NOTINHAS PÓS-RODADAS (com 10 anéis para Phil Jackson)



Novo líder na área, o Atlético Mineiro.

Ótima rodada para o Palmeiras, que subiu 3 degraus.

Péssima para o Avaí, que caiu três.

As notas:

* “Queimado” pelo frio, o gramado do Couto Pereira lembrou o do Estádio Nacional de Tóquio, onde o Flamengo conquistou seu título mais importante, em 1981.

* Mas o Coritiba não teve nada de Liverpool. Ao contrário, massacrou (5 x 0: Wellington-contra, Marcos Aurélio, Bruno Batata-2 e Leozinho – 20.623 pagantes) o rubronegro. Bruno falhou em 3 gols.

* Agitado empate (Fluminense 0 x 0 Grêmio – 16.270 pagantes) no Maracanã, com os gaúchos um pouco mais perigosos.

* O Goiás (0 x 0 com o Corinthians – 16.337 pagantes no Serra Dourada) só não venceu porque Felipe e as traves não deixaram. O Corinthians iniciou o jogo com cinco reservas.

* Pela segunda rodada seguida, Diego Tardelli deu um passe de calcanhar para um gol do Atlético Mineiro (3 x 0 no Náutico: Júnior, Diego Tardelli e Márcio Araújo – 40.820 pagantes no Mineirão), novo líder do BR-09.

* O Atlético marcou 7 gols, e não levou nenhum, nos últimos dois jogos.

* Terceira virada do Palmeiras (3 x 1 no Cruzeiro: Bernardo, Marcão e Keirrison-2 – 11.214 pagantes no Palestra Itália) em casa, com uma atuação animadora para a decisão na Libertadores.

* O primeiro gol de Keirrison foi um lembrete de que ele é um jogador especial.

* Primeira vitória do Barueri (3 x 1 no Avaí: Marquinhos, Ewerton, Pedrão e Marcos Pimentel – 1.288 pagantes na Arena Barueri) no campeonato. O Avaí segue sem vencer, na lanterna.

* No gol catarinense, cobrança de falta que desviou na zaga e foi aceita pelo goleiro Renê, Marquinhos ficou até sem jeito de comemorar.

* O goleiro Michel Alves e a trave impediram uma derrota dos reservas do Internacional (0 x 0 – 17.302 pagantes no Beira-Rio) para o Vitória.

* Um gol (mais um) de Borges, aos 39′ do segundo tempo, evitou que o São Paulo (1 x 1 – 8.995 pagantes no Morumbi) perdesse para o Santo André, em plena semana de Libertadores.

* Marcelinho Carioca fez um gol com classe, o décimo-segundo da carreira dele contra o São Paulo.

* Ao vencer o Sport, fora de casa, o Atlético Paranaense (1 x 0: Rafael Santos – 20.401 pagantes na Ilha do Retiro) largou a lanterna.

* Mas terminou a rodada ainda no calabouço da tabela.

* Vai demorar para Fabão esquecer os nove minutos finais da derrota do Santos (Botafogo 2 x 0: Batista e Laio – 6.535 pagantes) no Engenhão.

* No primeiro gol do Botafogo, o chute de Batista desviou nele. No segundo, a cabeçada para trás deixou Laio na cara de Fábio Costa.

______

* Um ponto, na casa do líder, é bom resultado em qualquer campeonato. Mas o Vasco (0 x 0 com o Guarani – 11.853 pagantes no Brinco de Ouro) poderia ter se dado melhor, se Carlos Alberto não tivesse sido expulso no final do primeiro tempo.

* O Vasco é o quarto colocado na Série B, com 11 pontos. O Guarani lidera com 16.

______

Décimo-quinto troféu da NBA para o Los Angeles Lakers, após um quinto jogo (99-86 no Orlando Magic, 4-1 na série) que não produziu a menor dúvida sobre quem seria o vencedor.

O “mestre-zen” Phil Jackson agora tem dez anéis de campeão, um para cada dedo de cada mão. É o técnico mais vencedor da história.

Kobe Bryant, que declarou abertamente que estava obcecado pelo título, garantiu (na temporada regular e nos playoffs) que a decepção do ano passado não se repetiria.

Melhor jogador da NBA desde Michael Jordan? Cada um terá uma opinião, mas ele, definitivamente, faz parte da conversa.



MaisRecentes

Plano B?



Continue Lendo

Pendurado



Continue Lendo

Porte



Continue Lendo