A DESCOBERTA DA PÓLVORA



Mais cedo ou mais tarde, faz-se luz.

Resta saber se não é só da boca para fora.

A respeito das declarações do presidente da CBF, o editorial do Lance! de hoje:

PARA A VACA SAIR DO BREJO

As declarações do presidente da CBF em defesa de um novo modelo de gestão para os clubes merecem aplausos. Já é um grande avanço quando aquele que sempre foi presidente da Seleção Brasileira resolve assumir seu papel de presidente do futebol brasileiro.

Pressionado pelas novas exigências da Fifa em prol do saneamento financeiro dos clubes, pelo fiasco da vizinha Argentina, onde a situação chegou ao fundo do poço e o campeonato teve de ser adiado tamanho o montante das dívidas dos clubes, Ricardo Teixeira acordou.

Antes tarde do que nunca.

Mas não bastam palavras de efeito. Outras vezes, quando a violência nos estádios virou o assunto de destaque na imprensa, por exemplo, a resposta da CBF foi organizar comissões, promover discussões. E nada de concreto sobrou quando o volume da mídia baixou.

Agora é preciso ser diferente. Mudar o calendário do nosso Fut, mudar o modelo de administração dos clubes, criar mecanismos que garantam a responsabilidade dos dirigentes não é de fato tarefa fácil. Nada disso pode ser feito sem o engajamento ou contra vontade da CBF – e a CBF agora quer, segundo palavras do seu presidente.

Da mesma forma, não basta Teixeira querer. É impossível mudar sem que os clubes igualmente assumam o seu papel. O Clube dos 13 tem de ir além da negociação de direitos de TV. A criação da comissão de reformulação, presidida pelo professor Luiz Gonzaga Belluzzo, é passo importante, notícia alvissareira que pode gerar bons frutos.

O cenário da mudança está montado. Uma onda está no ar. Se cada um cumprir a sua parte, clubes, dirigentes, federações, CBF, parceiros comerciais e detentores de direitos, a vaca do Fut Brasil com certeza não vai para o brejo. Ao contrário, poderá entrar finalmente num círculo virtuoso de prosperidade.



  • Thiago

    Bem, não fiquei sabendo desta entrevista. Está no lance? Tem como colocar algumas partes pra gente ler?

    valeu!!

  • Marcos Vinícius

    AK,mudando de alhos para bugalhos…
    O Vasco jogou contra a Portuguesa,sábado,no Canindé.Venceu,mas apnhou fora de campo,literalmente,como todo mundo sabe e vc mesmo comentou em assunto anterior.

    Agora o STJD pode tirar o mando de campo de 10 jogos do Vasco porque a polícia jogou gás de pimenta na torcida,sob o pretexto de conter tumulto.

    O fato ocorrido nada teve a ver com o clube Vasco Da Gama,com seus jogadores,dirigentes e,até mesmo,com sua torcida,que foi vítima da tão comum truculência policial.Não houve nada que justificasse o uso do dito gás,mas a polícia o usou,e o Vasco,juntamente com seus torcedores,jogadores e dirigentes,que se dane!Mas mesmo assim o clube pode ser pejudicado,e muito,pelo STJD.

    Enquanto isso,a outra colônia lusa,a de São Paulo,comemora mais um ato,esse sim de real vandalismo,que passará impune,pois nem se cogita a possibilidade de punir a Portuguesa pelos incidentes ocorridos no dia 15/08.

    Renovação passa,obrigatoriamente,por moralização.Fazer vista grossa a atos de tamanha selvageria e reincidentes,como os ocorridos em São Paulo,nos deixa em um patamar muito inferior ao almejado pela CBF,quando se fala em modernizar a administração do nosso futebol.

    E Saudações Vascainas!

  • Marcos Vinícius

    Em tempo:o Uso do dito gás de pimenta ocorreo no jogo Vasco3x0Campinense,realizado em São Januário,no dia 08/08.

  • Beto

    Idem ao comentário do Thiago.

    Em tempo: o que você acha a respeito da arrogância dos velocistas norte americanos, que sempre fizeram graça ao ganhar as provas (com dopping e tudo mais o que (não) tinham direito), e que agora deu uma declaração dizendo que vai arrancar a cabeça do Bolt?
    Acho que eles tinham que ficar em casa, no cantinho do castigo, pensando nas bobagens e nos exemplos que dão por aí, pois além de se acharem a última bolacha do pacote, ainda são desleais com os outros desportistas, que fazem de seu suor o único “dopping”.

  • Anna

    Sensacional o título. Quando uma coisa é óbvia e alguém acava dizendo, costumamos falar que “fulano descobriu a pólvora”… Ricardo Teixeira finalmente acordou. Ele falou também que a Copa de 2010 não será como o fiasco de 2006 com o oba-oba de Weggis! Grande abraço, Anna

  • Fred Ferreira

    Não acredito em nada disso !

  • Edouard Dardenne

    Aposto o valor referente a 2 ingressos de final da Copa do Mundo que, em 2014, o futebol no Brasil vai estar no mesmo lamaçal que se encontra hoje. Alguém topa?

  • ADSON CARVALHO

    Pura conversa fiada, Ricardo Teixeira faz parte dos “Beneficiados” que, tentam impedir que o Brasil saia do terceiro mundo e demonstre a potencia que é!!! Aqui incluo vários políticos…
    O eterno Presidente da CBF, gosta mesmo é de perpetuar no poder, comer caviar e passear de jatinho… Que intenção teria de mudar o “Sistema” em que é Rei há muitos anos???
    att.
    AC

  • Marcos Vinícius

    Apnas fazer duas correções do que postei anteriormente:
    Reicidentes.
    Ocorreu.

    Grato.

  • Ricardo Pires

    Concordo com o Adson. Isso é fogo de palha. Não acho que um o Ricardo Teixeira seria iluminado o suficiente para desmontar um esquema que demorou tanto tempo para perpetuar. Seria como o apoiar o fim da Lei-Seca e da galinha dos ovos de ouro.

  • Raphael Couto

    Não acho que mudar o calendário vá resolver o problema do êxodo de jogadores para fora no meio do campeonato já que também existe janela de transferência no começo do ano. Se os clubes fossem mais estruturados, essa saída de atletas seria bastante reduzida, agora como fazer isso com tantos dirigentes “ajudando” é que é a parte difícil de saber…

MaisRecentes

É do Carille



Continue Lendo

Campeão de novo



Continue Lendo

Inglaterra 0 x 0 Brasil



Continue Lendo