E ATENÇÃO PARA AS ÚLTIMAS NOTÍCIAS…



Duas notas de fim de tarde:

* A CBF decidiu afastar o árbitro Carlos Eugênio Simon, pelo conjunto de sua obra. Simon não apitará mais no BR-09.

Comentário do blog: Demorou. Simon vem estragando jogos há tempos.

* A Taleban, ou melhor, Uniban, voltou atrás na decisão de expulsar a estudante que foi à aula de mini-vestido.

Comentário do blog: Demorou também. Fora a arbitrariedade, a total inversão de valores e a vergonha internacional, os gênios que tinham decidido pela expulsão apenas aumentaram a monta da indenização que a “escola” teria (terá?) de pagar.



  • Willian Ifanger

    Plano de aposentadoria pro senhor Simon….não fará falta alguma.

    E quer dizer que os “gênios” mudaram de idéia? Desculpe…..tarde demais…..o bolso deles vai doer.

    Ah se no meu tempo de faculdade ao invés de um bando de homem peludo tivesse uma mocinha de mini-saia e pele lisinha. Prestar atenção num chinês falando de Transformada de Fourier???? Tá bom então.

    Com todo respeito ao bom senso e aos bons costumes, mas a inversão de valores nesse caso específico foi ridículo.

  • Roberto Carlos

    André
    Voce foi um dos entusiastas da candidatura do atual presidente do Palmeiras, parecia que vinha algo de diferente e moderno, porem já coleciona um monte de frases tipicas de um Eurico Miranda, prometeu até dar porrada no Simon, permitiu que um presidente de torcida organizada com ficha suja desse palestra motivacional para o elenco. Podemos considerar o Professor Belluzzo uma decepção?
    Abraços
    Roberto Carlos

    AK: Manifestações como a de ontem são sim, decepcionantes. Quando Belluzzo soa como qualquer outro cartola, algo está errado. Um abraço.

  • Anna

    Assino embaixo as duas notas. A segunda é inadmissível. A faculdade só voltou atrás porque temeu o descredenciamento do MEC. Quando digo que você não é só jornalista esportivo, mas antes de tudo jornalista, não é à toa. jornalista completo, como sempre. Ouvi o Esporte Clube CBN e adorei a homenagem que Juca fez ao Vasco dando o troféu Osmar Santos. Abraço, Anna

  • Victor

    Se a estudante mostrou a bunda, como relatam os estudantes, a expulsão foi mais do que correta. Só que agora tem que provar! Opinião é igual bunda, todo mundo tem. Mas jornalista que se preza averigua os fatos antes de se manifestar.

    Falando em bunda, acertado o pé que deram no Simon.

    AK: Se a expulsão foi correta, não haveria por que reconsiderar a decisão. Opinião todo mundo tem, mesmo. Por isso o espaço para comentários é o que é. Um abraço.

  • Shao

    André,

    Boa noite! Eu só gostaria que estes estudantes da Uniban, que vaiaram e hostilizaram a garota, tivessem a mesma disposição na hora de estudar e também na hora de brigar pelos nossos direitos.
    Antigamente os universitários eram conhecidos como a parte pensante a atuande de nosso país, principalmente politicamente.
    Agora eles são conhecidos como “um bando de garotos(as) no barzinho”, ou como nestes casos, falsos moralistas.

    Um Abraço

  • Rita

    Simon: já vai tarde.
    Belluzzo: quanto destempero, desespero e ódio ao São Paulo.
    Favorecidos pela derrota alvi-verde (indiretamente falando): São Paulo, Flamengo, inclusive o Atlético. Sem falar do Flu, óbvio. Mas, alguns só querem ressaltar o poderoso comprador de árbitros, o SPFC.
    É isso… faz quatro anos que o São Paulo tem todos os árbitros do país na gaveta.
    Detalhe: o desespero bateu à porta, alguém precisa lembrar aos complexados que o campeonato não acabou.
    O título tá aí pra ser conquistado.

  • Rogério

    Sobre o Símon nem vale a pena. O que significa essa mini geladeira? Ano que vem ele está por ai de novo e premiado com Copa do Mundo. Aposenta-se e daqui a algum tempo transforma-se em notavel comentarista de arbitragem ou presidente do STJD. Quanto à faculdade!!!!
    O que dizer de uma reitoria que toma uma decisão dessas? E o comunicado feito pela Uniban em canal de TV aberta, na noite de ontem, dizendo que seus alunos haviam sido aviltados pela “moça do vestido”!!!!! Bom, é a essas pessoas que estão relegadas as cabeças pensantes do nosso país e portanto elas são sua imagem. Que mundo careta!!! Quanta intolerância…

  • Cláudio

    André,
    O mais triste do caso Simon é que foi necessário ele ter prejudicado um dos chamados grandes de São Paulo para isso acontecer. Enquanto ele prejudicava os outros nenhuma providência foi tomada.
    Mas enfim, antes tarde que nunca.

  • leonardo atleticano

    Engraçado, quando o Simon roubou o Galo absurdamente, nada houve, pelo contrário, logo após ele foi premiado com competições internacionais para apitar. Mas errar contra paulista é mortal, fica a dica para os demais árbitros: em caso de dúvida sempre pró paulistas, ou vai para o frezer. Não condeno a punição, ele erra muito mesmo, só não entendo que se possa errar para uns e para outros não.

  • Rodrigo

    André, esse caso do Simon me lembra muito o pênalti inicialmente mandrake marcado para a Noruega, contra o Brasil, na Copa-98 (era esse o jogo mesmo??). O Simon está muito convicto no que fala. Não acho impossível ter havido falta do Obina no começo do lance. É esperar para ver. Aliás, alguma câmera mostra o lance em sua totalidade?

  • Gilson

    Olá André! Vc viu essa entrevista do Simon para a rádio Guaiba?
    “Sobre o lance polêmico, Simon negou o erro. “Apitei a falta antes de a bola chegar na área. O Obina puxou o zagueiro e, posteriormente, o zagueiro puxou o Obina, que mesmo puxado, fez o gol de cabeça. O jogo já havia parado. Se a televisão não pegou eu apitando, é outro problema. Eu vi no campo e marquei”, explicou.
    Essa declaração do Simon deixa somente duas hipóteses: houve realmente o puxão que a televisão não conseguiu pegar e consequentemente não houve erro do árbitro, ou ele realmente estava mal intensionado e inventou uma falta inexistente.
    Se a segunda hipotese for realmente a verdadeira, acho que o campeonato fica totalmente comprometido, pois todas as partidas apitadas por este árbitro deveriam ser anuladas, como foram da outra vez no campeonato de 2005.
    Na minha opinião, eu prefiro acreditar que ele realmente tenha visto o puxão do Obina, até porque ele havia marcado o escanteio que não tinha acontecido(se tivesse que favorecer o Fluminense não teria marcado).
    Gostaria muito de saber qual a sua opinião sobre isso.

    Um abraço

  • Paulo Cunha

    Uma dúvida que tenho e não consigo pesquisar é se o Simon foi bem nos jogos de Copa em que apitou, alguém saberia dizer?

  • Cruvinel

    É … mais o Brasileirao ja esta acabando entao nao ficou tao ruim para o Simon como ficou para o Palmeiras….
    E esse juiz de quinta ainda vai apitar a copa do mundo! Mas a especialidade dele é roubar no campeonato brasileiro, já é PHD nisso!

  • Gleyton

    Essa do Palmeiras é triste. O time não tá jogando nada e vem com essa que vai perder título por conta de juiz. Os erros que deram a vitória do Palmeiras contra o Cruzeiro no Mineirão todo mundo esqueceu né?? Mas é sempre assim. Quando o time vai mal alguém tem que ser o culpado. Se não é o treinador é o juiz.

  • kappen

    o simon (colorado!) ta muito convicto para alguém que poderia, a qualquer momento, ser desmentido por uma sequência de imagens.

    ano passado quase comeram o fígado dele quando não marcou aquele pênalti a favor do flamengo (?). depois viram que o jogador tinha se atirado sem que o adversário nele encostasse.

    agora eu vou esperar a punição – rigorosa – aos jogadores que têm mania de cavar faltas.

  • Lenilson Araujo

    Foi só prejudicar um dos grandes de São Paulo, que ele foi punido rapidinho.

  • Paulo

    Afastar agora que o erro foi cometido é o de menos. Jogador se não recebe o cartão merecido, como no caso do Danilo, é julgado e pode ser punido em função de um erro do árbitro. Gol marcado e derrota anotada não pode voltar. Mas voltou no certame de 2005, né? Alguém foi beneficiado e alguém foi prejudicado. O procurador-geral do STJD, Paulo Schmitt, tá aparecendo mais que as antigas vedetes do Teatro de Revista lá do Rio de Janeiro. Mas, ele torce pra quem? Me disseram que é rubro-negro convicto. Pode isso? Tudo bem mesmo? E o futebol brasileiro deve ser levado a sério fora das quatro linhas? Dirigente que fica quieto é conivente com os esquemas para poder tirar proveito amanhã. É a malandragem brasileira!

  • Paulinho

    André, acho muito interessante essa punição ao Simon. Os chamados clubes grandes se mobilizaram contra esse senhor quando seus erros passaram a os atingir. Por que nunca houve manifestações desses mesmos dirigentes exaltados quando seus times foram beneficiados pelo Simon? Questiono isso porque os times paranaenses (Paraná, Coritiba e Atlético-PR) SEMPRE

  • Paulinho

    André, acho muito interessante essa punição ao Simon. Os chamados clubes grandes se mobilizaram contra esse senhor quando seus erros passaram a os atingir. Por que nunca houve manifestações desses mesmos dirigentes exaltados quando seus times foram beneficiados pelo Simon? Questiono isso porque os times paranaenses (Paraná, Coritiba e Atlético-PR) SEMPRE foram prejudicados por esse árbitro, com atuações abaixo da crítica, em demonstrações de parcialidade assustadoras, inclusive em jogos em Curitiba, sem o menor pudor. Isso não é estranho? Abraço.

  • Paula

    No lance do suposto penalti do Obina, tem uma parte (uns 2,3 segundos) em que sua mão está encoberta por outro jogador (além disso o que acontece enquanto a bola voa não sabemos, pois nenhuma imagem mostra).

    Mas mesmo que houvesse puxão ou segurão, acho que nao seria o caso de marcar. Mas ai a falha fica menos forte.

  • Daniel Veloso

    André,

    não é o caso da UniBan ser UniBambi?? haauehauehuaehua

    Abraços,

    Daniel Farinha

  • Paulo Considera

    “Com pouco tempo de cartola, Belluzzo sente na pele aquilo que os mais experientes estão cansados de saber: duas das maneiras mais sórdidas de se exercer o poder no futebol estão exatamente no controle da arbitragem e da justiça esportiva.”

    Juca Kfouri escreveu isso no blog dele, 00:55 de hoje. Curiosamente o André Kfouri disse EXATAMENTE a mesma coisa hoje no programa Sportcenter, ás 12:00 horas. Praticamente usou as mesmas palavras. Herança genética é isso aí. Dito isso, pergunto mais uma vez ao blogueiro:

    Alguma vez na sua vida de jornalista vc já teve alguma opinião contrária a do seu pai ?!?!?!?! Uma vez pelo menos ?!?!

    AK: Minha primeira resposta não lhe bastou? Estranho… Temos algumas opiniões diferentes, não muitas. Nesse caso específico, não se trata de opinião. E não falei do Belluzzo. Falei da dependência da comissão de arbitragem e do stjd, o que é “notícia velha”, repetida sempre que vemos episódios como os recentes. Obrigado por assistir o SC. Um abraço.

  • Marcelo Coelho

    O Obina puxa o zagueiro do Fluminense com a mão esquerda.
    Isso não faz do Simon um bom árbitro, ele erra muito. Mas nesse lance ele acertou, estava bem posicionado e viu o que a TV só mostra quando a bola chega.
    Futebol não é só o que a TV mostra.
    O André sabe bem disso, em 98 viu um penalty na copa que nenhuma TV viu.

    AK: O Simon errou, não foi falta. Em qualquer ângulo, em todas as imagens, o lance foi normal. Em 98, depois que a TV da Suíça mostrou o lance inteiro, apareceram outras imagens, até de TVs brasileiras. Era apenas uma questão de procurar. No caso de domingo, o lance inteiro está disponível desde sempre, e não há falta. Simon se enganou. Um abraço.

  • Marcelo Coelho

    Ainda, é mais fácil jogar pedra na Geni (Simon) do que admitir que o Palmeiras parou de jogar futebol faz tempo.

    AK: Quanto a isso, não há dúvida. Um abraço.

  • André, cá estou fazendo uma charge (a 1ª fora do âmbito esportivo) e, pesquisando, percebi que pode ser tanto TALIBAN como talibã, talebã, taliban ou taleban… (fonte: http://pt.wikipedia.org/wiki/Taliban).

    Ou seja, fica pio belo foneticamente… rima direitinho…

    Tudo bem que serei processado até pelo Papai Noal, pela vindoura charge… mas, parafraseando Garth Brooks:

    ♪♫”Standing outside the fire, Standing outside the fire…
    Life is not tried, it is merely survived…
    If you’re standing outside the fire!” ♪♫

  • Marcos Vinicius

    Quando,na Copa de 98 o juiz de Brasil x Noruega marcou pênalti duvidoso do J.Baiano em T.A.Flo,todo mundo atirou no cara.Depois todo mundo viu que o homem estava certo.Situação parecida ocorreu no Maracanã,domingo.Os auxiliares afirmam que Obina admitiu ter feito falta.Será que o Simon errou mesmo,como afirmou categoricamente o dono do blog?Ou será que o TV não mostrou o lance desde quando o escanteio foi batido?
    Quanto à jovem da Uniban:O comportamento anterior da menina,tanto em relação a sua vestimenta quanto em relação a seus colegas,era recorrente e digno de repreensão.Nada que justificasse a expulsão da jovem,mas o grande erro da universidade foi deixar a coisa chegar a situação extrema para tomar uma(errada e repreensivel)atitude.
    Legal vc levantar um tema que não tenha a ver com esporte,seja social.

  • Paulo

    É legal ver os comentários revisionistas por aqui. Mas, e se o prejudicado fosse o São Paulo? Que aliás, lembro aqui, nunca é, nas retas de chegada e nem em lances decisivos! Pimenta nos olhos dos outros é sempre refresco, não é verdade?

  • Caíssa

    Será que não entendem que a grande discussão não é pelo erro em si (houve no jogo um pênalti não marcado contra o fluminense e uma expulsão não feita, os quais a gente releva), mas pelo TIPO DO ERRO? E pela conduta do àrbitro, em não admitir que errou.

    Se alguém lembrar de outro gol que tenha sido anulado nesse campeonato sem explicação plausível (impedimento, falta, etc), favor publicar. Vai aplacar a ira de vários palmeirenses.

    Mas acho que vão favorecer o Palmeiras no jogo contra o Sport. Só pra dizerem: Não falei? Acontece com todo mundo.

  • Marcelo Coelho

    Concordo com o Marcos Vinicius.
    O péssimo árbitro, que marca impedimento em cobrança de lateral, penalty em jogadores com dois metros de distância, acertou nesse lance.
    Continuo achando que o Obina fez falta antes.
    Vejam no vídeo o braço esquerdo do Obina.
    Abraço

    http://www.youtube.com/watch?v=BPH3ISZIhbM

  • Ricardo Pires

    André, o Simon vem fazendo lambança não é de hoje. Pergunta ao Felipão ou Luxemburgo (dois dos maiores treinadores que nosso futebol já teve) se algum deles coloca a mão no fogo pelo gaúcho ruim de apito? Se ele é comprado, não sei. Mas já no ano passado, quando deixou de dar um suposto pênalti em Tardelli para o Flamengo contra o Cruzeiro, quase lhe arrancaram a pele.

    Fato:

    A arbitragem no Brasil, a pior do mundo, vai além dos erros de Carlos Eugênio Simon, que de gênio não tem nada – muito antes pelo contrário. Começa nas escolhas feitas por Ricardo Teixeira para chefiar o Departamento e passa pelo péssimo treinamento que tais semi-profissionais-amadores do apito recebem, seja em universidades ou qualquer outro lugar. Os erros de Simon, Roman, Lopes, Oliveira, Gaciba, etc ganham muito mais espaço e ressonância quando ocorrem contra times da midia – Flamengo, Corinthians, Palmeiras e São Paulo – do que contra times de outros estados. Não há como negar isso. Você negaria?

    Opinião:

    Acho natural que tal destaque desigual ocorra. Sou jornalista e já trabalhei no meio esportivo (leia-se futebol). Já vi e ouvi coisas que comprometem. Tem muita sujeira envolvida. O Juca mesmo poderia passar dias falando da porcariada que existe no mundo dos Cartolas. O mesmo se aplica à midia esportiva. Seja aqui, na Inglaterra ou na Espanha. O jogo de interesse fala mais alto. Óbvio olulante, isso não se aplica a todos os profissionais. Você, seu pai e mais algumas boas dezenas estão na lista paladina. Pena que muitas vezes vocês não decidam a linha editorial de determinados veículos, que se orientam basicamente através de um fator preponderante: money. Money talks, the rest whispers… o que vende mais, ganha mais espaço. Mas existe um limite ético, com certeza. Também não há como negar isso. Você negaria?

    Pergunta: Existe esperança de um dia vermos uma competição, como A Champions, com aquele nível de organização, ocorrendo em nossas terras? Acho que do jeito que está, não. Seja com Copa, Olimpíada ou o que seja.

    Abraço

  • Paulo

    Uma analogia do Campeonato Brasileiro 2009: Vinte corredores iniciam uma maratona. Pelo menos dez deles, suam bastante, tem preparo e nível técnico para vencer a prova. Um deles, especial competidor, tem qualidade e em função disso venceu as últimas três edições da maratona. Tem estrutura invejável e capacidade administrativa para bem competir e vencer. Mas, infelizmente, se utiliza do marketing e da sua força de lobby sempre predatória, para complicar a vida dos outros competidores atuando também nos bastidores, nos tribunais e junto às Comissões de Arbitragem. Acaba constantemente favorecido por imprevistos e infelicidades que acometem todos os outros. A “coisa” é tão bem realizada que quase sempre demonstra ou evidencia incapacidade de todos os outros em competir, mas não é isso que acontece na realidade. O que acontece são favorecimentos e mamatas que não tem nada a ver com mérito ou merecimento de se ganhar a corrida. E são vários os artifícios utilizados: tribunais viram cartórios e até a interpretação de imagens de TV acaba distorcida. A competição é árdua, difícil, verdadeiramente extenuante. Não importa se um corredor liderou a prova por mais de 33 ou 34 quilômetros. A prova só acaba para quem alcançar primeiro a linha de chegada depois de 38 quilômetros. É normal que acontecem oscilações e até que se perca o fôlego, mas nenhum julgamento pode ser feito antes do final, antes da última rodada. Só torcemos que os fiscais da prova, que muitas vezes acabam errando no prejuízo deste ou daquele, trabalhem com a intenção de serem mesmo imparciais. Enterrar este ou aquele antes da hora, cheira a convencimento e ilusionismo barato. Tática de marqueteiros do mal! Infelizmente, o futebol brasileiro está cheio deles!

  • MAURO ALVIM

    Caro André, Novembro é o agosto do Símon.
    Dia 23 de novembro de 2008. Vejam estas imagens; http://www.youtube.com/watch?v=bZ6zq8EufZU
    Uum abraço.

  • leonardo atleticano

    Impressionante não é o erro do Simon, aliás, erro dele era para ser a coisa mais banal de se ver. Impressionante mesmo, é como as coisas mudam de figura quando o prejudicado é o um time de São Paulo, ai meu amigo, não é aceitavel errar, se um erro existir que seja a favor, aí tudo bem. A mídia paulista está colocando uma espada colossal na cabeça das arbitragens até o fim do campeonato. Se errar contra paulista, vai ser banido do futebol, se roubar muito a favor, talvez ganhe uma vaga para copa da África, o Simon já foi em duas pelos serviços prestados.

    AK: Simon será o árbitro brasileiro na Copa de 2010. A indicação já foi feita. Um abraço.

  • leonardo atleticano

    André, sei lá se o Simon vai para copa, tem muita gente grande pedindo a cabeça do cara, o que pode te-lo salvo é ter ajudado o São Paulo.

  • Paulo Coelho

    Acho que a punição do sr. Simon, não adiantou em nada, pq os árbitros continuam fazendo lambaças, olha o que fez o sr. Elmo Rezende no jogo palmeiras X sport. Na minha opinião os árbitros deveriam ser formados em uma escola oficial para que pudessem trabalhar só como árbritos, pq de que adianta uma punição, eles, trabalham em seus respectivos empregos e os clubes de qualquer forma ficam prejudicados por seus erros de arbritagem, se árbrito fosse só arbrito seria diferente, eles iam pensar bem antes de cometerem erros.

MaisRecentes

Feliz Natal



Continue Lendo

Mudar o meio



Continue Lendo

“O PF dos caras”



Continue Lendo