NOTINHAS PÓS-RODADA (e o placar final do jogo das urnas)



Fechando a trigésima-segunda jornada do BR-10:

* O jogo dos já classificados para a Libertadores (Internacional 1 x 1 Santos: Zé Eduardo e Leandro Damião – 29.565 pagantes no Beira-Rio) foi o melhor do sábado. Mas o empate foi muito ruim para ambos.

* E na semana em que a tecnologia na linha do gol foi notícia, eis que a arbitragem não conseguiu ver um gol do Santos no primeiro tempo.

* Início arrasador do Vitória (4 x 2 no Vasco: Adaílton, Elkeson, Neto Coruja, Nunes, Fumagalli e Júnior – 31.449 pagantes no Barradã0), que fez 3 x 0 no primeiro tempo.

* O time baiano foi o que mais subiu na rodada: 3 posições.

* Com dois gols em jogadas de contra-ataque, o Botafogo (2 x 0: Edno e Abreu – 17.012 pagantes na Arena do Jacaré) recolocou o o Atlético Mineiro na ZR.

* No primeiro gol, Abreu mostrou, mais uma vez, que joga para o time.

* Bonita a nova camisa do Palmeiras, que venceu (3 x 2 no Goiás: Tinga, Márcio Araújo, Jones, Dinei e Everton Santos – 5.811 pagantes na Arena Barueri) sem Marcos Assunção e Valdivia.

* Kléber detonou o árbitro Djalma Beltrami, que entrou para a História ao dirigir a “Batalha dos Aflitos”.

* Depois de 2 derrotas seguidas, o Cruzeiro não bobeou (2 x 0 no Grêmio Prudente: Léo e Robert – 1.872 pagantes no Prudentão) contra o lanterna.

* Belo lançamento de Gilberto, no lance do segundo gol.

* O Avaí ganhou (1 x 0 no Guarani: Eltinho – 10.873 pagantes na Ressacada) pela primeira vez em 7 rodadas.

* Por coincidência, o Guarani completou 7 jogos sem vitória.

______

Na prorrogação, o time favorito controlou os nervos e venceu.

O derrotado só pode reclamar dos próprios erros.



MaisRecentes

Vitória com bônus



Continue Lendo

Anormal



Continue Lendo

Saída



Continue Lendo