NOTINHAS PÓS-RODADAS



Abrindo a décima-quinta rodada do BR-09:

* O Santos jogou com um a mais (Gladistone foi expulso aos 45′ do primeiro) durante todo o segundo tempo, e encontrou a vitória (2 x 1 no Náutico: Neymar, Gilmar e Rodrigo Souto – 13.511 pagantes nos Aflitos) nos acréscimos.

* Para manter a nona posição, o Santos torcerá contra Flamengo, Avaí e São Paulo, que jogam nesta quinta.

* O Botafogo (2 x 2 com o Coritiba: Victor Simões, Bruno Batata, Renato e Marcos Aurélio – 9.698 pagantes no Couto Pereira) esteve duas vezes na frente, e sofreu o empate aos 44′ do segundo tempo.

* Os dois times ficaram com 16 pontos, e sentem todo o poder do campo magnético do calabouço da tabela.

* O Internacional sofreu em casa, mas venceu o Grêmio Barueri (3 x 2: Alecsandro, Andrezinho, Sandro-contra, André Luiz e Sorondo) no final.

* Andrezinho participou dos três gols gaúchos.

* Também no final (45′ do segundo), e também com sofrimento (Diego Renan foi expulso no primeiro tempo) o Cruzeiro venceu o Sport (1 x 0: Kléber – 17.954 pagantes no Mineirão).

* O Cruzeiro livrou 4 pontos do U-4, com um jogo a menos.

* O Goiás passou pelo Atlético Paranaense (3 x 0: Iarley, Amaral e Léo Lima – 11.257 pagantes no Serra Dourada) com nível mínimo de dificuldade.

* E permanecerá no G-4 se o Vitória não vencer o empolgado Avaí, na Ressacada.

* Marcelinho Carioca fez o corintiano se sentir apunhalado pelas costas, com um belo gol de falta o empate (1 x 1: Chicão fez o do Corinthians – 17.219 pagantes no Benedito Teixeira) em São José do Rio Preto.

* Cobrando faltas assim, Marcelinho poderá jogar até os 60 anos.

* Na estreia de Muricy Trabalho, Diego Souza jogou com a camisa 100 (seu número de atuações pelo clube) e fez o gol da vitória do Palmeiras (1 x 0 no Fluminense – 16.301 pagantes no Palestra Itália).

* O passe de Claiton Xavier foi, no mínimo, metade do gol.

* Logo mais, tudo às 21 horas:

Morumbi – São Paulo x Grêmio

Maracanã – Flamengo x Atlético Mineiro

Ressacada – Avaí x Vitória

______

* Na terça, o Vasco voltou a vencer (2 x 1 no Fortaleza: Alex Teixeira, Cristian e Adriano – 10.515 pagantes em São Januário) na Série B. Levou o primeiro gol em casa no campeonato.

* O Vasco está fora do G-4 por ter uma vitória a menos do que o Figueirense.



  • Raphael Silva

    O jogo da Lusa merecia uma menção pelo menos heim?!

    Abs;

  • Jovaneli

    A ferida (derrota para o Corinthians na final Copa do Brasil) está cicatrizando aos poucos. Ainda desconfio bastante desse Internacional, mas não duvido que possa vencer o Brasileiro. Caso isso ocorra, a conquista corintiano, que hoje parece enorme, ficará menor.
    Ganhar o Campeonato Brasileiro é a maior conquista nacional. Depois de mais de 32 anos de “fila”, é talvez o maior presente para o Centenário.

  • Jovaneli

    O time de futebol do Goiás faz ótima campanha. A torcida faz feio: só 11.257 pagantes no Serra Dourada.

  • Jovaneli

    Coreção…o Internacional foi campeão brasileiro pela última vez em 1979. Portanto, faz 30 anos, e não 32 anos…

    A ferida (derrota para o Corinthians na final Copa do Brasil) está cicatrizando aos poucos. Ainda desconfio bastante desse Internacional, mas não duvido que possa vencer o Brasileiro. Caso isso ocorra, a conquista corintiano, que hoje parece enorme, ficará menor.
    Ganhar o Campeonato Brasileiro é a maior conquista nacional. Depois de 30 anos de “fila”, é talvez o maior presente para o Centenário.

  • Jovaneli

    Sobre o Corinthians, penso que dá para montar um tiem relativamente competitivo com os atletas que ficaram. Quando todos estiverem à disposição, Mano pode montar o time assim: Alessandro na lateral direita, Marcelo Oliveira na esquerda, Edu como uma espécie de “Cristian genérico”, Elias e Jucilei como volantes-meias, mais adiantados, Jorge Henrique e Dentinho abertos, como pontas, e Ronaldo na frente, como homem de área. Taticamente, o “novo Corinthians” deixa de jogar no 4-2-3-1 que Mano tanto adora e que tinha Douglas como meia, e passa a adotar um esquema 4-1-2-2-1 ou 4-3-2-1, sem o meia puro, mas com dois volantes-meias.
    Edu cumpra razoavelmente a função de Cristian e Elias e Jucilei tenham boa capacidade de armação de jogadas, fazendo mais ou menos o trabalho do Douglas, pode dar liga. Apenas não dá para esperar de Marcelo Oliveira o mesmo rendimento ofensivo de André Santos. Defensivamente, pode dar conta, sim.

  • Massara

    AK,

    O que dizer do “vai pra lá que eu vou pra cá” do Kleber Rooney no gol do Cruzeiro?

    Abs.

  • Fred Ferreira

    André, o Juninho como cobrador de faltas e para sair jogando com a bola, é ótimo jogador. Agora, como zagueiro, no combate direto, ele vacila demais…Ontem, entrou de “corpo mole ” e perdeu uma dividida ridícula, que originou no gol de empate do Coritiba. Não adianta o time jogar bem, dominar e depois entregar o ouro no último minuto….abs.

  • BASILIO77

    Uma pena o M.Carioca ser mau carater.
    Tem bola pra jogar em clube grande.
    Abraço.

  • Rafael Kazuo

    E aí André, o jogo fora Santo André não foi inversão de mando de campo, já que tinha muito mais probabilidade de ter mais torcedores do corinthians do que do Santo André no Teixeirão? Mesmo assim não adiantou…

    AK: Em que lugar haveria mais torcedores do Santo André? Um abraço.

  • Paulo

    Chega de bairrismo seus paulistas…

  • rodrigo

    nenhum comentario sobre o penalti a favor do corintians?? aquilo foi ridiculo! o zagueiro encostou na canela do souza e ele despencou no chao. se fosse num campeonato decente o juiz nao daria penalti e o souza levaria um amarelo! mas como estamos no brasil…..a imprensa corintiana nao comenta nada e a jogada passa desapercebida. imagine se fosse ao contrario. no dia seguinte todos os corintianos estariam reclamando. lamentavel!

    AK: Foi falta no Marcelinho? Não. Toquei no assunto? Não. Você perguntou? Não. Lamentável é a repetitiva teoria de conspiração. Entra ano, sai ano, e tem gente que não aprende. Um abraço.

MaisRecentes

Sqn



Continue Lendo

Gato



Continue Lendo

A vida anda rápido



Continue Lendo