CAIXA-POSTAL



Aos assuntos da semana:

Rodolfo escreve: A eleição do clube dos 13 e disputa, com o perdão da piada infame e nada original, café (Koff) com Leite, está sendo bastante discutida na mídia esportiva e especialmente em alguns blogs. Você poderia me apontar quais as principais diferenças entre as duas chapas? E algo efetivamente diferente ocorrerá se algum lado específico ganhar?

Resposta: A principal diferença entre as duas candidaturas é que a CBF apoia uma delas, a de Kléber Leite. Leite significa a manutenção do cenário reinante no futebol brasileiro: poder da CBF sobre os clubes intocado, monopólio da TV Globo nas transmissões. Koff representa (em tese, o que não garante nada) um mínimo de independência do Clube dos 13 em relação à CBF e, possivelmente, um acerto com a TV Record. Nenhum dos dois candidatos pensa no que seria o melhor: dar aos clubes o direito de organizar os campeonatos e negociar com todas as emissoras interessadas em transmiti-los. É impossível prever o que acontecerá na eleição, já que a política do futebol é ainda mais surpreendente do que o próprio futebol. Ontem, Koff tinha mais votos. Mas a eleição é depois de amanhã.

______

Everton escreve: André, desde a temporada 2002-2003 da UCL não tínhamos uma semifinal sem times ingleses. Em 2008 tivemos 3 clubes da Inglaterra nas semifinais. O que voce acha que pode explicar isso? Foram os outros clubes das outras grandes ligas européias que a alcançaram a qualidade e sucesso dos ingleses na UCL, ou foram os próprios ingleses que decariam nesses ultimos anos? Você acha que o grande endividamento dos principais times ingleses tem alguma relação com essa fraca campanha na UCL esse ano?

Resposta: As quartas de final tiveram um clube espanhol, um italiano, um russo, um alemão, dois franceses e dois ingleses. Isso significa que, em qualidade, a Premier League e o Campeonato Francês estão no mesmo nível? Obviamente não. Numa competição em formato de mata-mata, e com sorteio definindo confrontos, não há como fazer esse tipo de avaliação. Por exemplo: se o sorteio definisse Arsenal x CSKA, e o Manchester United não tivesse se autodestruído em casa, provavelmente haveria dois ingleses nas semifinais. E falaríamos sobre o “domínio” do futebol inglês na Europa.

______

Denis escreve: Sempre que consulto listagens dos campeões argentinos, percebo que entre 1967 e 1984 existiam no mesmo ano o Campeonato Nacional e o Metropolitano. Qual era a diferença entre eles? O Metropolitano era uma espécie de Estadual brasileiro? Em um site vi a informação de que apenas equipes de Buenos Aires e região metropolitana disputavam o Metropolitano, mas o Newel’s Old Boys que é de Rosário (fora da Região Metropolitana de Buenos Aires) aparece como vencedor em 1974. Quem então participava desta competição?

Resposta: Até 1967 o Metropolitano fazia jus ao nome. Depois, foi aberto aos times de outras regiões. O atual formato, com os torneios Apertura e Clausura foi adotado na década de 80.

______

Sérgio (entre muitos) escreve: André, por que a ESPN não vai transmitir Real X Barcelona neste sábado? Você não acha que é uma falta de respeito com os assinantes do canal?

Resposta: Sim, se fosse apenas uma opção por não mostrar o jogo. Aliás, os problemas seriam bem mais graves do que uma “falta de respeito”. Ocorre que os direitos de transmissão do Campeonato Espanhol (bem como todos os outros) são regidos por um contrato. Por esse contrato, a ESPN só poderia mostrar o clássico do primeiro turno, como fez. O jogo de hoje (que começa às 17h), do segundo turno, é da Sky, que permitiu que apenas a ESPN HD também o transmitisse. A ESPN Brasil exibirá o videotape amanhã, às 20 horas.

______

Como sempre, agradeço pelas mensagens. Até o próximo sábado.

(e-mails para a CP do blog: akfouri@lancenet.com.br, ou clique no link abaixo da foto)

“Sua falha como filho é meu erro como pai.”

Marcus Aurelius, em “Gladiador”

(sugestão do blogonauta Teobaldo. Obrigado!)



MaisRecentes

Filme



Continue Lendo

Perversidades



Continue Lendo

Arturito



Continue Lendo