OJO DE BIFE



Se eu pudesse, comeria carne todos os dias.

Sou daquelas pessoas que não resistem quando abrem uma revista e encontram a foto de um suculento filé.

A imagem não vai embora, funciona como um alarme que não desliga, até se transformar em algo comestível.

São Paulo é riquíssima em casas de carnes. Algumas são espetaculares, independentemente do estilo.

As chamadas “parrillas” preparam os pratos, guardadas algumas diferenças, como se faz na Argentina e no Uruguai.

E entre um e outro, é impossível escolher o melhor.

Tem “clássico da carne” logo mais, na parrilla do Estádio Centenário, em Montevidéu. Será a edição número 198 de um Uruguai x Argentina. Nenhum jogo entre seleções aconteceu tantas vezes.

Na história das Copas do Mundo, só dois: a final do primeiro Mundial, que os uruguaios ganharam em casa por 4 x 2.

E o jogo de oitavas de final da Copa de 86, vencido pelos argentinos por 1 x 0.

O fato de o encontro desta noite fazer parte das Eliminatórias não diminui seu tamanho.

Tem tudo para ser verdadeiramente histórico.

Previsão: o Uruguai não só ganha como ganha bem. Chile e Equador empatam em Santiago.

Argentina na repescagem.

Acho que será impossível segurar a fome dos uruguaios, que há quatro anos perderam a repescagem para a Austrália.

Por falar em fome…

ATUALIZAÇÃO, 22h04 – Pena que o jogo (Argentina 1 x 0 Uruguai: Bolatti) não entregou o que prometia. Mas é lógico que os argentinos não estão nem aí. O time de Maradona jogou para empatar (se é verdade que Messi está brigado com Diego, deve ser coisa séria, porque o rapaz simplesmente não entrou em campo), sem vergonha de se fechar, e ganhou com um gol de bola rebatida na área, aos 39 do segundo tempo.

Tudo certo. No futebol também se vence desse jeito. E a Argentina, ainda bem, vai à Copa do Mundo. Os supersticiosos que enxergam semelhanças entre as classificações para os Mundiais de 1986 e 2010 (gol no final do jogo contra o Peru, com chuva em Nuñez; o craque do time, um baixinho canhoto, não jogou bem nas Eliminatórias, mas ganhou a Copa) devem estar convencidos de que tudo se repetirá. Futebol não falta, mas com esse time…

Decepcionante Uruguai. Em casa, adversário medroso, tudo a favor. De volta à repescagem, desta vez sem precisar atravessar o planeta. Boa sorte.

Para completar os palpites certeiros, o Chile ganhou (1 x 0: Suazo) do Equador em Santiago. O gol de Suazo roubou a artilharia de Luis Fabiano.



  • Anna

    Não sou tão carnívora assim… 😉 Se pudesse, comeria comida japonesa todos os dias… Mas, a analogia é muito boa. Hoje, esse clássico é simplesmente imperdível… Eu aposto na Argentina. Vence e vai à Copa. Veremos quem faz churrasco melhor mais tarde, carne portenha ou carne celeste e branca…

  • Thiago

    Fala, André! Sou seu leitor de muito tempo, mas essa é a primeira vez que comento por aqui… Também acho que vai dar Uruguai, mas acredito que a Argentina vai ficar fora da Copa, porque acredito em vitória do Equador contra um relaxado Chile…
    A conferir…

  • Joao Luis Amaral

    Cáspita! Lá vou eu ao Pobre Juan amanhã, tudo por culpa deste post-gastronômico… ha ha!
    Acho que Uruguai e Argentina será um jogo duríssimo, mas apostaria num empate, apesar de ver o Uruguai um pouco mais arrumado e (pasmem!) maduro do que o time argentino. Se ganhar, deverá ser por um golzinho mirrado, suado, sofrido…
    Do outro lado, Equador vai para cima do Chile (que já fez a lição de casa!) pro tudo ou nada, e acaba pecando na defesa, toma um ou dois gols e volta para casa…
    Argentina na respescagem… E pegaria quem, André?
    Abs.
    Joao Luis Amaral

  • Bom, xinguem à vontade! Podem me chamar de antipatriota, boludo etc.

    Sou do contra e torço mesmo p/ Argentina (sempre torci). O jogo de sábado foi “O” teste cardíaco, juntando-se ao meu seleto TOP 10 de jogos incríveis com reviravoltas malucas…

    Hoje torço por vitória e sinto que dará empate!

    E que Bielsa, “el loco!”, faça a sua parte!
    (mesmo que, se houver empate, Argentina ganha do Equador no saldo de gols).

    Mas… assim que classificar (espero) espero que a AFA tome vergonha na cara e dê algum cargo “a la Zagallo” p/ D10S… porque Maradona de técnico não dá!

  • Repito: Uruguai ganha de 1 a 0 e Equador vence o Chile. Será trágico, mas necessário. Como vêm acontecendo os rebaixamentos dos “grandes times” nos Brasileirões, ano após ano.

    Abraço!

  • Cruvinel

    Esse jogo vai ser O jogo!
    Que Argentina vençaaa!

    ps.: tu deve ser magro de ruim mesmo hein! :p

  • Dennis

    Quando passar pelo interior do Paraná, a picanha é por minha conta…

  • Anna

    Esse jogo não acaba com onze de cada lado… O Uruguai erra muitos passes e está batendo muito. Só Lugano parece seguro e lúcido. Não sei o que acontece com Messi. Parece que na seleção, ele desaprende a jogar ou se sente desconfortável com alguma coisa. Di Maria se destacou no primeiro tempo, mas não consegue finalizar. É isso. Vamos ver a segunda etapa.

  • Anna

    Esse Maradona tem estrela. 1 a 0, gol de Bonati. Argentina na Copa. E o tango virou samba… 😉

  • E aos trancos e barrancos – e com uma boa pitada de sorte – a Argentina se classificou para a Copa do Mundo.

    Copa é tradição, como imaginá-la sem uma seleção bicampeã do mundo?

    Como privá-la da obediência tática, do toque de bola (toco y me voy), da categoria, da frieza para decidir, e por que não?, até da catimba argentina?

    São fatores que engrandecem e valorizam o torneio.

    Isso sem falar na magia de Lionel Messi.

    É uma seleção formada por jogadores que ganhando ou perdendo, apresentando-se bem ou mal, sendo milionários ou não, jamais deixam de honrar até o fim as cores azul e branca.

    Como não se emocionar com Maradona e Carlos Bilardo chorando abraçados após o apito final? Com os cânticos berrados pelos jogadores? Com Diego regendo os cerca de 3.000 torcedores que se aventuraram a ir até o mítico estádio Centenário?

    Impossível.

    Vencem os argentinos, os amantes do futebol e a Copa de 2010.

  • adson

    “Uruguai não só ganha como ganha bem.” (AK)
    O enigmático custa a dar um palpite e quando dá paga mico… Realmente acho que AK está mais para futebol americano que para futebol de campo.
    Desconfio de seu “entendimento” sobre futebol desde a polêmica envolvendo o gol de folha seca… Lembra???
    Ps. O gol de falta do Diego Souza contra o Cruzeiro também foi folha seca???
    att
    AC

    AK: DC, seu tolo engano sobre a “folha seca”, já devidamente ridicularizado (tipo alguém que pensa que um toque “de primeira” é um toque “de qualidade”, lembra?) pelos frequentadores regulares deste blog, deveria ter sido um aprendizado. Algo que voê deveria ter vergonha de repetir. Sobre mico (não em palpites, claro), você entende. Um abraço.

  • Marcel Souza

    Realmente que decepção com o jogo e com o Uruguai! Estava com a faca e o bife de chorizo na mão pra classificar direto pra Copa, agora vai ter que passar por mais uma repescagem.

    Faz tempo que o Uruguai não tem um time competitivo… eles devem morrer de saudade dos grandes craques do passado. Não sei se passa pela Costa Rica não.

    1 abraço!

  • O Equador perder para o Chile é normal… mas o Uruguai perdendo da Argentina EM CASA?!??! É o fim do mundo, mesmo… afinal, até a Seleção do Dunga ganhou lá, não é mesmo?!

  • Marcos Vinícius

    Vim aqui para dar a cara a tapa.

    Disse que o Uruguai ganhava,que a Argentina tem mais bola que a Celeste,mas não levava a classificação em pleno Centenário.Me enganei.Eu e mais um monte de gente.Né não,André?

    Mas quem acharia que oi jogo seria a m. que foi?Pela situação de ambos os times,jogo que se imaginava era:

    Uruguai em cima,pressionando a Argentina em seu campo defensivo,martelando,alçando bolas na área.

    Argentina se defendendo com unhas,dentes e pontapés,usando a velocidade do Messi para buscar contra ataques.Mascherano batendo em quem aparecesse na frente,e Maradona roendo as unhas dos pés.

    O jogo foi feio,faltou técnica,sobrou vontade e deslealdade.Deixei de assistir o jogo do Brasil(empate previsível,já que o jogo não valia nada pra ninguém) para assistir o clássico do Rio da Prata.Grande decepção.Se a vaga fosse dada por mérito,nenhum dos dois iria a Copa.A parte boa do jogo foi poder ver de novo Diego Lugano em campo.O cara é uma lição de como um zagueiro deve atuar.No mais,jogo sem graça,feio e com times extremamente burocráticos.
    A Argentina vai a Copa.Mas muita coisa tem que mudar até lá.Se Maradona não conseguir fazer daquele amontoado de jogadores um time eficiente,será um fiasco maior que 2002.A comparação desta Argentina com o Brasil de Felipão é descabida.Felipão fez mais que uma seleção,fez um time,dentro e fora de campo.Maradona está mais preocupado em calar seus críticos do que em fazer essa Argentina jogar bonito.

    O Uruguai vai disputar a repescagem.Caso se classifique(muito provável)vai a Á

  • Marcos Vinícius

    (continuação do texto)
    África do Sul a passeio.Time limitado.

    Agora é esperar a repescagem,principalmente as européias.Vai ter muito time bom que vai ficar de fora.

  • Ângelo Paulo

    André, em que você se baseou para apostar tanto assim no Uruguai? Tudo bem que jogaria em casa, com um time muito fraco tecnicamente, a Deus dará (leia-se: sem técnico). Mas vale lembrar Eliminatórias já é Copa do Mundo, e em Copa do Mundo a tradição pesa, e como pesa, especialmente nos momentos decisivos.

    Para completar, o histórico do Uruguai em casa nessas eliminatórias não permitia tanto otimismo. Senão vejamos cinco dos 9 jogos:

    Uruguai 2×2 Chile
    Uruguai 1×1 Venezuela
    Uruguai 0x0 Equador
    Uruguai 0x4 Brasil
    Uruguai 0x1 Argentina

    Até a Copa, hermanos.

    Abraços.

    AK: Eu achei que a virada (fora) contra o Equador tinha sido um sinal importante. E que, em casa, contra um time que mal venceu o Peru, eles não deixariam a vitória escapar. O Uruguai esteve pessimamente mal na tabela, e teve a chance que o levaria à Copa: vencer em casa. Mas parece que era pedir muito. Um abraço.

  • marcos Vinícius

    André,assim como vc apostei(força de expressão.Nunca aposto)no Uruguai.Mais por acreditar que o momento da Argentina era ruim do que no mérito da equipe celeste.Nos enganamos,nós e a maioria que achava que o Uruguai daria um mínimo de trabalho aos hermanos.

    Também achei a vitória sobre o Peru uma história mal contada.Pra mim aquilo foi um absurdo,o impedimento do Palermo era evidente.Se um time não consegue ter uma vitória convincente sobre o lanterna da competição,quanto mais enfrentar um adversário que tinha a obrigação de ganhar,jogava em seus domínios e contava com o apoio da torcida.

    Um doce se vc conseguir responder a essa:

    Se o Messi tá mal(na seleção,só na seleção),se dizem que ele tá brigado com o “treinador”(treinador????),então pq o Maradona insiste em colocar o cara em campo?
    Ontem Messi foi uma nulidade em campo.O único lance em que o cara apareceu foi quando rolou a bola pro Veròn,esse sim,o grande astro deste time,chutar a bola que originou o gol.
    E quem será o treinador da Argentina na Copa?

  • David

    Como diria Regina Duarte, eu tenho medo. A primeira Copa que eu acompanhei foi a de 94, onde só nos classificamos no último jogo, com o salvador Romário. Vencemos. Em 98, fomos com tudo e perdemos. Tá certo que foi na final, mas enfim. Em 2002, desconfiança, aquela pressão pro Felipão convocar esse e aquele, conclusão, vencemos. Em 2006, aquele oba-oba todo, perdemos. É uma tese famosa já, essa de que quando a gente vai como favorito, com confiança, a imprensa apoiando, perdemos, e quando vamos desacreditados, a imprensa malhando, vencemos. Sendo assim, a nossa classificação com folga, não é de dar medo? E por analogia, a classificação sofrida dos hermanos, não pode ajudá-los, já que não vão chegar como favoritos e jogarão com menos cobrança e pressão?

MaisRecentes

Em frente 



Continue Lendo

Acordo



Continue Lendo

Futilidade



Continue Lendo