CAIXA-POSTAL (hoje quem pergunta sou eu)



Por causa de um compromisso familiar da maior importância, hoje não haverá CP.

As perguntas, obviamente, continuam valendo.

E em virtude da demissão do técnico Vanderlei Luxemburgo do Palmeiras, inverterei os papéis e deixarei uma questão para vocês:

Pensando na relação custo-benefício, o contrato que o Palmeiras assinou com Luxemburgo pode ser classificado como o pior da história do futebol brasileiro?



  • Lelo

    Você sabe se o Palmeiras tera que pagar a multa recisoria? Se tiver, entao acho que sim…

  • Afonso

    Se não foi o pior com certeza está entre estes, mas o de Daniel Passarela também foi um péssimo negócio para o corinthians na época da MSI. Abraço!

  • Renato Mello

    Tranquilamente…
    Luxemburgo há tempos não vale mais o que pede.
    Ninguém questiona sua competência e conhecimento, só que o treinador se acomodou, “sentou-se” na fama que construiu e parou de evoluir. Consequentemente, foi ultrapassado por muitos de seus pares.
    Tanto é verdade que antigamente era sonho de consumo de 10 em 10 torcedores para seus times… hoje me dia, são raríssimos os que o querem.
    No meu GALO, pelo menos, eu e TODOS os torcedores que conheço DISPENSAMOS.
    Caso Belluzzo feche com Muricy, terá feito um negócio muito melhor, tanto econômica quanto tecnicamente.
    Grande abraço, André 😉
    Renato Mello – Galo 3×0 no Barueri hoje, se DEUS quiser!

  • Thiago Escobar

    sem dúvida foi MUITO ruim, mas já teve contratos piores

  • Bruno Amoreli do Lago Lopes

    E ae André blz?
    É o seguinte, eu nunca gostei do Vanderlei Luxemburgo, desde a época do Corinthians. Pra mim, ele não passa de um treinador comum que ganha quando tem astros no time, vide Palmeiras da Parmalat e Corinthians da Hicks Muse. Ele não vale a pena. É muito caro, visto que se o elenco for mediano ele já não consegue nada. Exemplo: a base do Corinthians campeão do Rio-SP e da Copa do Brasil em 2002 com Carlos Alberto Parreira era a mesma do time que o Luxemburgo quase rebaixou em 2001. E o time de 2002 era até pior, pois já não tinha Luizão.
    Na minha opinião, sim, o contrato do Palmeiras com Luxemburgo foi o pior da história.
    E só pra cornetar, bem que o Geninho poderia assumir o Palmeiras….
    Abraço.

  • Cláudio Maesi

    Concordo com o Afonso, o Passarela foi triste… André, vc ainda pensa na possibilidade de criar uma conta no Twitter? []s

  • Fabio

    Foi um dos piores, com certeza, mas ainda acho que o contrato do Passarela com o Corinthians foi o pior.
    E, no Palmeiras mesmo, analisando pelo viés do custo-benefício, o contrato com o Levir Culpi foi pior do que o do Luxa, até porque o Verdão acabou rebaixado naquela ocasião.

  • Muito ruim, mais nao o pior da história. É só lembrar do Passarela…

  • Roberto Carlos

    Andre
    A pressão no Palmeiras é diferente da do São Paulo, será que o Murici tem paciencia para aturar a famosa turma do amendoim?
    Abraço.

  • Pedro Valadares

    É…acho que o Affonso tem razão. A contratação do Passarela foi certamente o pior negócio da história do futebol. Luxemburgo parou de vencer depois que deixou de ser técnio par avirar marca. Abraços!

  • Haroldo

    Não sei quanto o luxa ganhava…Mas sem dúvida, se considerarmos que ele era o maior salário do Brasil (incluindo a comissão técnica), tem toda a grana da Traffic, teve todos os jogadores que pediu, e ficou no cargo quase 2 anos, ele não vale tudo isso. O que tem de se reconhecer é que ele se vende (a imagem!!) como nenhum outro no Brasil. Resta saber se depois das últimas derrotas / anos, ele vai conseguir manter o salário nos níveis atuais. Não é possível que alguma diretoria caia de novo na lábia dele!

  • Vai ter sempre o Passarela que não vai deixar o Luxa na frente… sem falar o dunga, o ricardo gomes etc etc etc

  • Mario Corá

    André, acredito que este não foi o “pior contrato” porque o primeiro objetivo do ciclo foi atingido: a reconquista de um título de primeira divisão, o qual não vinha há muito.

    E foi essa expectativa de novos tempos, aliada ao anseio sufocante da torcida esperançosa por ver seu time novamente no alto do pódio, o que “estragou” a quarta passagem de Luxemburgo pelo Palestra. Tudo isso fez com que a diretoria mantivesse essa linha de trabalho até a hora em que o técnico extrapolou, quis “tomar” o lugar de um dirigente, e fez toda a cúpula Verde perceber que a esperança nessa comissão técnica já havia virado teimosia.

    Mas todos nós já vimos vários técnicos chegarem com respaldo de torcida e diretoria em vários clubes e renderem nada no fim das contas. Esses saíram sem deixar vestígio, enquanto que esse último período de um ano e meio, bem ou mal, está na história por abranger o fim da segunda grande fila palmeirense.

    Por isso, não acho que tenha sido o “pior” contrato de todos os tempos. Agora, que foi o mais frustrante, ah, isso foi.

  • Alex

    Pior da história, é complicado dizer. Mas é ruim. Hoje em dia, sinceramente acho que todo treinador que receba muito dinheiro e não conquiste os títulos mais importantes para o time é péssimo negócio.
    Agora, se o Dorival ganha 280 mil no Vasco, o Luxemburgo não pode ser o pior contrato de todos os tempos.

  • Jovaneli

    Minha memória não é como a do PVC, mas no futebol mais recente considero o contrato entre Corinthians e Passarella o pior em termos de custo-benefício. O argentino ficou no clube de 1º de março e 10 de maio de 2005, não ajudou o clube a ganhar título algum (Márcio Bittencourt, que ficou por 29 rodadas e Antônio Lopes, que sucedeu Márcio até a conquista do Brasileiro daquele ano, foram os maiores responsáveis pelo título alvinegro) e a sua demissão resultou em uma dívida que perdura até hoje. Luxemburgo, ao menos, ganhou dois Paulistinhas para o Palmeiras.
    No campo, Passarela estreou oficialmente no banco do Corinthians contra o Cianorte, pela Copa do Brasil, com derrota por 3 a 0. Nessa competição, Passarella viria a obter a classificação para a etapa seguinte após vencer o jogo de volta por 5 a 1 no Pacaembu. Depois, contra o Figueirense, o Corinthians dele ganharia do Figueirense em casa, por 2 a 0, e seria desclassificado ao perder pelo mesmo placar no tempo normal e nos pênaltis (2 a 3). Sim, é aquele jogo em que Roger chutou para onde quis a penalidade. Para fora. Muito longe do gol. O jogador não topava com o treinador argentino.
    No Paulista, não chegou ao título. O São Paulo foi o campeão daqauele ano, ficando oito pontos à frente do Corinthians de Passarella.
    Na estréia do Brasileirão daquele ano de 2005, Passarella e o Corinthians empataram com o Juventude por 2 a 2 no Pacamebu. Na segunda rodada, derrota para o Botafogo no Rio por 3 a 1, resultado que fez aumentar a pressão sobre o treinador argentino, que viria a cair depois de goleada sofrida para o São Paulo, adversário da terceira rodada. São Paulo 5, Corinthians, pela última vez com Passarella, apenas 1.
    Nem a altíssima multa contratal (de dois milhões de dólares) impediu a dispensa do técnico argentino. Aliás, até hoje não terminou de pagar. O clube ainda deve cerca de R$ 1,4 milhões ao treinador, fruto de um acordo de parcelamento. No ano passado, por atraso no pagamento de parcela do acordo, por pouco o clube não foi acionado na Fifa.
    Evidente que Luxemburgo foi um péssimo negócio para o Palmeiras, mas Passarella, em 2005, foi muito pior. Para o clube que o contratou e o dispensou, sobretudo.

  • Eduardo

    André

    Pior que ficar atacando o Palmeiras e ficar com dor de corno em não ter Libertadores, etc…….

    AK: Qual parte da pergunta você não entendeu?

  • Cassio Luis Parra

    Compromisso familiar deve ser a festa junina. Pois bem, eu que moro no interior que tem as festas juninas típicas, realizadas em sítios e fazendas e com doces e bebidas feitas na grande parte dentro dessas fazendas, fico imaginando como deve ser uma festa junina na capitar… Na boa, mas venha pro interior de sp, aqui pra José Bonifácio, 480 km da capitar, pra ver o que é uma festa junina de verdade. Mas é isso aí, gosto de ler vc. Um abraço.

  • Daniel

    Não, André.

    Ilicitude/licitude postas de lado, o pior contrato da história do futebol brasileiro foi o que o Corinthans assinou com a MSI.

    AK: A pergunta é sobre clubes e técnicos.

  • Ricardo Pires

    André,

    Acho que sim. Pagar 1.5 mi de Reais de multa recisoria + o que o Luxa recebeu nos ultimos 18 meses (se nao estou enganado), que nao deve ser pouco, é muita grana para receber em retorno somente um Campeonato Paulista. Muito, muito pouco…

    Abraço

  • Henrique

    São Paulo x Náutico.

    Novo técnico.

    Mesmos jogadores.

    Mesmos gols de bola parada.

    Mesmo estádio.

    Mesma (ausência de) torcida.

    Tão somente 7.977 pessoas, que proporcionaram uma renda de R$ 180.060,00.

    O Morumbi, cada vez mais, parece um estádio mal-assombrado.

    Os fantasmas dos torcedores corinthianos, daqueles que outrora enchiam de vida o estádio sãopaulino, agora assustam o clube do Morumbi, que se vê com a incumbência (auto-imposta, é fato) de manter uma edificação grande demais para apenas si.

    Trazer a Copa de 2014 para o Morumbi é, hoje, muito mais do que um sonho para os dirigentes sãopaulinos.

    É a tábua de salvação, buscada desesperadamente por ser a única possibilidade de sobrevivência e manutenção do problemático patrimônio do clube do Morumbi.

  • Jovaneli

    Permita-me voltar a um assunto atual: morte de Michael Jackson, ainda não esclarecida, mas que pode ser explicada por meio da letra de uma de suas canções (ver abaixo). A meu ver, a dúvida é se alguém o induziu ou se foi ele próprio quem fez o que fez.

    Música: Morphine
    Intérprete: Michael Jackson
    Compositor: Michael Jackson
    Álbum: Blood On The Dance Floor/ History In The Mix

    Letra:

    Ele ficou chato, baby
    Levou um chute no traseiro, baby
    Um ataque de coração, baby
    Eu preciso de seu corpo

    Um beijo quente, querida
    Ele é um prostituto, baby
    Você me deixa mal, baby
    Tão desconfiado

    Eu sou um porco, baby
    Um fora da lei, papai
    Eu odeio seu jeito, baby
    Tão cheio de incertezas

    Ouço um zumbido quente, baby
    Ele é um de nós, baby
    Outro drogado, baby
    Você deseja tanto

    Confie em mim
    Confie em mim
    Ponha toda sua confiança em mim
    Você está tomando morfina

    Hoo!

    Eles chegaram, baby
    Chutaram sua cara, baby
    Você odeia sua raça, baby
    Você é uma mentirosa

    Você lambe tudo, baby
    Você se prostituiu, baby
    Você me deixa mal, baby
    Sua alma apenas sobrevive

    Ela nunca rompeu comigo
    Ela nunca rompeu, baby
    Eu tive que trabalhar, baby
    Você só um rival

    Sempre querendo agradar o papai
    Tome jeito e deixe o papai em paz
    Você está matando o papai de vergonha
    Tão indesejável

    Confie em mim
    Só em mim
    Ponha toda sua confiança em mim
    Você está tomando morfina

    Continue, baby

    Relaxe
    Isso não vai te ferir
    Antes que eu injete
    Feche seus olhos e conte até dez

    Não chore
    Eu não vou te converter
    Não precisa se espantar
    Feche os olhos e vá em frente

    Demerol
    Demerol
    Oh Deus ele está tomando Demerol

    Demerol
    Demerol
    Oh Deus ele está tomando Demerol

    Ele tentou
    É duro convencê-la
    É demais o que ele conseguiu
    Hoje ele quer duas vezes pior

    Não chore
    Eu não me ressentirei com você
    Ontem você teve a confiança dele
    Hoje ele está querendo duas vezes mais

    Demerol
    Demerol
    Oh Deus ele está tomando Demerol

    Hee-hee-hee

    Demerol
    Demerol
    Oh meu Deus é Demerol

    Hee

    Oooh

    Oh!

    Ele comeu bosta, baby
    Você se prostituiu, baby
    Você me deixa mal, baby
    Você é uma mentirosa

    É mesmo um jogo, papai
    Alcançar a fama, baby
    É sempre a mesma coisa, baby
    Você está tão segura

    Confie em mim
    Confie em mim
    Ponha toda sua confiança em mim
    Ela está tomando morfina

    Hoo!

    Você se senta no chão, você não diz nada
    Você está tomando morfina

    Hoo!

    Go’on mimam

    Você se senta no chão, você só fala disso
    Você está tomando morfina

    Hoo-hoo!

    Você se senta no chão, você não fala nada sobre isso
    Você está tomando morfina

    Você se senta no chão, você só fala disso
    Você está tomando morfina

    Você se senta no chão, você não diz nada
    Você está tomando morfina

    Hoo-hoo

    Eu estou me acabando, baby
    Você está dizendo Morfina

    Continue, baby!

    Hoo!

    Hoo!

    Morfina!

    Faça isso!

    Hoo!

    Ele está tomando morfina

    Morfina!

    Morfina!

  • Anna

    Jovaneli, o medico nao o induziu a nada. Mania que as pessoas tem de culpar medico sem saber direito, sem apurar. Ele pode ter aplicado mas sem saber que MJ possa ter tomado por via oral mais demerol que e dolantina, derivado da morfina. O medico ja depos e a policia ja o descartou como culpado. nao devia era ter fugido, deveria ter ficado o tempo todo com MJ, mesmo morto no Hospital. Bem, eu sou contra eutanasia mas nos EUA ha estados que permitem, outros nao. Se ele fez isso,a meu ver tem que ser punido mas eu nao acredito que tenha feito. MJ morreu como elvis, apesar de dizer que nao queria ter o mesmo fim. Dependencia e muito triste mesmo, de qualquer especie. E so um adendo, sem querer confronta-lo,ok?

  • Gustavo Machado

    Boa tarde, caro André Kfouri. Realmente custou caro o Campeonato Paulista de 2008, mesmo com 12 anos de fila. Se tivesse incluído no pacote uma Copa do Brasil (que foi colocada em segundo plano) ou mesmo a Sul-americana (que o Inter mostrou ao Brasil inteiro que compensa ganhar) do ano passado já teria valido mais a pena. Luxemburgo ainda tem renome, mas vive um momento descendente, pois seu último título nacional foi em 2004, ou seja, há 5 anos.
    O Muricy, antes de vir para o São Paulo só havia ganho títulos estaduais, mas encontrou no clube estrutura para levantar 3 brasileiros.
    Ganhar campeonato é um conjunto de fatores. Quem tiver o mais equilibrado leva.

  • Gustavo Machado

    No post anterior não respondi a pergunta. A resposta é NÃO. O pior contrato de um treinador com um clube, para este, foi sem dúvida o de Pasarella com o Corinthians. Ficou 2 meses mas custou 2 anos e 0 títulos.
    [ ]s

  • Jovaneli

    Olá Anna, tudo bem? De fato, é uma das hipóteses mesmo essa de que Michael Jackson estivesse viciado. Uma hipótese. Não um fato. Ainda não, pelo menos.
    Só acho que você ignorou esta palavra que eu coloquei no texto: “dúvida.”
    Em nenhum momento, cravei que o médico tem culpa. Apenas não descarto. Só isso. A exemplo dessa hipótese de que Michael Jackson estivesse viciado nessas substâncias, também existe a hipótese de que o médico tenha algum envolvimento no incidente. Da mesma forma, pode haver outra explicação. Enfim, não há conclusão sobre o que ocorreu.
    Uma certeza: morreu precocemente Michael Jackson, um dos artistas mais geniais de todos os tempos. Tal qual John Lennon, Elvis, Kurt Cobain, entre outros. Uma pena.

  • Anna

    Se vc tem duvida porque citou a longuíssima música? Entendi sim seu texto. Facil colocar a culpa em alguem se nao se estava lá,nem voce, nem ninguém e colocar em xeque a reputação de um profissional sem provas concretas, cardilogista com 20 anos de profissao. Bem, ser jornalista não é so supor, ter hipoteses, é apurar e colocar a questão com tudo apurado. Grande abraço,Anna

  • Anna

    Foi mal aí. acabei comentando num post que nao tinha nada a ver com MJ e esqueci de me dirigir ao Rogerio Jovaneli. A resposta acima foi para ele.

  • Pedro Rodrigues

    A compra do Nilmar foi o pior negócio da história, de longe.

    AK: Clubes e técnicos. Um abraço.

  • Jovaneli

    Anna, não sabia que conhecia tanto sobre o que é ser jornalista. Parabéns. Agora, falando sério, não quero mais prolongar essa discussão. Respeito a sua opinião, embora não concorde. E você não concordou com o que escrevi. Normal. Tudo bem assim?

  • Anna

    Tudo mas vc pode estar certo e eu ingenua. Acabei de ler no blog do gilberto Scofield no O Globo um artigo otimo sobre medicos que fazem um negocio sujo, Nao sei se o caso do Murray. Eu sou medica e estudo Jornalismo, indo pro sexto periodo, Jovaneli. mas admito qdo erro. Abraço,Anna

  • Márcio Henrique Claudino

    André, certamente um dos piores viu meu camarada…

    dos piores…

    pq além de caro ele não é lá das pessoas mais confiáveis, pra não falar coisa pior e ser moderado.. rs

    abração

  • Thiago Aranha

    Como já li em outros comentários, acho q fica pau a pau com o contrato do Daniel Passarella.
    Só que acho (posso estar enganado) que no Corinthians que pagou foi o Kia, enquanto no Palmeiras o dinheiro sai do clube

MaisRecentes

É do Carille



Continue Lendo

Campeão de novo



Continue Lendo

Inglaterra 0 x 0 Brasil



Continue Lendo