CAIXA-POSTAL



Aos temas da semana:

Rafael escreve: André, o que você acha das façanhas de Novak Djokovic neste ano? Pode-se dizer que é o atleta que está fazendo a melhor temporada,
entre todos os esportes?

Resposta: Difícil comparar a performance de atletas de modalidades diferentes. Prefiro ficar apenas no tênis, esporte que Djokovic domina em 2011. O que mais me impressionou foi a reação dele ao fim de sua invencibilidade, em Roland Garros. Em vez de dar muita importância ao fato, tratou de ganhar o grand slam seguinte. Djokovic é um esportista admirável, um ídolo consciente de sua representatividade e responsabilidade. Vale a pena segui-lo no twitter. 

______

Mauro (entre vários) escreve: Gostaria que você comentasse a reportagem da revista Piauí com o Ricardo Teixeira.

Resposta: Um trabalho primoroso da jornalista Daniela Pinheiro, que expôs Teixeira de forma inédita. Pretendo fazer uma resenha da matéria, com os pontos que achei mais interessantes. De qualquer forma, é leitura obrigatória.

______

Luis Fernando escreve: André, qual é sua opinião sobre as dificuldades do Messi na Argentina? É inegável que ele não se sente à vontade na seleção, você concorda?

Resposta: Não sei como ele se sente. Sei que o time não vai bem e ele não brilha. Há quem entenda que ele não se identifica com o país e que, como não tem história no futebol argentino, jamais será acolhido pela opinião pública. Pode ser. O que acho é que o futebol ruim da seleção argentina não pode cair na conta de Messi, apenas. Ronaldinho Gaúcho também não brilhou na Seleção como o fez no Barcelona, mas foi campeão do mundo em 2002. O Brasil tinha um time. A Argentina não tem. 

______

Sérgio escreve: Já tem gente apontando o Corinthians como favorito ao título do Campeonato Brasileiro. Você pensa dessa forma também ou acredita que ainda é cedo?

Resposta: Muito cedo. O Corinthians era um dos candidatos teóricos, desde o começo. Está comprovando essa tese por enquanto. Mas não é razoável fazer qualquer previsão antes do último terço do campeonato. 

______

Obrigado pelas mensagens. Até o sábado que vem. 

(emails para a CP do blog: akfouri@lancenet.com.br, ou clique no link abaixo da foto)



  • Juliano

    Brasil X Paraguai

    Incrível o sofrimento da seleção, que treina junto a quase 1 mês, contra uma seleção de um país que se joga mais futebol, pois não jogam baseball. A seleção tem sério problema em fazer gol, mas a culpa não é apenas daqueles que estão lá na frente. Por partes:

    Impossível jogar com 1 meia + 3 atacantes ou 2 meias + 2 atacantes quando os volantes são ruins. Não sei quem é Lucas Leiva, não acompanho o seu futebol, só conheço ele na seleção e não sei o que ele tá fazendo ali. O lugar é do Elias. O mesmo vale para Ramires, que é um arremedo do jogador da temporada 2010. Este lugar poderia ser do Aroca (que sequer fora convocado) ou mesmo do Elano. Sem bons volantes, que saibam jogar como os que eu citei, dependemos das arrancadas do Lúcio (que faz a função melhor que os dois atuais) ou dos lançamentos do Thiago Silva. Não, não dá!

    Os laterais estão muito mal. Daniel Alves é uma fantasia, eu devolveria a titularidade ao Maicon, tem que testar. André Santos só para para trás, e é até compreensível, pois não acerta nenhum (NENHUM!) passe para frente.

    Ganso jogou melhor hoje. Mas está longe do que pode render. Fundamental nos dois gols, foi ele quem deu o último passe. O mediano Jádson (que EU sequer convocaria…) se destacou, afinal, a fase dos demais não está tão boa. Aí ele faz o gol, toma amarelo, e o Mano o tira? Po… deixa o cara jogar! Se tiver problemas com cartão adiante na competição aí sim voce pode optar pelo esquema antigo com 3 atacantes ou com os seus reservas.

    Sendo santista sou o primeiro a reconhecer que Neymar além de jogar mal nestas duas partidas pela seleção, já começa a prejudicar. Prende a bola quando deve dar continuidade no jogo e pior, não mata quando quer fazer gol de placa. Fez falta na estréia. Hoje quase custou uma derrota. Por que Mano não o tirou mais cedo para colocar o Robinho? Fred resolveu, mas quase entrou tarde demais. Pato esteve sumido, na oportunidade que teve no primeiro tempo não matou. Ronaldo ou Romário matariam, cada um de uma forma. Fred, no meu ver, é substituto natural de Pato. Mano tem que peitar e mexer no time.

    Não entendo a dificuldade de Mano optar primeiro pelo Lucas no meio campo. Hoje entrou Elano no Jádson (para justificar a convocação onde MM afirmou que Elano é meia e não volante), onde poderia ali já ter entrado o Lucas. Ele precisa de mais minutos.

    O time está mal, mas começa nos volantes. No ataque, uma geladeira no Neymar faria bem ao time e a ele mesmo. Material para trabalhar o MM tem mais do que qualquer outro treinador. Está na hora de mostrar pulso, e mostrar que futebol pode ser objetivo e bonito, que só bonito também nao está sendo, e está perdendo sua objetividade quando os gols nao aparecem.

    Desculpe usar seu espaço André. Acho que devo criar um blogue… se for importuno avise e modere.

    PS: Sobre a caixa-postal, em 2002 aquele Ronaldinho ainda nao era o famoso “Ronaldinho do Barcelona”, e o time era da dupla Rivaldo-Ronaldo. E do Felipão.

    Um abraço!

  • Roberto Carlos

    André
    É uma vergonha porem infelizmente existe um receio de perdemos de sediar a Copa 2014 (até possíveis candidados a seram opções já foram noticiados). Se esta tragédia ocorrer e a Copa for em outro local como fica a nossa situação pois não disputaremos as eliminatórias.
    Abraços

MaisRecentes

É do Carille



Continue Lendo

Campeão de novo



Continue Lendo

Inglaterra 0 x 0 Brasil



Continue Lendo