NOTINHAS PÓS-RODADA



Vigésima-sétima do BR-11 (lembrando que Botafogo e Grêmio têm um jogo a menos, e o Santos tem dois):

* Uma semana de silêncio depois, o Palmeiras não conseguiu vencer (1 x 1 com o América: Marcos Assunção e Kempes – 9.285 pagantes no Canindé) o pior time do campeonato.

* O Palmeiras (13) é o time que mais empatou.

* A vitória do Fluminense sobre o Santos (3 x 2: Neymar, Marquinho, Rafael Sóbis, Rentería e Márcio Rosário – 11.780 pagantes no Raulino de Oliveira) teve um final espetacular.

* O Santos empatou aos 44 minutos. O Fluminense (que tinha um a menos) ganhou aos 50.

* Os ataques de Bahia e Avaí (3 x 2: Junior-2, Fabinho, Pedro Ken e Lulinha – 16.937 pagantes no Pituaçu) não sugeriam um jogo de muitos gols.

* O Bahia livrou 6 pontos da ZR.

* Defesas inacreditáveis de Fernando Henrique, no empate (1 x 1: Carlos Cesar e Leandro Chaves – 14.174 pagantes na Arena do Jacaré) entre Atlético Mineiro e Ceará.

* Como é possível um time jogar quase um tempo inteiro com dois homens a mais, e não fazer um gol?

* Nada a dizer sobre o 0 x 0 entre Figueirense (9.283 pagantes no Orlando Scarpelli) e Coritiba.

* Dois gols de cabeça do argentino Nieto (Atlético Paranaense 2 x 0 Internacional – 14.431 pagantes na Arena da Baixada) alimentaram a esperança dos atleticanos.

* A diferença para o primeiro time fora da ZR (Cruzeiro) é de dois pontos.

* Indiscutível vitória do Flamengo (2 x 1 no São Paulo: Thiago Neves, Dagoberto e Renato – 63.871 pagantes no Morumbi), na festa de Luis Fabiano.

* Deixe-me ver se entendi bem: Adílson Batista merece ser xingado por substituir o dono da festa, que não jogava há meses. E Dagoberto merece ser elogiado por jogar a camisa no chão e dar a volta olímpica, enquanto o time – que precisava vencer em casa – esperava o jogo recomeçar. É isso?

* O jogo do líder contra o vice-líder foi bom como se esperava. O empate (2 x 2: Dedé, Alex, Fagner e Danilo – 19.156 pagantes em São Januário) ficou um pouco melhor para o Corinthians.

* Há quem critique Danilo. Ontem, mais uma vez num jogo importante, ele foi bem.

* O Grêmio (2 x 0 no Cruzeiro: Rafael Marques e Escudero – 17.507 pagantes no Olímpico) está a 8 pontos do G-5. E a 9 do U-4.

* O Cruzeiro chegou à oitava rodada sem vitória.

* O placar da vitória do Atlético Goianiense sobre o Botafogo (2 x 0: Felipe-2 – público ND no Serra Dourada) foi construído nos primeiros 10 minutos do jogo.

* O resultado não surpreende. O Atlético tem feito sua presença ser sentida neste campeonato.



  • Leandro Azevedo

    “Nada a dizer sobre o 0 x 0 entre Figueirense (9.283 pagantes no Orlando Scarpelli)”

    Nada mesmo, nem o adversário do Figueira foi mencionado…

    Quanto ao jogo do Ceará, o que o árbitro fez ontem foi um verdadeiro absurdo!!! A começar pelo gol do CAM em que o André estava em posição irregular quando tocou na bola, depois o penalti em que a falta foi fora da área. A expulsão do Michel foi um exagero (na minha opinião) e do João Marcos absurda, até pq no momento estava reclamando do Roger. E isso tudo depois do Kalil ter feito um alvoroço durante a semana reclamando do árbitro e falando de complô da CBF contra o CAM. Imagina se isso acontece contra Corinthians ou Flamengo, seria pauta para um mês em qualquer programa esportivo…

    E o Fernando Henrique ontem foi simplesmente sensacional!!!

  • tarso holanda

    Sobre o jogo do Ceará, 1 penalty inventado, 2 expulsões injustas e 1 gol irregular não merece referência? o árbitro foi ridículo! E não é a primeira vez que ele prejudica o mesmo clube. Além do fato de ser amigo do vice-presidente do maior rival (Fortaleza).

  • Edouard Dardenne

    Tem jogado bem o Atlético-GO. Vida dura para os times mais populares no Serra Dourada.

    Duro como está, tudo indica que o campeonato será resolvido na última rodada. É possível – provável mesmo – que Corinthians e São Paulo estejam no páreo. Na 38ª rodada, têm jogos em casa, contra Palmeiras e Santos, respectivamente. A ideia de colocar clássicos para a última rodada é interessante. Mas o Santos tinha que ser mandante. Como vai ser? 2 jogos desse porte às 16h de domingo na Capital? A Globo vai permitir que o potencial campeão, seja quem for, entre em campo no sábado? Certamente, a PM não vai gostar de jogos simultâneos. Você tem alguma informação sobre isso?

    Um abraço.

  • Edouard Dardenne

    Em tempo: mesmo problema no RJ. Só que lá não há estádio para dois clássicos ao mesmo tempo, a menos que o Vasco resolva mandar o jogo contra o Fla na Colina.

  • Marcos Vinícius

    O Atlético-MG jogou com dois homens a mais durante parte do segundo tempo.Mas não ouvi o treinador do Galo dizer que “foi a maior vergonha de sua vida”,como dissera Felipão quando o Palmeiras passou por semelhante situação.Qual a diferença entre ambos que justifique tal afirmação?O Palmeiras não vence porque o time é ruim e pronto,e o momento também é dos piores.

    A torcida não sabia que treinador e atacante haviam combinado que o jogador só atuaria por uma hora (exatamente uma hora,ele saiu aos 15 do segundo tempo).Por isso vaiou Adilson.Dagoberto extravasou,fez o gol quando o time estava perdendo,belo gol,por sinal.

    O empate entre Vasco e Corinthians foi ruim para os dois,que viram Fluminense e Flamengo chegarem mais perto,menos pior para o Corinthians.

    O Corinthians jogou como time pequeno,fechado na defesa e saindo no contra ataque.Não fez jus ao apelido de Timão.

  • Nilton

    A questão do Adilson Bastita é uma questão de saber jogar para a galera, após a explusão ficou claro que:
    Teria que recompor a defesa;
    Teria que tirar Luiz Fabiano e;
    Teria que por Rivaldo:
    Eu teria teria recomposto a defesa e alterado Luiz Fabiano por Rivaldo, a torcida ficaria feliz.

    Com relação a Dagoberto acredito que foi para jogar para a Galera, pois tudo esta indicando que ele não vai renovar com o SP, pois quer ser valorizado, mas não é idolo (como Rogerio Ceni) e nem craque/figurão (como Rivaldo e Luiz Fabiano).

    O America-MG, Cruzeiro, Atletico-Go, Atletico-PR, Palmeiras e Botafogo andam destruindo os bolões da vida, quando a gente pensa que vão ficar ele vão, quando pensamos que eles vão eles ficam.

  • Paula

    Dagoberto que estava sumidão até uns 5 minutos do segundo tempo e quase vira vilão (merecia o segundo amarelo). Vc achou q foi falta no primeiro amarelo de Lucas? Para mim não foi mesmo (se foi cartão possível)! Mas a entrada na canela dele feita por Welinton, logo antes desse primeiro amarelo, essa nem o amarelinho recebeu!
    Achei o arbitro ruim – engraçado que vi vários comentários favoráveis a ele. Errou para os dois lados, deixou ronaldinho apitar o jogo e não foi coerente nos cartões. Apesar de ter sido coerente no cartão por matar contra-ataque (lucas e william), na visão dele lógico!
    O são paulo dominou anulou bem o flamengo no primeiro tempo mas pecou em 2 lances que foram claras chances para o flamengo e o são paulo pouco criou. Após expulsão de Lucas o Flamengo acordou e decidiu partir para cima.

  • eduardo pieroni

    Boa André, o time do cruzeiro é muito feio, pior que do atletico MG , na verdade não qual esta pior, mas o atletico tem + chances do que o cruzeiro de sair da ZR, com BOBO e K9 é dose pra leão.

  • Paulo Torres

    O juiz de Galo x Ceará errou muito para os dois lados.
    Além do possível impedimento no gol atleticano (Márcio Rezende diz na Globo que foi, Gaciba diz no Sportv que não foi) e da lambança na segunda expusão, ele deixou de expulsar o Daniel Marques que minutos após receber o amarelo deu uma tesoura por trás no Daniel Carvalho, e deixou passar um pênalti no Leonardo Silva, empurrado em uma cobrança de escanteio (ambos os lances com oo jogo em 0x0). Deixou Fernando Henrique fazer cera por todo o 2o tempo, e acrescentou ridículos 4 minutos ao fim do jogo – só a comfusão da expulsão do João Marcos parou o jogo por 5 minutos.
    .
    E o pênalti não marcado do Deola sobre o Gílson, nos últimos instantes de Palmeiras x América, conseguiu ser ainda mais vergonhoso.

  • Willian Ifanger

    Nem a chuva pra esfriar a cabeça.

    Olha só. Eu acho que a grande reclamação com o Adilson foi ter tirado um atacante e colocado um volante. Pelo menos ali com a turma em que estava foi essa a irritação. Aquele campo pesado não ajudava o Luis Fabiano no jogo, que estava claramente com receio de dividir e chegar junto. Nada mais prudente. Mas deveria ter colocado outro atacante, como corrigiu depois.

    O que o Dagoberto fez foi surreal. Ninguém estava entendo nada ali. Aliás, o juiz, muito ruim, quando percebeu que era o Dagoberto que tinha feito aquela falta, segurou o vermelho. Ridículo.

    Estatística rápida: Jogos do Tricolor x os líderes:

    1. Vasco: perdeu/?
    2. Corinthians: perdeu/empatou
    4. Botafogo: perdeu/empatou
    5. Flamengo: perdeu/perdeu
    6. Fluminense: ganhou/perdeu

    Um time que quer ser campeão não pode ter um aproveitamento desses contra rivais diretos. Não vai ganhar nada mesmo.

    No blog do Juca, há um informação de que a bola não fica ao lado do gol adversário quando o Rogério vai bater falta. E não fica mesmo porque a gente viu o gandula indo buscar a bola. Agora, uma pergunta: aquela bola poderia ficar ali? Porque eu nunca vi ninguém deixar a bola ao lado do gol…..sempre está com gandulas. A regra permite isso?

  • Robert

    domingo o chamado urubu
    pode ficar tranquilo que o dele esta guardado

    entrar no fla x flu sem willians e ronaldo gaucho vai ficar dificil pro luxa
    como diria nelson rodrigues esta vitoria tricolor esta escrita a 5.000 anos

    e daí rumo ao titulo
    quem viver verá

  • Carlos Futino

    André,

    eu ando por fora dos círculos de são-paulinos na internet, ma não vi ninguém elogiando Dagoberto por tirar a camisa. Só pelo gol.
    A crítica ao Adílson, pelo menos da minha parte, é mais pela entrada do Paraíba que pela saída do L. Fabiano. Na hora da expulsão do Lucas, ele tirou um centro-avante para colocar um volante, chamando o Flamengo para cima do Tricolor e deixando Dagoberto isolado na frente. Logo depois, tirou um volante (Casemiro) para colocar um atacante (Henrique). Não era mais negócio tirar o L. Fabiano e colocar logo o Henrique? E ainda economizava uma substituição.

  • Leonardo atleticano

    André, fiquei uns dez minutos pensando em algo para escrever sobre o jogo do Galo e não veio nada. Ridículo, ridículo demais. Fizeram o nome do Fernando Henrique, que vergonha. Incompetência total, geral e sem tamanho.

  • Anna

    O empate ficou bom pro Corinthians, mesmo. Mas ainda acho que não houve impedimento de Alecsandro. O que você acha? Eu discordei, com dor no coração, do meu ídolo, PVC. Foi um bom jogo, mas o melhor da rodada foi Fla e São Paulo. A virada do Flu foi épica. Na briga pelo título.

  • Gustavo Soares

    As vaias não são para a saída do Luis Fabiano, que já era prevista, e sim para a entrada de mais um volante, deixando a equipe apenas com o Dagoberto a frente e trazendo o Flamengo para cima do tricolor. Com a expulsão e a alteração o Flamengo não tinha mais preocupação com marcação. Aí depois ele teve que tirar um volante para colocar outro atacante, para corrigir a besteira que tinha feito. Só que entre esses dois momentos o Flamengo fez um gol e poderia ter feito outros, não fosse o Rogério fazer alguns milagres.

  • Allejo

    André, a queixa contra o Adílson não foi somente pela saída do LF9, mas sim por quem entrou no lugar. Ele desmontou a equipe quando pos o Paraíba, atraiu o Flamengo p/ o ataque e acabou saindo o primeiro gol assim. Uma alteração mais acertada seria o Rivaldo p/ manter a posse de bola no ataque, pois só ficou o Dagoberto. Tanto que ele teve que corrigir a burrada depois do gol, colocando o Henrique.

  • Marcos Vinícius

    Foi o que eu disse antes:Não tem Luis Fabiano que dê jeito em time treinado por Adilson Batista.Ele pode treinar o Barcelona que mesmo assim prefere se defender a atacar.

  • Paulo Pinheiro

    O árbitro não ter expulsado o Dagoberto eu até entendo. Depois de toda a cena que ele fez ao comemorar o gol, com a torcida urrando toda a seu favor o árbitro intimidou-se. É árbitro iniciante e a gente precisa entender o ser humano ali (aliás, esse era o plano).
    O que eu não posso entender é como esse cara distribui pancadaria há anos e o STJD nada faz a respeito. São pessoas experiente e com tempo pra assistir e tomar decisão pensada. E dá-lhe pontapé, pisão. Contra o River Plate (sim, eu sei, não é da alçada do SJTD) vi o “Dagolpe” dar voadoras nos argentinos.

    Ah… e a falta do Willians, essa sim o árbitro inventou. Fala sério…

  • Marcelo Morais

    Caro Willian Ifanger,

    A solucao eh nao se preocupar muito. No proximo ano tem Brasileirao de novo. Em 2011, meu caro, nem com muita feh. O SPFC nao vence os lideres e tambem nao vence os ultimos colocados. A proposito, tenho aquela intima certeza de que, na proxima rodada, reabilitaremos o Cruzeiro.

    A campanha do SPFC no Morumbi em 2011 nao tem paralelos na historia recente do clube. E, repito, nem uma mistura de Guardiola e Sir Alex Ferguson seriam capazes de injetar animo e gana de vencer nesse time. Uma pena.

  • Marcos Vinícius

    Cara,desculpe,sei que já falei sobre o assunto aqui e você ignorou o assunto,mas é algo que me deixa indignado,e,embora não tenha foco da mídia,não pode passar em branco.

    “Em entrevista à emissora(Record), um ex-membro do quadro de arbitragem da Ferj afirmou que, no Carioca do ano passado, o Duque de Caxias, clube ligado a Eurico, não foi rebaixado devido à relação do ex-presidente vascaíno com a Ferj.
    O mesmo árbitro afirmou ainda que havia “ordem expressa” para que o Vasco não fosse campeão. Segundo ele, um título atrapalharia as pretensões políticas de Eurico em voltar ao comando do clube.

    As denúncias feitas pela Rede Record acusavam ainda a Ferj de utilizar seu quadro de arbitragem para manipular resultados do Carioca. O suposto esquema tinha como objetivo beneficiar aliados e prejudicar clubes de oposição”

    Será que é por isso que os estaduais perderam força?

  • Nilton

    Marcos Vinícius
    Foi por isso e muito mais que os estaduais perderam forças.
    Entre as outras coisas está que os estaduais se transformaram em Pré temporadas, principalmente para os times que estão disputando a Libertadores ou que apostam tudo na Copa do Brasil.

  • Willian Ifanger

    Marcelo Morais,

    Também acho muito estranho o que vem acontecendo com esse elenco que não se impõe no Morumbi. Não se se é comodismo, ou ruindade mesmo.

    Eu como torcedor e corneteiro tenho certeza que hoje o Cruzeiro se reabilita.

  • LM_RJ

    Sem duvida o time mais embalado do 2º turno é o fluminense

    digo mais: a torcida está com sede de vitórias, pois não venceu um misero clássico este ano de 2011. Em outras palavras a torcida está ansiosa por uma vitória em clássico, p/ voltar a encher os estádios e apoiar seu time rumo ao topo, os 90 minutos, com a tradicional garra tricolor.

    E qual será o jogo no domingo:
    Ora, um fla x flu que se apresenta como a oportunidade de satisfazer a torcida. Interessante não é mesmo.

    Esta fla x flu me parece um divisor de águas na história do fluminense em 2011
    Se o urubu der mole, meu camarada, já era para os demais rivais ao título…
    ST

MaisRecentes

No banco



Continue Lendo

É do Carille



Continue Lendo

Campeão de novo



Continue Lendo