CAIXA-POSTAL



Gustavo escreve: 3 em 1 : Você achou razoável o tratamento que parte da imprensa local e internacional deu ao comportamento “extra-piscina” do Michael Phelps? Por que a vida extra-campo nada exemplar de algumas celebridades do futebol não rende tanta exposição? Tem interesse comercial por trás disso?

Resposta: (modo “bom-humor” acionado): Três de uma vez? Suas perguntas passaram pela comissão julgadora da Caixa-Postal por causa do seu “currículo” como frequentador deste blog. Esteja avisado… bem, há interesse por trás de tudo neste mundo, né? Na maioria das vezes, é comercial/financeiro. Não estou falando especificamente deste caso, e sim de forma geral. Mas me permita discordar de você em relação à segunda pergunta. Jogadores de futebol estão entre os atletas mais criticados por “deslizes” na vida pessoal, neste planeta. Só para ficar entre os últimos que frequentaram o noticiário (justamente ou não): Gerrard, Robinho e Ronaldo. Claro que isso tem a ver com a popularidade do futebol e de suas estrelas, em comparação a outros esportistas. E respondendo a primeira: achei normal. O cara cometeu um erro infantil, foi ingênuo. Deve ter aprendido.

______

Roberto Carlos escreve: Você, como repórter, como encara a situação dos profissionais da Globo, que devido ao ótimo entrosamento entre a TV em que trabalham e o Ronaldo “Fenômeno”, conseguem entrevistas exclusivas?

Resposta: Escrevi sobre esse assunto na CP da semana passada. Acho o seguinte: entrevista exclusiva ou é mérito do repórter, ou produto de uma estrutura. Nos dois casos, ficar reclamando é inútil. Ronaldo se dá muito bem com a TV Globo porque, entre outras coisas, ele acredita que a Globo não faz julgamentos sobre sua vida pessoal. Em parte, isso acontece porque não há programas esportivos de debate, onde pessoas dão opinião. Há também a noção óbvia da abrangência de uma entrevista para a principal emissora do Brasil. Quem trabalha em outras empresas não pode brigar com isso. Quando (e se) Ronaldo perceber que falar para outros veículos também é importante, e também repercute, talvez essa situação mude.

______

Adriano escreve: Você entende como o Hernanes não é convocado para a Seleção?

Resposta: Não. Falta-me nível para tanto.

______

Fábio escreve: Gostei da sua história com o Clapton (post abaixo), e fiquei curioso: já que você parece gostar muito de cinema, há algum ator para quem pediria um autógrafo?

Resposta: Autógrafo, acho que não. Foto, sem dúvida. Pensando rápido assim, Pacino e De Niro. Mas deve ter mais gente. O problema é que, repito, abordar esses caras é algo mais fácil de falar do que de fazer.

______

Obrigado pelas mensagens. Até o próximo sábado.

(e-mails para a Caixa-Postal do blog: akfouri@lancenet.com.br, ou clique no link abaixo da foto)

“Vocês não entendem. Eu não estou preso aqui com vocês. Vocês é que estão presos aqui comigo.”

Rorschach, em ‘Watchmen”.

(sugestão enviada pelo blogonauta Bruno Pereira)



  • David Marinelli

    A diferenca, no caso do Phelps, eh o comportamento dele apos o deslize, vindo a publico reconhecer q errou, q se arrepende, e q se sente responsavel pelos fãs q o tem como exemplo.

    Qual jogador de futebol faria isso? A gente soh ve eles reclamando de intromissao na vida pessoal e morrendo de vontade de nao ter a responsabilidade de ser exemplo.

    Phelps eh exemplo como atleta, esportista, enfim… nao acho q olham pra um Ronaldo ou Romario da vida da mesma forma, infelizmente. Se resume a uma idolatria de torcer por ele em campo e nada mais.

    E a imprensa, por sua vez, na maioria, soh se permite criticar esses “deslizes” qndo isso vai prejudicar rendimento em campo. Da ultima vez q resolveram exaltar o Kaka por seu comportamento mais saudavel, mta gente caiu em cima pra defender os malandroes, bad boys q supostamente fazem bem ao futebol. Q maravilha.

  • Parabéns a você e ao Bruno pela citação… o filme ficou extremamente fiel aos quadrinhos, ou seja, excelente.

    Gostei muito também da sua história com o Clapton… mas eu seria menos “amarelão” e provavelmente pediria um autógrafo! Quer dizer, falar é fácil, ne? 🙂

  • davi

    no caso do ronaldo, a falha está no fato que a globo já não tem mais uma liderança esmagadora, acredito que nem ao menos tem a liderança absoluta (50% +1). o que tornaria importante ele dar atenção as outras emissoras e principalmente o publico dessas outras emissoras. isso pelo lado puramente pragmatico. de qq modo ele cuidaria bem melhor de sua imagem se fizesse isso pq mostraria mais respeito e carater por todos. mas ele é fenomeno, né, talvez julgue que não precise disso.

  • Roberto Carlos

    Andre
    Obrigado por mais uma vez adicionar o meu post no caixa postal, porem a pergunta que lhe enviei não foi publicada inteira, foi mais abrangente, perguntei qual a sua opinião referente ao modo que os profissionais da Globo conduzem as entrevistas com o Ronaldo, ou seja; profissionais de gabarito com carreira consolidada fazendo bajulações. Tem como entrevistar sem bajular e ao mesmo tempo não desagradar o patrão e o entrevistado que vivem em clima de lua de mel?

    Um abraço
    Roberto Carlos

    AK: Você poderia ser mais explícito. Não sei sobre qual entrevista você está falando. A Globo tem programas de entretenimento, em que o objetivo é… entreter. Um abraço.

  • davi

    *mostraria mais carater e respeito por todos

  • Marcel Souza

    André, mais uma vez comento aqui sobre cinema, me desculpe, mas você que deu a deixa! 😉

    Já assistiu Watchmen? e já leu?

    E encontrar um dos 2 notáveis que você citou seria demais mesmo. Mais do que tirar uma foto, eu gostaria de cumprimentá-los por terem feito tantos filmes sensacionais e que significam tanto pra mim.

    1 abraço!

  • Rafael Barbosa

    Pô, fumar maconha, pra você, é algo meramente “infantil”?
    Me desculpe, meu caro, mas foi infeliz. Se algum dia sua filha chegar em casa com um baseado no bolso acho que mudará de opinião, e considerará tal atitude mais grave do que uma simples “infantilidade”.
    Abraço

    AK: Você me entendeu mal. O erro infantil foi ser flagrado. O exemplo é o pior possível, sem dúvida. Um abraço.

  • Gustavo

    Valeu, André. Na verdade, acabou sendo 4 respostas, pois a pergunta do Roberto Carlos é uma variação sobre o mesmo tema que eu também gostaria de questionar. Abraço.

  • Bruno Pereira

    André, muito obrigado por publicar a frase que eu lhe indiquei. Até a próxima.

    AK: Eu que agradeço. Um abraço.

  • Sr. Kfouri, ajuda eu aqui, faz favooooor. Você sabe onde posso encontrar um vídeo do Excelentíssimo Presidente comparando o Manchester City com o Volta Redonda essa semana on-line?

    Desde já agradeço.

  • Bruno

    André, com relação ao Ronaldo dar exclusiva somente para o Globo tem apenas um motivo……está evidente que ele leva uma boa grana para isso…..ele pode até ser boa pessoa, mas é mercenário, não esta nem ai para seus clubes, tanto é que após fazer história em Barcelona e Inter jogou em seus maiores rivais Real Madrid e Milan, ou seja, para ele vale aquela máxima, pagando bem que mal tem?

    Lámentavel.

    AK: Você não tem como provar isso, portanto não deveria afirmar. Um abraço.

  • Bruno

    Hernanes não é convocado por Dunga pq não tem ainda posição definida no São Paulo, não se sabe se ele atua de 2ºvolante ou de Meia.

    AK: E daí?

  • diogo

    mais algumas perguntas..rs. você entende como o ramires não é convocado? você entende como o keirrisson não é convocado? abraços.

    AK: Sobre o Ramires, não. Keirrison ainda não está nesse patamar. Mas logo estará. Um abraço.

  • Willian Ifanger

    Situação inversa: e se um fã viesse te pedir autógrafo enquanto você estivesse jantando….como se comportaria?

    AK: Nas poucas vezes em que isso aconteceu, obviamente atendi. Pessoas comuns não têm o direito de agir de outra forma. Um abraço.

  • Willian Ifanger

    Hehehehe…..gostei da modéstia.

    AK: Não é modéstia. O que eu fiz para alguém me pedir um autógrafo? Um abraço.

  • Edmilson Neto

    André, tem uma história muito boa sobre isso do autógrafo que me lembrei só agora, apesar de ter lido o texto há algum tempo. Num bate-papo(maravilhosa) com o Ariano Suassuna, numa bienal do livro em São Paulo, ele disse que uma vez encontrou o Monteiro Lobato numa livraria. E, o Monteiro Lobato era um dos maiores ídolos dele, alguém que ele respeitava e admirava muitíssimo, e queria dizer alguma coisa que expressasse isso. Cumprimentou-o, então, estendendo a mão, e disse “bom dia!”. E foi só o que ele conseguiu dizer!
    Um abraço e parabéns pelo ótimo blog sempre!

  • Renan Soares

    Só uma coisa cara…
    Pacino e De Niro… esses caras são reis. Mas com certeza não teria coragem de abordá-los. Imagine, chegar no cara e ouvir um “Don’t f*** with me, you stupid f***!”.
    Pensando bem, até assim seria legal.

  • Shao

    A citação cinematográfica foi realmente fantástica.. e o filme também é fantástico….
    Abraços

  • Willian Ifanger

    Ué? Se a pessoa te pediu um autógrafo, algo de bom você fez. Pelo menos pra essa pessoa.

    Eu te pediria um autógrafo…se bem que eu já tenho um…hehehehe.

  • Leonardo

    Phelps vacilou, se quer dar um tapinha, vai fazer isso escondido né?! Seus fãs e as pessoas que acompanham não precisavam saber disso. Estava vendo uma reportagem em um programa na televisão americana e um criador de um site sobre maconha estava dando seu depoimento sobre o Phelps, o entrevistador perguntou “Você acha que o Phelps estava experimentando pela primeira vez e blablabla?”, o dono do web-site respondeu “Jamais, alguem fumando naquele bong é porque tem bastante experiencia”. Tem muita gente que quer ganhar ibope queimando atletas com essas coisas inuteis, se o cara quer fumar deixa ele, o anti-doping não só condena o uso de substancias para aumentar o ritmo como as que atrapalham, como se estivessem fazendo um tipo de campanhia contra as drogas, que atrapalham diversos atletas! Agora sobre o caso Ronaldo, acho sacanagem sua exclusividade com a Globo, mas o cara é quem decide não é mesmo? Quem gosta de futebol de verdade sabe que programas tem qualidade e opnião forte! Se o Ronaldo prefere participar do Altas Horas e narrar jogo com o Galvão, problema é só dele, o cara é um fenomeno, dentro do campo e fora! Viva o Marketing!!! $$$$$

MaisRecentes

Classificado



Continue Lendo

Jogo real



Continue Lendo

Errático 



Continue Lendo