BATENDO BOLA COM “O FILÓSOFO”



Gravamos hoje, na ESPN Brasil, um “Bola da Vez” com Jorge Valdano.

Aquele cara que marcou o segundo gol da Argentina, na final da Copa de 86?

É. Mas não só isso.

Valdano foi jogador, técnico e diretor esportivo do Real Madrid (cargo que pode voltar a ocupar em breve), onde ganhou tudo. Hoje é diretor-geral da Escola de Estudos Universitários do gigante espanhol, que forma gestores de futebol.

Uma parceria com a Universidade Anhembi-Morumbi foi o motivo de sua passagem por São Paulo.

Valdano também escreve livros, assina colunas em jornais, é o tipo de cara que a gente olha e estranha que tenha passado a vida – e assim continuará – no futebol. É verdadeiramente triste chegar a essa conclusão.

É dele a frase “Quem pensa que sabe tudo de futebol, nem de futebol sabe”.

O “Bola da Vez” (no ar no dia 07/03, um sábado, ainda sem horário definido) ficou sensacional, com opinião, informação, experiência e bastidores, na medida certa.

O relato da conversa que ele teve com Diego Maradona, no vestiário do Estádio Azteca, sobre o gol mais bonito da história das Copas, é simplesmente fantástico.

Será o tema da minha coluna de sábado, no Lance!.

Valdano acha que Messi é o melhor jogador do mundo na atualidade, que a Espanha tem de ser vista como favorita para a Copa de 2010, e diz que Romário (com quem trabalhou no Valencia) é o maior jogador que ele viu – depois que parou.

O maior com quem ele jogou, é desnecessário perguntar.

Esses são apenas detalhes de um programa que você precisa ver.

Valdano personifica tudo o que o futebol deveria ser.



MaisRecentes

Pendurado



Continue Lendo

Porte



Continue Lendo

Segunda vez



Continue Lendo