NOTINHAS PÓS-RODADA



Abrindo a décima-sétima rodada do BR-09.

Com dois vencedores-seriais:

* Fernandão chegou de helicóptero ao Serra Dourada, e o Goiás (3 x 2 no Flamengo: Amaral, Léo Lima, Adriano, Petkovic e Iarley – 37.320 pagantes) continua voando.

* É o primeiro time a ganhar seis jogos seguidos no campeonato.

* O São Paulo (3 x 1 no Botafogo: Lucio Flavio, Jorge Wagner, Washington e Dagoberto – 19.182 pagantes no Morumbi) engatou a quarta.

* E hoje torce contra Grêmio e Vitória, que podem superá-lo na classificação.

* A diretoria do Cruzeiro (2 x 0 para o Atlético Paranaense: Marcinho e Gabriel – 15.485 pagantes no Mineirão) declarou que não aceitaria mais expulsões de seus jogadores. Ontem foram mais duas: Bernardo, no primeiro tempo, e Kléber, no segundo.

* O Atlético Paranaense terminará a rodada fora do calabouço.

* Nos últimos sete jogos, o Avaí (1 x 0 no Santo André: William – 8.364 pagantes na Ressacada) ganhou seis e empatou um.

* E também torce contra Grêmio e Vitória.

* No jogo da máscara, o Santos (1 x 0: Paulo Henrique – 17.250 pagantes mascarados no Olímpico de Cascavel) passou pelo Coritiba.

* Os dois times trocaram de uniforme no intervalo, para facilitar a identificação dos jogadores.

* Quatro rodadas sem vitória. A entressafra do Corinthians (1 x 0 para o Náutico: Gilmar – 15.041 pagantes nos Aflitos) está sendo mais sofrida do que se imaginava.

* O Náutico venceu após 13 jogos. E Gilmar (9 gols) é um dos artilheiros do campeonato.

* Logo mais, tudo às 21 horas:

Palestra Itália – Palmeiras x Grêmio

Arena Barueri – Barueri x Vitória

Maracanã – Fluminense x Sport



  • Sérgio

    André, só discordo de uma coisa: o São Paulo não torce hoje contra o Grêmio, pois o objetivo do Jason é alcançar o Palmeiras. Abs e parabéns pelo blog.

  • Jovaneli

    O Goiás, que tem seis vitórias seguidas, está próximo de um recorde, da maior sequência de vitórias do Brasileiro em pontos corridos, que é do Cruzeiro. No Brasileiro de 2003, o Cruzeiro ganhou oito partidas seguidas: venceu Figueirense, Fortaleza, Grêmio, Vasco, Paraná, Paysandu, Fluminense e Bahia.
    Pergunta (se não souber e puder consultar o Data PVC…): na história do Brasileirão, e não só nessa era dos pontos corridos, qual time tem o recorde de vitórias seguidas no torneio?
    Abração!

  • leonardo atleticano

    “Foi roubado mais uma vez, expulsaram nosso queridinho pela milésima vez, somos perseguidos, o Galo é bobo, nós somos lindas e as maiores, atleticano é tudo feio, somos as maiores do mundo, a mamãe e a vovó falaram” Daqui a pouco vai começar a choradeira André, pode esperar, mas a reação está próxima, elas são as meninas super poderosas, estão só dando frente para o restante, que é tudo baba em relação à elas.

  • ADSON CARVALHO

    BH acordou feliz… O cruzeiro parece aquele menino mimado criado pela avó e Dono da Bola… Não pode ser contrariado que apela, mas no final acaba apanhando… é expulsão atrás de expulsão e o menino mimado não aprende… vai entender ??? E a massa agradece!!!
    Saudações Atleticanas (Paranaense Tbém)
    AC

  • Jovaneli, se não me engano, é do SPFC do Oswaldo de Oliveira – 10 vitórias seguidas em 2002. Até por isso a eliminação para o Santos nas oitavas foi tão traumática.

  • Marcel Souza

    pô, ruim que agora tem um monte de time com jogos a menos, fica dificil acompanhar as notinhas pós-rodadas. E fica dificil também saber a classificação correta…

    Até quando esse calendário brasileiro vai ser assim????

  • Teobaldo

    Alguém pode responder se o Kleber citado no comentário do jogo do Cruzeiro é o mesmo Kleber “Rooney” de outras colunas?

    AK: Há outro Kléber no Cruzeiro? Um abraço.

  • Jovaneli

    Eduardo Mion, de fato o São Paulo teve esse sequência de 10 vitórias em 2002.

  • Guilherme Lemos

    Caro André,

    ontem estive no Mineirão e não entendo porque ninguém que cobriu o jogo
    rádios e sites e jornais impressos hoje, ao comentar as vaias, pessoalmente dirigidas, não disse que foram orquestradas pela Máfia Azul. Também fiquei incomodado ao não ler/escutar sobre a agressão da mesma torcida ao real torcedor. Isso é medo de retaliação?
    Para a imprensa local é mais fácil criar crise no Cruzeiro?
    Até quando todos serão reféns de um bando de marginais organizados?

    Obrigado. Guilherme.

  • Jovaneli

    Pronto. Esclarecido. O maior recordista em vitórias seguidas no Campeonato Brasileiro é o Guarani: 12 partidas (8/7/1978 a 2/12/1979). A segunda maior sequência de vitórias é do São Paulo (10 jogos, entre 5/10 e 17/11/2002). Na sequência, vem o Cruzeiro (9 jogos, de 25/10/2003 a 21/4/2004).

  • Jovaneli

    O Goiás, que tem seis vitórias seguidas, está a três vitórias da maior sequência de vitórias no Brasileiro de pontos corridos, que é do Cruzeiro (9 jogos, de 25/10/2003 a 21/4/2004, quando venceu Figueirense, Fortaleza, Grêmio, Vasco, Paraná, Paysandu, Fluminense e Bahia, no Brasileirão 2003, e o Juventude, na primeira partida do Brasileiro 2004.

  • Fred Ferreira

    O São paulo tem muito mais time que o Botafogo, mas, ontem, só conseguiu se impor depois que o Bota perdeu o Renato.

    Impressionante a facilidade com que se marca penalti pro Nautico nos Aflitos…

  • BASILIO77

    Cenario nebuloso pro Timão.
    Contra Sto André, Avai e Nautico…só 2 pontos.
    Agora é Flamengo lá e At/Mineiro aqui…no returno, Inter lá…
    Crise no Corinthians!!!
    Abraço.

  • Massara

    Hahaha…

    Estes torcedores do time monotítulo de MG me fazem rir…

    Meu time tem 88 anos de primeira divisão. E o seu?

    Vai dormir, filho. Você ganha mais com isso.

    Abs.

  • Eduardo

    André,
    Você acha que o SPFC almeja o título?
    Se sua resposta for sim, reveja a afirmação “E hoje [o São Paulo] torce contra Grêmio e Vitória, que podem superá-lo na classificação”.
    Abração

    AK: Em tese, acho que almeja. Na prática, é muito cedo para torcer contra quem está na frente. Um abraço.

  • Massara

    Andre, porque vc não volta com aquelas notinhas de venda e contratacoes de jogadores? Como chamavam mesmo?

    Abs.

  • Mario

    Impressionante como cometem penaltis os jogadores adversarios q vao jogar contra o Nautico nos Aflitos…

  • Fred

    André, sei que isso pode ser difícil para um corinthiano entender, mas vamos lá, preste atenção: o São Paulo não torceu contra o Grêmio e sim contra o Palmeiras, pois nós (são-paulinos) vamos além do momento, pensamos maior, pensamos SEMPRE no TÍTULO (coisa de campeão).
    Um abraço.

    AK: Entendi. Só queria saber onde estava esse pensamento durante a Libertadores, quando seis titulares não foram para a Colômbia, por causa da semifinal do Paulistinha. Um abraço.

  • Teobaldo

    “AK: Há outro Kléber no Cruzeiro? Um abraço”. Bem, com outras palavras, foi isso que eu perguntei, mas tudo bem. Um abraço para você também.

  • Eduardo

    É muito cedo para torcer contra quem está na frente? Essa é a típica frase de quem não sabe como ganhar um campeonato longo e por ponto corridos. Nesse tipo de competição cada ponto conta igual (o primeiro e o último jogo valem a mesma coisa). E o campeão é quem tem mais pontos no final. Ou seja, não existe “muito cedo” para querer diminuir a diferença para o líder. (se vc pensa em título, é claro).
    Sobre os seis reservas na Colombia, eu São Paulino, considero um dos maiores erros da atual direção do time.

    AK: A melhor maneira de manter as chances de título é estar entre os primeiros colocados. Um abraço.

  • David

    André, como é feito a conta na bilheteria dos sócios em dia que não compram ingresso? No jogo do Coritiba, por exemplo, eles são contados como pagantes?

  • Eduardo

    André,
    Em segundo ou terceiro colocado você está “entre os primeiros”, certo?
    Responda quem tem mais chances de título: Quem está em 2o a 12 pontos do líder (em um campeonato em que o líder dispara, como o BR-07), ou quem está em 5o a 8 pontos do líder (em um campeonato mais parelho, como o BR-08)?
    Então o SPFC ontem deveria torcer por Palmeiras ou Grêmio?
    (se estiver me achando muito chato pode falar que tiro o time de campo)

    AK: Em segundo ou terceiro, perfeito. Não é o caso do São Paulo, né? Não tire o time, o espaço é para isso. Um abraço.

  • Eduardo

    André, me expliquei mal.
    Quis dizer que é melhor estar em quinto a 8 pontos do líder do que seria estar em terceiro a 12. Ou seja, era melhor ser ultrapassado pelo Grêmio e ver a diferença para o Palmeiras cair do que ficar na frente do Grêmio mas ver o Palmeiras (e, assim, o título) ficar mais longe. Valeu?
    Abraço.

MaisRecentes

Sqn



Continue Lendo

Gato



Continue Lendo

A vida anda rápido



Continue Lendo