FRIO MONSTRO (e um gol que eu já vi)



Antes de qualquer coisa, esfriou muito em Joanesburgo. Quero dizer, muito. Coisa de 5 graus neste momento, estou feliz por estar sentado no Centro de Imprensa do Ellis Park.

Agora, sim, dá para acreditar na previsão de -2 graus celsius para a parte final do jogo.

Mas o fato é que, com qualquer temperatura, não dá para imaginar que a Seleção Brasileira terá problemas para vencer o pior time da Copa.

A Coreia do Norte tem o ranking Fifa mais baixo entre todas as seleções do Mundial: 105.

Kaká e Julio César estão recuperados e prontos para a estreia. O meia disse que não sabe se terá gás para o jogo inteiro.

Dado interessante: os 11 jogadores que devem entrar em campo logo mais nunca atuaram juntos (foi assim em todas as Copas que o Brasil ganhou).

Para quem gosta dessas coisas (informação apurada pelo PVC): O Brasil vai jogar de camisa amarela, calção azul e meias brancas. Julio César vestirá verde. A Coreia do Norte estará toda de vermelho.

No mesmo estádio em que conquistou a última Copa das Confederações, a Seleção Brasileira arrancará na Copa do Mundo.

Deve ser uma vitória absolutamente tranquila.

______

Apenas para deixar registrado, porque se eu contar essa história depois, obviamente ninguém acreditará em mim.

Sonhei com o jogo de hoje, e com um gol de Robinho.

Bola cruzada da direita, rasteira. Ele dominou já fintando um zagueiro com um drible de letra, cortou o goleiro e tocou pro gol.

Golaço.

Se acontecer, não pensem que voltarei aqui.

Já estarei cuidando das minhas novas atividades profissionais.



MaisRecentes

Arturito



Continue Lendo

Terceirão



Continue Lendo

“Algumas tapas”



Continue Lendo