tem alguma luz?

    Abraço! Vida longa à educação! Faz muito bem, André!

    Juliano

  • Marcos Vinícius

    A primeira vez que fui ao Maracanã foi em outubro de 99.Vasco 1×0 Flamengo,gol do Juninho Pernambucano,na época só Juninho.

    A primeira vez que fui a São Januário foi no Brasileiro daquele mesmo ano,Vasco 2×1 Atlético-PR,dois gols do Edmundo.

    Em ambas as ocasiões um senhor negro,grande,vestido de branco,antes do início de ambas as partidas entrou em cena e,em frente à torcida do Vasco,estendeu uma bandeira do clube,ajoelhou-se,beijou a bandeira e saudou a torcida.Era nítido o amor pelo que fazia,a espontaneidade do gesto.

    Vi outras vezes esse senhor negro,grande,vestido de branco,sempre em jogos do Vasco,fosse no Maracanã ou em São Januário.Esse homem era Pai Santana.Nunca fez um gol,uma defesa,um passe,nunca jogou,mas pouca gente personificou tão bem o que é ser vascaíno,amar o clube e a instituição como ele.

    A última vez que fui a São Januário assistir uma partida do Vasco foi contra o Atlético-PR,pelo Brasileiro deste ano.Aquele mesmo senhor estava atrás de um dos gols,não mais vestindo branco,mas uma camisa do clube,parecia uniforme de treino.Estava sentado em uma cadeira de rodas,atrás de um dos gols.Mesmo assim pediu ajuda e,apoiado,saudou a torcida,que gritava seu nome.

    Nesta terça,01/11/2011,Pai Santana nos deixou.Foi embora um dos mais ilustres vascaínos.

    Não vai ter mais ninguém ajoelhando e beijando a bandeira do Vasco antes das partidas.

    Hoje,sua imensa torcida não está feliz,está triste pela perda de um dos mais ilustres vascainos.

  • Paula

    You shall not pass! – Gandalf 🙂

  • Marcelo

    André, é impressionante ter que fazer este tipo de coisa, parece que as pessoas não conseguem conviver com diferenças ou são mal educadas mesmo. Acho que a grande diferença positiva do seu blog é esta, as pessoas se respeitam (pelo menos nos comentários aprovados…) e o mais bacana você interage bastante com as pessoas que comentam; ponto super positivo para ti. Gostaria que esta educação se disseminasse mais pela internet, redes sociais e também no dia a dia; como exemplo cito uma pessoa que tem um rádio que fala no viva voz, além de todos saberem da vida da mesma, ainda perceberam que atrapalham os outros, lamentável. Aliás esta coisa com rádio parece os primórdios do celular em que as pessoas falavam alto para serem notadas, são coisas que realmente me irritam, desculpe o desabafo. Abraço

  • Joao CWB

    Eu mesmo acho que já andei escrevendo umas bobagens por aqui, meu time tem me tirado o sono ultimamente e posso ter descontado em quem não tem nada a ver. Mas me arrependo.

    Abraço de um torcedor do Furacão.

  • Sempre é bom repetir um post como esse…

    Mas, quer saber? Os bagrecoisas aparecem por aqui, fazem suas palhaçadas e, quando percebem que não agradaram (ou que sequer tiveram seus devaneios publicados) caem fora, procurando outro lugar… esse tipo de indivíduo só permanece em lugares sem regras e com nível beeemmm diferente desse blog! Isso porque gostam de ibope…

    Abraços e continue nessa crescente! Te acompanho faz tempo e fico impressionado com sua evolução!

  • Gilson

    Por questão de educação, boa parte dessas regras, nem deveriam ser imposta pelo blogueiro. Palavrões, ofensas, imbecilidade e outras não deveriam ser parte de discussões, tanto em blogs como em outros locais de discussões. Infelizmente uma boa parte de usuários da internet não tem essa noção e se acham donos do espaço. Frequento esse blog já há algum tempo, não faço comentários em todos os posts, mas leio todos pois gosto muito da forma com que o blogueiro conduz os debates e pela forma brilhante que passa as informações. Agradeço por fazer com que esse espaço fique mais leve para os que frequentam com mais assiduidade.

  • Lucas

    Acho que um desses companheiros que largou o blog seja, infelizmente, o Lédio Carmone. Abraço

  • Septim

    “6 – Mesmo que não contenham palavrões ou outras grosserias, mensagens com nível elevado de imbecilidade serão reprovadas. Obviamente, O CRITÉRIO É NOSSO.”

    Palavrões certamente não contribuem para nada em qualquer discussão e é evidente que devam ser extirpados… entretanto, esse é um critério objetivo, fácil de ser observado e que não traz qualquer prejuízo àqueles que realmente querem promover um debate sadio…
    Agora, o que seria uma mensagem “com nível elevado de imbecilidade”???
    O critério para tal caracterização é exclusivo de vocês, como expressamente constou das regras, mas quem garante que sob esta rubrica comentários que seriam adequados para muitos não serão omitidos pelo blog?
    Seria esta regra democrática?
    Quem tem na mão um poder, seja ele qual for, tende a dele abusar e, nesse caso, a regra acima mencionada evidencia o abuso de um simples poder de moderação de blog trazendo insegurança e em total desprestígio ao seu principal patrimônio: a opinião de seu público.
    E depois essa mesma imprensa vem pregar que qualquer limitação à liberdade de expressão deve ser considerada censura e como tal deve ser combatida… fazem um estardalhaço, ganhando destaque nos jornais em horário nobre etc.
    Mas o que se vê é que o pau que bate no Chico certamente não bate no Francisco… pelo menos quando se tem nas mãos o poder…
    Quer ser democrático? Então coloque nas mãos do seu público uma ferramente que permita que também suas opiniões sejam, ainda que parcialmente, excluídas ou riscadas por meio de votação do público no blog e veremos se você gosta da experiência.
    Ah, claro… nem precisa me dizer que esse comentário será bloqueado em decorrência do seu “nível elevado de imbecilidade”.
    Ao menos pense a respeito.

  • Luís Roberto

    Caro AK,

    Acho que você foi injusto…com os dinossauros. Eu sou da época em que passava a série “Família Dinossauro” e eles eram bem legais, de tal modo que eu achava legal ter dinossauros no meu quarto. Além disso, também existe o Yoshi do Mário, e os dinossauros robôs de Power Ranger (tudo da época da infância). Cheio de dinossauro legal e você sendo maldoso com eles…haha
    Abraços

  • carlosm

    Como você disse, não faltam locais na rede para a publicação de comentários agressivos e ofensivos. Alguns deles até de jornalistas respeitáveis, mas que não contam com filtros rigorosos. Uma pena! Parabéns por seu comportamento ético e exemplar, sempre.

  • Pedro

    Excelente!

  • Antonio

    Muito bom André.

    Como sugestão poderia colocar também um filtro para erros grosseiros de português. É uma lástima o nível de conhecimento de nossa língua por parte da grande maioria dos comentadores dos blogs esportivos.

    Obrigado novamente pela iniciativa de tentar aumentar o nívle dos debates

MaisRecentes

A vida anda rápido



Continue Lendo

Renovado



Continue Lendo

Troféu



Continue Lendo