NOTINHAS PÓS-FESTA DO INTER NO MORUMBI



Que jogaço…

* Não me lembro de ter visto, em muitos anos, um jogo tão intenso. São Paulo (2 x 1: Alex Silva, Alecsandro e Ricardo Oliveira – 57.113 pagantes no Morumbi) e Internacional mostraram o que significa a expressão “não tem bola perdida”.

* Do lado são-paulino, entrega e toque de bola inéditos na temporada. Era o mesmo time que jogou no Beira-Rio?

* Do lado colorado, marcação incansável, sem deixar de jogar. Exatamente como se deve fazer.

* Não fosse a falha inacreditável de Renan no primeiro gol, creio que o jogo seria menos dramático.

* E o Inter foi o responsável pelo drama: além da falha citada, Renan dividiu com um zagueiro colorado (Bolívar?) a bola que saiu da área e voltou para Ricardo Oliveira marcar. E os dois cartões amarelos de Tinga (que, fora isso, jogou muito) foram pedidos ao árbitro.

* Por ironia, a primeira derrota do Inter depois da Copa o levou à final da Libertadores, e ao Mundial de Clubes.



  • Rita

    Realmente!
    Foi um jogaço.
    Classificou-se o melhor.
    Se há algum alento, foi o fato de o time ter jogado como nunca antes neste 2010 (nem mesmo qd venceu o Cruzeiro no Mineirão).
    Mais uma noite de Libertadores difícil e triste (e olhe que pensei que estava preparadíssima para a desclassificação, mas o futebol é um troço sério!!!).

  • Jeferson Esteio

    É pra matar o Secador do coração…

    Os gremistas da minha visinhança q fizeram festa com aquele primeiro gol cagado do são paulo receberam o tradicional foguetório no telhado!!!

    SEREMOS CAMPEÕES!!!!

    SÃO PAULINOS = MEXICANOS = FREGUESIA!

  • M.RODRIGUES

    Kfouri,

    Por favor, responda-me: você não acha esse regulamento um tanto esdrúxulo? O chivas pode ser campeão e não leva nada!
    Ok, eu sei que ele é convidado, e coisa e tal, mas o mais correto e coerente, já que os mexicanos querem mesmo participar da Libertadores, que abdiquem de suas vagas na Concacaf? Ou então, que não disputem a Libertadores.

  • Anna

    Foi um jogo muito bonito. O melhor que vi até agora! Fiquei sensibilizada com o choro de Hernanes e principalmente o de Rogerio Ceni. E uma partida com poucas faltas, o que demonstrou entrega, mas lealdade por parte das equipes. Se houvesse uma concessão, sei que não há, as duas equipes deveriam se classificar para a grande final da Libertadores. Mereciam!

  • Ruy Felipe

    Jogaço melhor que todos da Copa. Ainda bem, pois quem gosta de futebol agradece. Times buscando o gol, marcando, tocando a bola. Doses cavalares de emoção e no fim, alegria e dor, tudo misturado. Ontem foi pintado um bonito quadro na história do futebol brasileiro e sul americano.

  • Rafael Travassos

    AK,
    O que achei interessante e ninguém comentou: “Não houve entrada de carrinho da maca”.
    Isso mostra que se preocuparam em jogar bola e não em fazer cera.
    Parabéns a ambos pelo futebol.

    Abs
    Rafael

  • Edouard Dardenne

    Enalteço o fato de que você está destacando, como deve ser feito, a ‘vitória’ do Inter num jogaço. Tenho visto e lido comentários que abordam o resultado do jogo mais como uma derrota sãopaulina (como se esse o foco) do que uma bela conquista colorada. Aos sãopaulinos, fica o consolo de que em anos anteriores o time foi esmagado (jogadores expulsos, time perdido em campo, etc). Neste ano, neste último jogo, o time caiu de pé. Um abraço.

  • Faaala, André!

    Rapaz, hoje um amigo meu corinthiano (como sempre) veio todo sorridente, dizendo “Estou feliz, estou feliz!”… eu virei pra ele, bem-humorado, e disse:

    “Você deveria estar preocupado. Se o SP começar a jogar desse jeito, adeus título no centenário.”

    Hahahaha… mas falando de ontem, não me lembrava de um jogo do SP onde eu me emocionasse tanto no final… achei que conseguiríamos, mas o Inter foi muito bem, e mereceu estar onde está.

    Abraço!

  • David Mauricio Gonçalves

    O jogo foi muito bom… nervoso e disputado. Acho o time do Inter melhor, apesar do São Paulo ter um grande elenco no papel.
    É brincadeira um time como o SP, ficar levantando bola do meio de campo para a grande área. Tudo bem que “arranjou” os dois gols desta forma, mas ficar o jogo inteiro sem uma jogadinha de linha de fundo, e só levar perigo em escanteio e bola parada levantada na área… É brincadeira!!!

  • eduardo pieroni

    Boa Andrè,o jogo foi disputado não jogado, o time do são paulo nao tem ninguem que coloca a boal no chão, sò chutão , e falam que o foi o melhor jogo do são paulo , que saudades de Palhinha,Muller atè Amoroso que decidiam um jogo em uma jogada, o time do São Paulo sò tem CABECUDO, o Futebol esta acabando o Hernanes sendo vendido por 14 milhoes se e este o valor?

  • leonardo atleticano

    André, foi um jogão, muito bom de se ver. Pressão, adrenalina e muitas alternativas durante a partida. Só não gostei do Rogério Ceni no apagar das luzes, ir até a área adversária para estragar a última chance do seu time com catimba e falta de respeito. Ele não foi para tentar fazer o gol, ele foi para tumultuar, não entendi sua atitude.

  • Anna

    Off topic: Ao ver o SC Hora do almoço me veio uma dúvida: André, voce não acha que quatro meses para recuperação de uma artroscopia do Kaká não é muito tempo? E como Calçade disse, também achei estranho o Kaka operar com o médico belga e não com o Dr Runco. Gosto muito do SC Hora do almoço. Queria aproveitar e parabenizar toda a equipe que o faz diariamente!

    AK: Artroscopia é o nome do procedimento. Estamos mais acostumados a ouvir que o prazo de recuperação é de cerca de 1 mês, porque na maioria dos casos trata-se apenas dos meniscos. Mas, pelo que se soube, havia também um problema de cartilagem. Um abraço.

  • Julio Damasceno

    Meuuuu COLORADOOOOOOOOOOO!!
    Estava ontem a noite no jogo e poder gritar “O Morumbi é nosso!” não tem preço!

    Meu coração passou no teste ontem.

  • paulo_cass

    Dizer que o São Paulo teve jogadas já é muito… mas a equipe melhorou sim.

  • eu tava vendo o debate…

  • Willian Ifanger

    Geralmente, depois de uma desclassificação doída como essa eu fico um tempo sem ler nada sobre esporte…..apenas acompanho meu time, vejo os jogos e nada mais.

    A diferença do confronto? O São Paulo não quis jogar no Beira Rio. Simples. Lá o Inter foi bem melhor e ganhou…..aqui o Tricolor foi bem melhor e ganhou. Se classificou pelo regulamento. Faz parte.

    Todo mundo está dando méritos ao Inter que jogou de igual para igual aqui no Morumbi. Também acho. Mas perdeu. O Tricolor não fez o mesmo lá. Foi covarde, sem atitude. As coisas poderiam ter sido bem diferentes.

    Mas o fato é que um segue rumo à final e o outro segue tendo que já pensar em o que fazer pra 2011. Os são paulinos tem que seguir o seu caminho.

  • Rejane

    Eu torci pelo São Paulo mas o Inter foi melhor nos dois jogos por isso mereceu a classificação! Fiquei emocionada ao ver os choros dos jogadores Hernanes e Rogério Ceni após a partida. Na Libertadores 2010 o Inter, na fase de mata-mata, só se classificou no sufoco! Espero que com a classificação do Mundial já garantida, o Inter não desista do título da Libertadores.

  • Masterdik

    Caro Alejjandro:

    Sou corintiano e torci pro São Paulo ontem, sem ironias, acredite. Acho que foi a 3ª ou 4ª vez que tive que fazer isso na vida, e, COMO EM TODAS AS OUTRAS, quebrei a cara!

    Ainda bem que não dependo de torcer pra esse time todo dia!

  • Hilário

    SUAS GLÓRIAS VÊM DO PASSADO:

    – O São Paulo se tornou penta-eliminado na Libertadores por clubes brasileiros (2006-Internacional, 2007-Grêmio, 2008-Fluminense, 2009-Cruzeiro, 2010-Internacional).
    Essa marca dificilmente será igualada por outro clube algum dia.

    – Nenhum clube brasileiro perdeu mais finais da Libertadores do que o São Paulo: 3 vezes.
    Nesse ponto, o São Paulo se iguala rigorosamente aos “gigantes” Olímpia paraguaio e Nacional uruguaio, com três títulos e três vices.

    – A questão é subjetiva; mas pouca gente é capaz de discordar que cabe ao São Paulo a autoria da mais covarde e vergonhosa exibição de um clube brasileiro em toda a história da Libertadores: o enfrentamento contra o Internacional, realizado há um semana em Porto Alegre.
    O comportamento do tricolor paulista foi de uma pequenêz incomparável.

    VAMOS, SÃO PAULO:

    – Apesar de, agora, estar mais preocupado com a luta contra o rebaixamento, o São Paulo ainda tem a disputar dois terços do Brasileirão, e pode aspirar a mais uma conquista de vaga na Libertadores.
    Caso a classificação se concretize, o São Paulo terá a chance de, em 2011, se igualar ao Palmeiras como clube brasileiro que mais Libertadores perdeu (atualmente o placar está em 13×12 para o alviverde).
    O São Paulo terá também, é claro, a oportunidade de ampliar o seu já sensacional recorde de eliminações por clubes brasileiros…

  • Ricardo Inocencio

    SP fez dois gols mais por falhas coloradas do que por méritos próprios.

  • Andre Luis

    AK, permita-me discordar.
    Foi um jogo corrido, emocionante mesmo pra quem, como eu, não torce para nenhum dos times, mas, jogaço? Nem tanto.
    A maior parte do tempo o São Paulo se limitou a levantar a bola na área, assim saiu o 1º gol.
    Foi preciso uma falha infantil do arqueiro pra sair o gol.

    Trabalho de criação foi praticamente nulo.
    Apenas Hernanes parecia ter alguma condição de sair do trivial
    Nem mesmo o Inter conseguiu criar boas chances de gol.

    Houve entrega das duas partes, praticamente nenhuma jogada violenta, catimba ou coisas que diminuem a importância da partida.
    Acredito que faltou mais técnica na partida para considerarmos um jogaço.

  • Caro Masterdik:

    Se toda vez que você, corinthiano, torce pro SP, e o SP perde… então pô, para de torcer pro SP, ow! 😛

  • Luiz Felipe

    Rejane,

    O colorado eliminou Banfield (atual campeão argentino) e o Estudiantes (atual campeão da libertadores). “Apenas” isso. Não poderia ser fácil, como não foi mesmo.

    AK, se a final for em Guadalajara, a partida será em grama síntética!! Sendo o esporte o futebol, não consigo imaginar nada além de uma pelada entre amigos nesse tipo de piso.

    Será que a comenbol autoriza isso??

    AK: Boa pergunta. O Inter está trabalhando para que o jogo não seja no novo estádio do Chivas, e sim no Jalisco. Um abraço.

  • Arlindo

    Rejane, complementando o Luís Felipe, de todos os times que chegaram nas semifinais o Inter foi quem enfrentou adversários mais tradicionais durante a fase de mata-matas. O Bansfield, é simplesmente o campeão argentino da temporada passada, e o Inter jogou no mata-mata sabendo que o que importa são os 180′ jogados. Na Argentina, perdeu, sim… Dois gols do Bansfield, foram em impedimento claro, não anulados pelo juiz! Mesmo assim, não jogou atrás, e, buscou sempre o gol, tanto foi assim que fez um gol, que garantiu a classificação com 2×0, na rodada de volta no Beira Rio. Deve-se nesta vitória um mérito especial a Jorge Fossati, pois ele bancou um time totalmente reserva em um jogo no Beira Rio contra o Cruzeiro, no domingo que antecedia esta partida (uma terça feira). O Cruzeiro, carregando toda a arrogância do Sr. Adilson (graças a deus que não veio para o Inter), jogou quase completo. Bem feito, substimou o São Paulo, que jogava na mesma terça feira contra o Cruzeiro. Resultado Inter 2×0 contra o Bansfield (grande jogo de todos os titulares descansados), Cruzeiro 1×2 São Paulo (melhor partida do São Paulo na temporada…lembram… Contra o Estudiantes não foi muito diferente. O Inter soube como nenhum outro time trabalhar com este detalhe do regulamento, que dá mais importância ao gol qualificado para aquele que o faz na casa do adversário. Quem não daquele jogo, heróico, em que o Giuliano ao 43′ do segundo tempo, fez gol desclassificando, o último campeão da Libertadores da América. Está campanha do Inter está sendo uma epopéia….

  • Arlindo

    Birner, só para zoar um pouquinho os São Paulinos….Como tanto o Beira Rio, quanto o Morumbi, são estádios credenciados para a Copa de 2014, corre a boca miúda que o próximo projeto do Morumbi, que o Juvenal Juvêncio irá apresentar a FIFA, será primeiro submetido ao Arquiteto e a Diretoria do Internacional. Afinal, depois da segunda eliminação do São Paulo para o Inter dentro do Morumbi, a torcida do colorado está dizendo “ESTE ESTÁDIO É NOSSO”. Fontes fidedignas dizem que o Departamento Jurídico do Inter, ja entrou com processo de usocapião!! É verdade???

    AK: Errou de blog? Um abraço.

  • Lenilson Araujo

    Realmente foi um jogão, digno de uma decisão, mas acho que você exagerou ao escrever que não vê um jogo tão intenso há muitos anos. A final entre Santos e Santo André foi mais intensa.

  • LEANDRO

    André, tive visão diferente da sua a respeito do jogo de ontem (tirando os 10 ultimos minutos). o jogo de ontem parecia o mesmo de quarta, com o inter com a bola nos pés e o são paulo dando balão pra area, parabens ao inter (santos) e choro ao são paulo (vitoria)…kkkkk

  • André,
    Foi um ótimo jogo no Morumbi. O Inter com a raça de sempre, resultado da mistura do futebol gaúcho com o futebol argentino. O São Paulo, fez algo que não fazia a tempos: jogou com aplicação, apesar de não jogar bonito. Pra mim, o São Paulo tem muito a evoluir ainda, afinal, com um elenco daqueles, poderia estar apresentando um melhor futebol.

  • Nilton

    André, me tira uma duvida, todo mundo ficar falando que o Inter já esta no mundial, mesmo ficando em segundo. A minha duvida é se ficar com o vice garante a vaga na proxima libertadores ou a vaga é somente para o Campeão independente de ser visitante???????
    Pois ficar entre os 04 do Brasileirão sempre é complicado.

    AK: Só o campeão da Libertadores garante vaga no ano seguinte. Um abraço.

MaisRecentes

Presente



Continue Lendo

Em frente 



Continue Lendo

Acordo



Continue Lendo