DESEQUIL-IBRA



Depois de errar os dois primeiros cruzamentos que tentou no jogo, Daniel Alves deu um gol (Barcelona 1 x 0 Real Madrid) para Zlatan Ibrahimovic marcar.

E como o sueco marcou… conclusão mortal, de quem estava certo de que faria o gol.

Daniel ainda deixou Messi (que lhe disse que “não esperava o passe”) na cara de Casillas no final do jogo.

Sim, tudo poderia ser diferente se Cristiano Ronaldo fizesse o gol que Kaká, por generosidade, lhe ofereceu ainda no início.

Ou se Puyol não travasse Marcelo (outra bola de Kaká) no primeiro tempo, e Higuain no segundo.

Não foi um graaaaaaaande jogo, mas foi bem interessante. Desnecessário dizer o que é estar no Camp Nou lotado (97.138 pagantes), numa noite de superclássico.

E o fato é que o domingo terminou com a foto abaixo, após o jantar que reuniu colegas de ESPN da Argentina, do México, da Espanha e do Brasil.

Sim, o cara ao meu lado esquerdo o é quem você está pensando.

Não jogava nada…



MaisRecentes

Vencedores



Continue Lendo

Etiquetas



Continue Lendo

Chefia



Continue Lendo