COMO DIZIAM OS BEATLES…



Se cada post viesse acompanhado de uma música, este aqui viria com “Can’t Buy Me Love” (Lennon/McCartney, 1964), ao fundo.

Como você já deve saber, Kaká rejeitou a oferta do Manchester City e, segundo a cúpula do Milan, está “fora do mercado”.

Frase do craque, em entrevista ao canal de TV do clube italiano, nesta segunda-feira:

“No fim, contou a minha história, onde eu tenho um legado, e onde mora o meu coração.”

Sim, eu sei. É fácil dizer isso quando se ganha 8 milhões de euros por ano. Mas só quem já teve a oportunidade de se transformar num dos esportistas mais insanamente bem pagos da história, sabe como é complicado tomar esse tipo de decisão.

Silvio Berlusconi disse que Kaká não pediu aumento para ficar em Milão. O que, obviamente, não significa que o clube não lhe tenha oferecido uma “solução caseira”.

Independentemente disso, Kaká optou pela fortuna esportiva.

Minhas palmas para ele.



  • Luís Lima

    Eu fiquei olhando esse caso todo e no final de tudo me passou uma única coisa na cabeça. Esse jogador é diferenciado. Dentro de campo isso é óbvio. Mas, eu não consigo me lembrar de um jogador recusar tanto dinheiro (obviamento não em números absolutos, mas em relativos), porque pensou no que pode ganhar como profissional. Lógico que ele ganha muito e podem dizer que milhões a mais milhões a menos “não faz diferença”. Mas vale pensar que em profissões do dia a dia, muitas pessoas trocam de emprego para ganhar mais ao invés de ficar numa empresa que tem um bom ambiente, onde as coisas funcionam de forma correta e coisas do tipo.
    Abraços e bom final de férias

  • Marcus Vinícius Coimbra dos Santos

    Grande André Kfouri, por ser meu primeiro post por aqui… preciso dizer que sou fã do teu trabalho, antes sou mais fã ainda de teu pai (rsrs… Você aprendeu muito bem!). Falar sobre o Kaká nos leva a refletir sobre tudo que nos cerca no dia-a-dia, assim como conceder à ele todo respeito e carinho, visto que como jogador é diferenciado, e como homem tem caráter e honra acima de tudo. (Cárater e honra estão acima de ser um ótimo jogador).
    Também, como o Kaká, sou cristão evangélico e sãopaulino (Graças à Deus. kk)

  • rafael

    André, alem de voce, quero que todos olhem esse video dos comentaristas italianos comemorando a noticia de que o kaka ficará no milan, dita pelo presidente do milan por telefone. só faltou os comentaristas darem cambalhotas, mas clarou que iam ficar felizes, porque o patrao é o proprio presidente milanes. Se desce voce poderia postar no blog, para Quem quiser ver tá ai o endereço: http://br.youtube.com/watch?v=j-NBg-HKodY

  • Danilo Fernandes

    Fala André! E devemos lembrar, que apesar do que dizem as más línguas, ele já havia tido uma atitude muito decente em sua saída do São Paulo F.C. também, já que à época, parte da torcida o perseguia (perseguição política, diga-se de passagem), mas Kaká fez questão que o time do Morumbi recebesse um valor melhor pela transação, já que em 6 meses ele poderia assinar um pré contrato. Abriu mão de parte de suas “luvas” na negociação para o São Paulo lucrar mais. Lembra-se? Abraço.

  • Edgar Poletti

    Bom dia André;

    Sou leitor assíduo do seu blog e o parabenizo pelo brilhante trabalho que faz tanto no blog quanto no lance e na ESPN Brasil (que infelizmente não assisto mais porque moro no exterior).

    Tenho 2 comentários, um é besteira e o outro acho que vale a pena mencionar. Primeiro, você colocou no seu texto “US$ 8 milhões de euros”. É besteira, eu sei, mas me chamou atenção porque você raramente comete esse tipo de erro, tão comum em outros blogs/ textos. Desculpa a chatice. Segundo, com relação ao Kaká, me lembrei do caso do Jerry Seinfeld, quando decidiu terminar a série de TV que, na época, era a mais vista da TV americana. Fora o fato de, como Pelé, ele querer ter parado no auge, tem também algo semelhante ao Kaká: quando você já ganha mais do que consegue gastar, não adianta te oferecer muito mais. Acho que no caso do Seinfeld chegaram a oferecer algo como US$ 2 milhões por episódio, mas ele já estava decidido a parar. Assim como Kaká, que já estava decidido a ficar no Milan.

    Parabéns à ele e à você.

    AK: Obrigado pela correção. Um abraço.

  • Rodrigo Zielk

    Seu comentário foi perfeito André. A música então é a trilha sonora dessa novela.

    Acho que isso serve como um bom exemplo para todo mundo. Nesse futebol chato e sem apreço, Kaká é um alento.

    abraços

  • Marcos David

    Coerente como sempre. Parabéns ao Kaká. Como sãopaulino sinto pelo dinheiro que não entrará mais no clube, mas prevaleceu o bom senso e a inteligência do jogador.
    Realmente, dinheiro não é tudo!
    Abraço!

  • Rodrigo Zielk

    Já ia me esquecendo. O único caso que me lembro parecido com esse foi a recusa do Marcos em se transferir para o Arsenal logo após o rebaixamento do Palmeiras. Você lembra de algum caso parecido no esporte ou mais precisamente no futebol?

    abraços

  • Paulo Amorim

    Não é por nada não, mas me parece que o Kaká tá tomando o mesmíssimo caminho do Leonardo… se bem que, pela idade que ele foi pra lá, parece mais do Maldini hehe

  • Victor

    Sei lá, acho que ele não foi muito inteligente nessa história.
    O Milan teria essa lealdade com o Kaká? E se ele entrar numa má fase de um ou dois anos, o Milan segura as pontas?
    Se até Ronaldinho Gaúcho, que ganhou praticamente tudo para o Barcelona, foi mandado embora do Barça, sem direito a choro, não duvido muito que o Milan também mandaria Kaká passear.
    Se bem que depois de tudo isso…

  • Bruno Ferraz

    É Kaka deve um atitude digna, mais digamos o que ele perde com isso?
    No meu ver absolutamente nada, já que o que ele ganha financeiramente falando no Milan já é o suficiente para que ele possa viver tranquilamente pelo resto de sua vida, para um jogador de tal potencial que almeja disputar pelo menos mais 2 copas do mundo e ganhar titulos de expressão trocar o Milan pelo City seria uma furada, então ao menos na minha humilde e singular opnião ele fez a escolha certa, já que o que ele ganha no Milan não é pouco e trocar um dos maiores clubes do mundo por um possivel emergente seria uma troca apenas boa de acordo com as questões financeiras algo que eu creio que não o preocupa muito..

    abraços André, sempre com otimos post’s..

  • Nelson Bigeschi Junior

    E aí André

    Muito legal o post com o link dos Beatles, bela sacada.

    O Kaká realmente é um cara diferenciado e merece nossas felicitações.
    Só não dá pra entender como é que um cara como ele se envolve (e, pelo jeito, confia cegamente)com aquela gente (bispa, apóstolo, etc) da Renascer.
    Você ousa explicar?

    Abraço. Bom final de férias

  • Bruno

    Eu já havia dito que ele nãos sairia, ha uma semana…..

    O nâo de Kaka continuou o mesmo….

  • Marcel Souza

    Realmente o Kaká é sim diferenciado. Só espero que ele cumpra a promessa e encerre a carreira no Tricolor. Vai ser muito bom revê-lo no Brasil.

  • Danilo Neiva Gonçalves

    André, você não acha que o Manchester City possa ser um novo Chelsea?
    Até 2003 p Chelsea era um time mediano, mas isso mudou com a chegada do Abramovich…

    AK: Eu acho que esse é o plano. Um abraço.

  • Jovaneli

    Kaká tomou a decisão melhor para ele. Está feliz. O mesmo talvez não possa ser dito em relação ao presidente do Milan, louco que estava para por as mãos naquela grana preta. Tanto isso é verdade que mesmo após declaração de amor do atleta, o clube se calou. Se realmente não quisesse negociar Kaká, o Milan teria dito algo do tipo “não temos interesse em vendê-lo”.
    Kaká ficou sozinho nessa, então deve ter sido difícil tomar a decisão que tomou. Mas sem dúvida que foi feliz. Garantiu o seu futuro como dos grandes profissionais de futebol, sobretudo atuando na enorme Champions League.

  • Carlos Magno Rezende

    Leave a Comment.

    Pois é, será que é tão simples assim? Será que todos engoliríamos que o amor do Kaká pelo Milan o faria desprezar uma nova fortuna e o título de o jogador de maior transação e salário do planeta? Será que a religião dele não permite ambição tamanha? Será que tantos que ganhariam nesse novo contrato resolveram deixaram pra lá pela simpatia do Kaká e pelo seu declarado amor ao Milan?

    Ou será que o Berlusconi resolveu dar um jeitinho italiano que atendesse tanto o Milan quanto ao Kaká bem como a revoltada torcida milanesa?

    Onde estaria a chave que abriria o cofre?

  • Joao Henrique Levada

    Que sirva de exemplo.

  • Cleber

    Fala Andre! A unica coisa a dizer: O Kaka e o cara. Sou corinthiano, mas admirador do futebol dele desde os tempos de Sao Paulo, e achei um absurdo o modo como ele foi tratado pela torcida sao paulina. Numa epoca de vacas magras, sem titulos, sem um time decente e com uma diretoria ineficiente, classificaram o jovem jogador como pipoqueiro e amarelao, depositando neles todas as frustracoes de anos sem titulos.

    Agora ele prova que nao so e craque como tambem uma pessoa exemplar. Azar do SPFC que o vendeu por uma bagatela para o Milan e queria tirar o atraso com essa transferencia pro Manchester City.

  • BASILIO77

    Inteligente e bem orientado.
    FORTUNA ESPORTIVA TAMBÉM CONTA!!!
    As vezes mais do que os ganhos diretos na conta de um banco na Suiça.

    Abraço.

  • Simone

    Se eu já era fã dele…depois desse ato dele, nem posso dizer nada…ele é um exemplo!!!
    E já era venerado pelos rossoneri, agora ele é DEUS!!

    Grande escolha, essa é pros arabes aprenderem q não é só uma questão de dinheiro, pelo menos não pra Kaka!

  • MAURO ALVIM

    Antes disso o Ronaldo opitou pelo contrato vitalício. Ele declarou que traiu a si mesmo e não ao flamengo. Não quero comparar Flamengo e Coriantians, ambos são grandes. Ronaldo e KaKà escolheram de maneira oposta quando angustiados pela mesma questão: Dinheiro ou o Coração? O Renato Mauricio Prado colocou de forma brilhante: ” o dinheiro não deveria servir para realisarmos nossos desejos”? De fato o KaKá merece os parabens.

  • Rodrigo

    André, será que o kaká realmente recusou a oferta? Será que não iria para o City? A nota oficial do clube inglês diz que o negócio não foi pra frente por divergências entre os clubes e que o jogador nem chegou a se envolver. Combinando o que diz a nota dos Citzens com informações anteriores de que o dinheiro não seria aquilo tudo, acho que é prematuro afirmar que o Kaká preferiu o lado esportivo ao financeiro, que pra ele dinheiro não é tudo, etc… Se não fosse, seu pai-representante não teria ido se reunir com os clubes.
    AK: O dinheiro oferecido pode não ser o que se comentou no início, mas mesmo assim era um montante irreal. Kaká se envolveu por intermédio de seu representante. No momento em que o Milan o autorizou a conversar, o pai dele se reuniu com o City. É assim que se faz. Mesmo que seja para dizer “não, obrigado”. Um abraço.

  • Roberto

    O Kaká bancou essa permanência dele no Milan sozinho, isso todo mundo já sabe…
    Mas o presidente do Milan chegar hoje na televisão e dizer “O Kaká é inegociável!” só depois do não do jogador, é muita cara de pau.
    Se o exemplo do Kaká já era louvável, depos dessa declaração fica claro que só mesmo o amor à camisa o fez recusar essa proposta…
    Que sirva de exemplo para os jogadores que se vendem por tão pouco e vão jogar em lugares sem expressão no futebol em troca de alguns milhares de dólares!

  • carlos

    Com relação ao São paulo, o ‘querido’ Kaká não agiu da mesma maneira.
    O contrato terminava em 6 meses, o Milan não o queria.
    Só aceitaram levá-lo porque o preço era baixo e o Leonardo pressionou a direção do Milan.
    A direção do São Paulo o procurou para renovar o contrato. Ele não quis e disse: “ou me vende agora ou saio de graça no fim do ano”.
    Queria muito que ele se transferisse, pois pagaria um pouco do que o São Paulo fez por ele.
    Esse jogador foi tratado a pão de ló desde os 10 anos de idade.
    Quando se machucou na piscina teve a assistencia do São Paulo.
    Pra mim isso tudo é conversa mole, ele só não foi para o City por algum motivo, não tão nobre, que mais adiante saberemos.
    Quanto às vaias; eram meia duzia de tres ou quatro (como diria Vicente Mateus), motivados pela oposição.

    AK: Você está comparando duas coisas que não têm comparação. Que jogador, diante da oportunidade de jogar no MILAN, aos 21 anos, recusa? Um abraço.

  • Fábio Queiroz

    É um jogador diferenciado mesmo. É o único que presta naquela seleção.
    Agora e o Robinho, já tá querendo pular fora do Manchester City, provando ser um mal profissional, um moleque que não tem amor pela profissão.

  • carlos

    Mas ele iria para a Europa de qualquer maneira.
    Era só renovar e aguardar mais 1 ano pelo menos. Todos saíriam ganhando.
    Apesar de que foi depois deste episódio que o São Paulo começou a usar a Lei Pelé a seu favor. Aprendeu antes dos outros.

    AK: É provável que fosse mesmo, mas quem poderia garantir? Fora isso, quantos jogadores brasileiros saíram direto para um time top europeu? Chance como essa não se deixa passar. Um abraço.

  • CAIO

    kaka mostrou o jogador que é ,poderia trocar o milan onde esta a muito tempo,mas por um time de maior peso, ele joga em um dos maiores e é idolo ,arriscaria a carreira indo pro city

  • BASILIO77

    MUDANDO DE ASSUNTO…TÚ ACHA QUE AQUELE FELIPE, LATERAL ESQUERDO QUE DEPOIS VIROU MEIA E REVELADO NO PROPRIO VASCO, PODE RETORNAR AO TIME CARIOCA E DISPUTAR A SÉRIE B AO LADO DO CARLOS ALBERTO E LÉO LIMA???
    NITROGLICERINA PURA?

    ABRAÇO.

  • Alexandre

    Quem sifu foi o São Paulo, que deixou de ganhar R$15 milhões e ainda pagou o mico de saber que o Kaká aceitou sair do SPFC por muito, muito menos do que o valor que ele RECUSOU para sair do Milan…

  • Cássio Parra

    Realmente é essa a música, assim como na reportagem da ESPN Brasil.

  • Fernando Farias

    Ai,ai,ai…..Eu duvido que se fosse para um Manchester United, Chelsea, Real Madrid ou Barcelona se ele não iria…. Ele só não foi pq o Manchester City é ainda um time mediano….Ele alega amor pelo Milan….Menos admiradores….beeeemmm menos….A memoria do pessoal é curta….Quando o Milan ficou ameaçado de rebaixamento pelo escandalo dos juizes, ele foi claro a se pronunciar que sairia do clube…..Ué…cade o amor ao Milan??? Sumiu??? E ele disse que não pensou nem 30 segundos em aceitar….Pq então o pai dele que hj é o seu procurador foi la falar com o sheik e ficou reunido praticamente um dia todo???Quanta hipocrisia…é a famosa média com o torcedor….Ele só não aceitou pq os valores não eram os montantes informados…eram valores astronomicos sim, mas longe do que foi informado e alardeado pela imprensa, era metade do valor soltado na imprensa, revelados até pelo acessor do sheik(tesoureiro) e os salarios do Kaka não eram esses valores como foi falado…para o Kaka, economicamente falando, não compensaria sair com esse valor para um time em formação….Pq nao compensaria economicamente falando? Pq daqui 6 meses o Real Madrid vai chegar perto do VALOR REAL oferecido pelo sheik como todos ja especulam e falam abertamente(vide David Beckham) ai eu quero ver esse “amor” todo pelo Milan e ele não pensar 30 segundos….E esportivamente falando….O cara ja ganhou todos os maiores campeonatos do mundo…inclusive copa do mundo, champions league, mundial de clubes e premios individuais… como ser escolhido o melhor jogador do mundo e premio france football…. Quer um desafio novo na carreira esportiva??Pq não pensar em um projeto de tornar um time mediano com injeção de petroeuros em seus cofres em um grande time???E se vitoriosa, não seria uma grande conquista esportiva?? E se não for ou o sheik cansar de pagar, eu tenho certeza absoluta que não faltariam clubes de ponta para ele seguir sua carreira…Eu penso assim….Quando um esportista chega no topo, ele tem que buscar novos desafios, novas metas na carreira para continuar se motivando mais e mais…e acredito que pelo Kaka ja ganhou, ele precisa cada vez mais, de novas metas…

  • Leonardo atleticano

    Kaká já seria um jogador diferenciado, saindo ou não do Milam, diferenciado como profissional e ser humano, pois como jogador não há mais dúvidas, é o tipo de proposta que não se discute quando é aceita, e quando não é, vira essa loucura mesmo, algo que foge de nossa compreensão pois são valores irreais para 99,999999 da população, não temos como julgar se faríamos ou não, é muito distante de algo que possa nos acontecer. Foi mais uma demonstração de profissionalismo e carinho pelo clube que lhe deu tudo, já o Robinho deu mais uma demonstração de que é um péssimo profissional, falta de respeito total com quem lhe paga seu mega salário. Realidades tão diferentes.

  • Esse post foi um dos melhores que eu li. Fazer analogia com os Beatles é muito legal. Anna

  • Bruno

    Não gosto muito do Kaká, talvez mais por sua ligação com a Igreja dos padres que moram nos EUA e vivem em mansões, mas não posso deixar de notar que é uma atitude admirável num meio em que os jogadores fazem juras de amor e desejo de vestir a camisa do time do coração e no outro o abandonam pelo desejo de ganhar ainda mais (embora ele já ganhe o que nem 10 milhões de brasileiros ganharão em 10 anos). Se ele realmente é verdadeiro em suas palavras e sentimentos, o que tudo indica ser verdade, não posso desejar nada menos do que toda a felicidade do mundo para ele, pois ele merece.

MaisRecentes

Acordo



Continue Lendo

Futilidade



Continue Lendo

Incoerente



Continue Lendo