NOTONAS PÓS-RODADA



(não sei bem por quanto tempo as Notinhas, tradicionais, serão Notonas. Enquanto isso…)

O Corinthians (Tolima 2 x 0) deu vexame, com V maiúsculo. Não acho comparável com a queda do Inter no Mundial da Fifa, porque há grandes diferenças entre o futebol do Congo e o da Colômbia. Mas é uma vergonha colossal.

Na história das eliminações cantadas, avisadas, essa foi clássica. O Corinthians jogou a última rodada do BR-10 (contra o time reserva do Goiás) sem acreditar nos perigos da pré-Libertadores. Deu-se mal no sorteio e, aparentemente, subestimou as dificuldades de ser um time competitivo nesta época do ano.

Do inadmissível empate em casa para o aumento da pressão, foi um pulo. Daí para o drama de ter de se virar fora de casa, sem confiança nenhuma (se Roberto Carlos não joga um jogo como esse, ele joga quando?) e contra um adversário babando, um piscar de olhos.

Mais um, e o Corinthians já perdia no placar e, típico, no número de jogadores. A obra, completa, é do próprio Corinthians.

O resto do ano (reso mesmo, porque só há um título importante a disputar) tende a ser dramático, principalmente pelo clima de caça às bruxas que já se instalou. Há quem diga que Ronaldo não joga mais. Não tenho essa informação, mas não duvido da possibilidade.

O pior é o seguinte: mesmo nessas condições, o clube não tem nenhuma desculpa para não fazer um excelente BR-11. Tempo de sobra para trabalhar, sem o incômodo das competições simultâneas.

Conseguirá?

______

O Grêmio (3 x 1 no Liverpool: Alfaro, André Lima e Vinícius Pacheco-2), para quem a pré-CLA foi um prêmio merecido e tratado da forma correta, fez o Olímpico passar alguns minutos sem ar depois do primeiro gol uruguaio.

André Lima perdeu um gol que será sucesso no YouTube, mas fez outro.

Mas o agente transformador na vitória gremista estava no banco, com a camisa de Jonas.

______

É normal Ronaldinho Gaúcho se mostrar ainda fora de forma na estreia (Flamengo 1 x 0 Nova Iguaçu: Wanderley). Mesmo que seu período de inatividade não tenha sido tão longo – tinha jogado pela última vez em dezembro – ninguém pode garantir que ele estava nas melhores condições no Milan.

Pelo que se via, não estava.

Mais normal ainda que, na base da adrenalina produzida pela emoção da estreia e pela festa da torcida no Engenhão, ele tenha se apresentado melhor no primeiro tempo.

Cansou, deve melhorar em etapas. De qualquer forma, vê-lo em campo com uma camisa doméstica é dessas cenas que fazem a gente ficar alguns segundos pensando se são reais.

No primeiro jogo, ele não foi nem muito bem e nem muito mal. Talvez não se aproxime desses extremos, mas sempre será uma atração.

Detalhe: Wanderley comemora gols como os artilheiros brasileiros do passado, correndo como um desesperado. Ninguém consegue pegar o cara quando ele vai para a galera.

Claro, cada um comemora como quer. Prefiro assim.

______

Se você fosse um goleiro e tivesse de enfrentar Abreu (Bangu 1 x 1 Botafogo: Abreu e Abílio) numa cobrança de pênalti, não ficaria em enorme dúvida?

O currículo do uruguaio mostra que ele é capaz de tudo.

Ontem, bateu do jeito “clássico”, rasteiro no canto.

______

Lembra da fase artilheira de Elano na Copa do Mundo da África do Sul? Os jogos do Santos (Ponte Preta 2 x 2 Santos: Rômulo, Elano, Renatinho e Maikon Leite) têm mostrado que não era por acidente.

Ontem, Elano fez mais (6, artilheiro do Campeonato Paulista, junto com Maikon Leite) um, numa cobrança de falta malandra em que parecia que ele só ia reclamar da barreira.

Também construiu o gol de empate do Santos.

______

Que noite de quarta-feira saborosa para o palmeirense.

O líder do campeonato ganhava (1 x 0 no Mirassol: Patrick) o quinto jogo seguido, enquanto em Ibagué…

O Palmeiras ganhou sem Kléber, Marcos Assunção, Lincoln, Valdivia e Marcos. O terceiro gol de Patrick garantiu a vitória que embalou o time para o clássico de domingo, contra o que restar do principal rival.



  • Leandro Azevedo

    O melhor eh o Andres dizendo que nao muda nada o panejamento do clube para o restante do ano… e que vai apaziguar as coisas com contratacoes de peso.

    Um time que perde um jogador como o Elias e a ancora da defesa e nao faz nada para tentar repor (e ainda perde jogadores como Iarley, que na pior das hipoteses sempre corre e briga ate o fim do jogo) nao poderia realmente almejar muito nessa pre-libertadores.

    E o Santos quando tiver Neymar, Ganso e Elano em campo vai ser legal de assistir.

    Abraco

  • Fred Ferreira

    “De qualquer forma, vê-lo em campo com uma camisa doméstica é dessas cenas que fazem a gente ficar alguns segundos pensando se são reais.”

    André, A sua frase serve bem pra exemplificar como os nossos torcedores e jornalistas viraram verdadeiros vira-latas….. Foi-se o tempo em que as grandes atrações eram os clubes e os legítmos craques que neles jogavam, no melhor de suas formas….Agora temos que nos contentar com “sobras” e a imprensa ainda fica “deslumbrada”….Uma lástima !!!!

    AK: Lamento que você se relacione com o futebol dessa maneira. Mas não me surpreendo. Um abraço.

  • Alexandre Casella

    André,
    Assisti ao jogo do Flamengo ontem, aqui no Rio, contra o bom time do Nova Iguaçu (fiquei surpreso com esse time, bem armado e com alguns bons jogadores).
    Achei que ele, em diversos momentos, jogou o que se espera de um craque estreante. Toque de calcanhar, algumas firulas, falta bem cobrada, etc…
    Mas penso que ele quase estragou tudo, numa entrada criminosa em um jogador do Nova Iguaçu.
    Você viu esse lance? Estou exagerando ou ele deveria ter sido expulso (não que eu esperasse que o juiz fosse ter colhões pra isso)?

  • Leandro

    O futebol do congo nao existe mas o time era campeao africano, q jah eh algo. E o inter para passar vexame teve q ser “somente” campeao da libertadores.

    AK: Quanto maior o time (Inter) maior o vexame, certo? E ser campeão africano não significa muita coisa fora da África. Um abraço.

  • Guilherme Calciolari

    O legal foi ver o narrador falando que brasileiro não se dá bem com “catinga de Libertadores” quando o peruano foi expulso. Uma das expulsões mais imbecis dos últimos tempos, por sinal. E é isso aí, precisando ganhar, Paulinho e Ramirez. Valeu, Tite.

  • felipe

    aiai voces (soh me dao alegrias q maravilha… foi tao bom dormir numa quarta feira de jogo de vc’s no silencio.

    agora qq um no lugar do “fenomeno” faria mais coisa q ele. juro c o entrar em campo com um reboque eu nao vou estranhar, pois essa deve ser a unica coisa capaz de movimentar ronaldo pelo campo.
    alem de fora de forma ele esta pensando bem mais no cigarrinho pos jogo do q na bola.

  • Francisco

    Só uma piadinha inocente:

    Depois de ficar cabulando aula o ano inteiro, o pequeno Andrezinho ficou de recuperação de matemática na Escola Libertadores da América.

    E o professor começou o exame:

    – Muito bem, conte de 90 a 110.

    – 90, 91, 92, 93, 94, 95, 96, 97, 98, 99, CENTENADA, CENTENENHUM, CENTENEMDOIS, CENTENEMTRÊS…

    – Ih… olha garoto, eu sinto muito, mas você vai ter que tentar de novo ano que vem…

    – Mas ano que vem eu não estou mais aqui!

    – É mesmo? Conversa com o JuJu que ele te ensina como se faz…

  • alex

    AK, é apenas minha opinião, mas sei que o que todos sabem.

    O Corinthians é um time COVARDE, com diretoria COVARDE.

    Tenho pena dos 29,9999 milhões de trouxas que acreditam neste timeco safado, em uma agremiação altamente corrupta. Eu não acredito mais…. E agradeço que minha filha de 5 anos já torce para o SPFC, que é outra farinha do mesmo saco, mas uma farinha com “valor agregado”….rsrsrs

    abraços,

  • BASILIO77

    Benvindo AK.
    O casamento R9/SCCP acaba agora ou no final do ano?
    Daqui pra frente vai ser só porrada.
    Abraço.

    AK: Muita gente acha que, em campo, acabou. Mas essas questões não são simples. Um abraço.

  • Fred Ferreira

    AK: Por favor, você poderia reenviar seu último comentário? Ele foi acidentalmente apagado. Desculpe e obrigado.

  • Alexandre

    “…há grandes diferenças entre o futebol do Congo e o da Colômbia…”

    Não custa lembrar que também há grandes diferenças entre ser eliminado em um jogo único ou em dois jogos.

    AK: Em dois jogos, quase sempre, o melhor time passa. Em um, pode acontecer de tudo. Um time inferior pode vencer por casualidade, sem que o resultado seja necessariamente justo. Cenário que não se aplica à vitória do Mazembe sobre o Inter. Um abraço.

  • Lucas

    Muitos ridicularizarão, mas não tem importância. A relação entre o Timão e o Verdão é karmica e dharmica… Quando um está bem, o outro está mal. São ligados como irmãos siameses e toda a vez que imprensa (de maioria corintiana) judia muito do Palmeiras com a banalização sistemática das informações e a falta de piedade que notabiliza os jornalistas brasileiros, sempre bastante passionais, o Corinthians (marca e instituição) é quem paga o pato! Enquanto houver exageros desta forma, talvez não haja conquista de Libertadores! Só queria que pensassem um pouco sobre isso. Não devemos ser apenas racionais e cartezianos também, mas pesar mais os atos e atitudes no momento em que se desce a lenha! Mas é só escalar o Sálvio Spíndola ou o Paulo Cesar de Oliveira, que dá Timão no clássico de domingo e a zombaria será do Felipão e de seus atletas. O primeiro sempre “pendura” os jogadores mais importantes do Palmeiras e o segundo, já validou até gol de mão!

    AK: Sempre lembrando que se você precisar de ajuda para cumprir aquela promessa, é só pedir. Um abraço.

  • Felipe

    Quanto aos desfalques do Palmeiras, é bom lembrar, que não pode contar também com Danilo, Gabriel Silva e Pierre, titulares certos desse time. Ao que parece, o Palmeiras montou um elenco com boas opções.

  • Anna

    A eliminação do Corinthians foi lamentável. O time está sem alma, sem garra, sem vontade. Vi parte do jogo, não desde o início. E penso que o time fez da Libertadores uma obsessão, o que minou as energias do clube. Acredito que o Tite consiga recuperar a alma corintiana. Quanto aos torcedores que foram pichar muro e depredar carros, esses deveriam procurar um trabalho e protestar gritando, na arquibancada. Não acredito também na fim da parceria com Ronaldo, porque ela vai muito além do campo.

  • Rejane

    Para alguns jogadores do Corinthians, que diziam que não conheciam o Tolima, jamais esqueceram esse time e essa derrota! O jogador Ramirez deve está pensando naquela expulsão até agora!
    André, seja bem vindo!

  • fabio

    Andre, no futebol de hj em dia, vamos dizer “competitivo”, nao consigo ver mais espaço pra falta de profissionalismo, ou melhor, ou seria falta de responsabilidade, apostar num Ronaldo muito fora de forma, apesar q no primeiro ano teve alguns bons resultados, mas depois acabaram.
    Não dá pra engolir a forma do Ronaldo hj, pô, encerra a carreira e ta blz.
    Não to dizendo q o culpado é ele, mas se ele pelo menos fizesse a diferença, hj ele não faz mais, ate valeria a pena algumas regalias, mas nao da mais nao.

  • oscar

    É verdade, quanto maior o clube, maior o “vexame”. O Inter buscava o bi-mundial. O Corinthians, apenas passar pela fase preliminar da libertadores, e nem isso conseguiu.

    AK: Isso significa que você concorda comigo?

  • Marcelo Coelho

    -Discutiram tanto que o título do Fluminense no Brasileirão do ano passado foi favorecido por marmeladas de Palmeiras e São Paulo que esqueceram de uma coisa: o time do Corinthians é no máximo medíocre.

    -Elano é o melhor jogador brasileiro desde a Copa 2010.

    Feliz Ano Novo e um abraço

    AK: O time deste ano é diferente, e pior, do que o do ano passado. Feliz 2011, obrigado. Um abraço.

  • Leonardo atleticano

    André, grandes trabalhos para vc esse ano meu caro, é o que desejo. Quanto ao Corinthians, se servir de aprendizado já vai ser alguma coisa, e que outros times aprendam sem ter que passar pelo vexame. Jogador baladeiro, fora de forma, farrista e irresponsável não acrescenta nada, mesmo que tenha técnica superior, sempre será negativa a sua contribuição.
    Dirigente metido a malandro como o do Corinthians poderia dar um bom bicheiro, administrar um clube grande exige muito mais.
    Já falei inúmeras vezes em seu blog, esse Tite é um dos maiores enganadores do futebol brasileiro, mas em terra que presidente da república fala : “nós vai” , treinador que fala bonito é rei. É uma comédia.

  • Sinceramente, já passou da hora da pólícia fazer alguma coisa séria com esses marginais que vão destruir o carro de um cidadão e pixar uma propriedade particular.

    É a banalização do absurdo. O narrador da Sportv achou engraçado a dança dos policiais protegendo o Jorge Henrique, quando ele ia bater o escanteio. É inacreditável! O cara joga pedra no outro, e tá tudo bem?

    Não tô querendo eximir ninguém de culpa, até porque futebol é assim mesmo, um tem que ganhar. Porém, seria muito mais saudável se os torcedores do Timão entendessem que o time não acaba quando se perde ruma Libertadores e também que a competição acontece todo ano!

    O Corinthians não vai ganhar a competição sul americana, porque os torcedores estão mandando! Não adianta ir lá botar medo nos caras!

    O que adianta é protestar na arquibancada e deixar o time trabalhar em paz! A diretoria tem que garantir o mínimo de segurança aos jogadores.

    Não é possível um time ter que mudar a rota para não ser agredido no aeroporto! Futebol é só um jogo! Desculpe pelo comentário tão longo, André. É que a situação é muito revoltante e não há sinais de mudança no curto prazo!

  • alex

    Pedro Valadares, concordo com você em quase tudo…. apenas discordo de reclamar na arquibancada. Esse time não merece torcida na arquibancada! Acho que nem deveria ter mais torcida no estádio e deixar de acompanhar na TV.

    Imagina um jogo desse timeco safado com 600 testemunhas e 1 ou 2 pontos de audiência na Globo???? Aí pode ter certeza, os caras ganham até torneio lunar.

  • André Bastos

    Opa, opa, opa.
    Muita calma nessa hora, AK.

    Camisa doméstica com R10???
    O Manto é worldwide.
    (Sei que não foi em tom pejorativo o seu “doméstica”, calma)

    Doméstica é a camisa do time sem passaporte….rsrsrs
    O corintias é sempre extraditado da CLA…..rsrsrs

    SRN

  • Alex, os jogadores passam, o Corinthians fica! Os caras são humanos também, erram como qualquer um. Não dá pra esquecer do time só por causa de uma derrota.

  • Paulo Pinheiro

    Pra mim o Ronaldinho Gaúcho estreou MUITO bem.

    Ele, meio-campista que é, fez uma coisa que muito atacante não faz: se desmarcou. E contra um time que marca implacavelmente.
    Fora as duas ou três boas enfiadas de bola na área que o David, ainda devendo MUITO, não soube aproveitar.

  • Marcos Vinícius

    Wanderley comemora seus gols correndo pra galera,como um alucinado.Até mesmo nos treinamentos ele vibra quando marca.Um cara que tem alegria em jogar,em quaisquer circunstâncias.

    Enquanto isso,em Minas Gerais…

    Tardelli continua comemorando seus gols atirando.Seja com que conotação for,péssimo exemplo .

MaisRecentes

Dilema



Continue Lendo

No banco



Continue Lendo

É do Carille



Continue Lendo