NEGÓCIO FECHADO?



Arabianbusiness.com é o site que, em agosto do ano passado, noticiou primeiro a venda do Manchester City para o Abu Dhabi United Group.

Há poucos minutos, o site informou que o Xeque Mansour bin Zayed Al Nahyan disse a amigos, por volta das 18 horas em Dubai, que Kaká aceitou a proposta do clube inglês.

Se confirmada oficialmente, a negociação (150 milhões de libras, R$ 520 mi) será a mais cara da história do futebol, e transformará Kaká (500 mil libras, R$ 1,73 mi/semana) no jogador mais bem pago do mundo.

O mesmo site divulgou, pela manhã, que as negociações estavam avançando, e que os árabes esperavam anunciar a contratação no domingo.

Parece que o Xeque Mansour (se é que eu posso chamá-lo assim…) não quis esperar o fim-de-semana.

ATUALIZAÇÃO, 19h54 – Teria o Xeque se principitado no happy hour (só com água e refrigerantes, claro) desta sexta-feira com os amigos em Dubai? Imagine a cena: um diz que tem um iate que vale X, outro fala que comprou um avião que custa Y, e o Xeque Mansour bate na mesa e solta que arrematou um jogador de futebol por 150 milhões de libras

Ou será que foi o arabianbusiness.com que ficou com os pés gelados?

O fato é que, menos de uma hora depois dar o martelo como batido, o site árabe retirou a informação de sua página de esportes, substituindo-a pela notícia de que os representantes de Kaká estariam pedindo 20% a mais em salários, como compensação por ele não disputar a UCL na próxima temporada.

Hmmmmm…

Só que, até no mundo virtual, o que está feito está feito. Além da foto que ilustra este post, aqui está a nota que desapareceu.

O Man City nega o acerto, mas demonstra confiança no sucesso da investida.

Há quem diga que “boatos são fatos prematuros”, vejamos o que acontecerá.

Eu ficaria no Milan, mas é muito fácil dizer isso (no meio das minhas bem aproveitadas férias) sem precisar tomar a decisão.

Bom fim-de-semana.



  • Mais uma vez parabéns e obrigado.

    Grande abraço!!

  • Daniel Bornholdt

    Quanto o SPFC ganhará?

  • Se não me engano 5% sobre o valor da transferência!!!

  • Jovaneli

    Olha, considerando o que li agora no site da seríssima BBC, sobre Ancelotti admitir que o jogador pode sair, ainda mais após o aumento [financeiro] da proposta…e que “o grupo [do Milan] ainda é competitivo, mesmo se perder o jogador” (http://news.bbc.co.uk/sport2/hi/football/teams/m/man_city/7830199.stm), penso que o amigo não furou só as férias. Parabéns, André!

  • Eduardo Barbosa

    Se a primera proposta feita pelo Manchester City – 100 milhões de libras –, através de seu gestor, já pôde ser considerada “indecente”, mas que mesmo assim foi recusada por Kaká, e não pelo Milan, que aceitaria vendê-lo pela bagatela supracitada, o que dizer então da nova investida do trilionário árabe? (Isso mesmo, o dono do Manchester City tem patrimônio estimado em 2 TRILHÕES DE LIBRAS.). A segunda proposta enviada ao Milan para contratar o brasileiro foi de nada menos que 248 milhões de libras, o equivalente, no câmbio atual, a 843 milhões de reais. O Milan tem direito a 108 milhões de libras, assim como Kaká, e o restante – 27 milhões – será dividido em comissões.

    Kaká ganhará nada menos que 255 mil libras por semana – 884 mil reais.

    Essas informações foram publicadas no site do jornalista Milton Neves.

    Agora é com você, Kaká! O Milan está implorando para que ele dispute o resto da temporada européia bem longe de Milão.

    Na minha opinião, ele tem de aceitar, pois não é todo dia que se recebe um container de dinheiro desses – será a maior transação da história do futebol, e tenho quase certeza de que não veremos outra igual.

    No entanto, Kaká já teria feito algumas exigências ao City: a continuidade dos investimentos, a permanência de Robinho no clube e uma classificação para a Liga dos Campeões da Europa em pelo menos dois anos seriam algumas delas. Sinal de que já teria aceitado a proposta? Não sei.

    Vamos esperar para ver como terminará esse episódio inédito na história do futebol.

  • Luiz

    Vai Kaká! Dá um troquinho pro São Paulo que a gente tá precisando!!!

    AK: Cinco por cento de 150 milhões de libras = R$ 26 milhões. Gasta-se cerca de 15% desse valor para recebê-lo no Brasil, sobrando mais ou menos 22 milhões. Só para comparar, a renovação do contrato de patrocínio com a LG pagará ao clube algo como R$ 18 mi em 2009. Um abraço.

  • Paula

    Eu como são paulina estou torcendo! Para quem não esperava vê-lo fora do Milan é como recuperar o ouro perdido (a venda para o Milan a preço de banana).
    Mas não sei se ele vai…

  • Bruno

    André o que vc acha desse Oscar camisa 10 do sampa?

    Ainda não vi nada D+ nele…..

    O henrique é ótimo jogador…..e esse marcelinho do corinthians hein…

    O Neymar tbm na minha opinião decepcionou nessa Copa SP esperava bem mais dele…

  • Jovaneli

    André, estou com você: também ficaria no Milan, fosse eu o Kaká.
    Mas, e se você, André Kfouri, fosse presidente do Milan, nessa época de vacas magras (crise) e com uma proposta “indecente” dessas nas mãos, o que faria?

  • Willian Ifanger

    Já está aquecendo os motores pra voltar das férias “no pique”, hein? Não é fácil voltar no ritmo.

    Deve ter diretor sãopaulino rezando dia e noite por isso. Mas que o valor da negociação é absurda, isso é mesmo…….se a gente pensar no quanto o mundo hoje tem de problemas, é até uma ofensa gastar esse monte de dinheiro com um jogador de futebol.

    Bom fim de férias……se bem que, acabam as férias e já vai pro Superbowl…..que chato…..tem vaguinha na mala? Hehehehe.

  • Enfatizo a pergunta do nosso companheiro Jovaneli, e ainda digo mais, agora se fala por ai, que o City dobrou a oferta pelo nosso menino de ouro. sendo que de todo o montante, cerca de 379 milhoes seriam só para a conta bancaria do astro. sei que no total, o valor da oferta, daria para comprar o elenco dos 4 grandes do Rio de Janeiro. sera que o nosso mercado interno é tao desvalorizado assim? ou os petrodolares incontaveis do xeque é que sao realmente imensuraveis? o City quer construir um time campeonissimo, porem mesmo com todos os investimentos ja feitos, amarga a 15a posicao na tabela do ingles, bem atras de equipes modestas, como o Hull, Wigan, Sunderland e outros. agora com Kaká, sao outros 500.

  • Onde há fumaça há fogo… Furo de reportagem… Vamos acompanhar atentamente o desenrolar da historia. Parece que o pai de Kaka vai conversar com os dirigentes do city segunda-feira. Anna

  • Jorge

    André, o Kaká foi vendido em 2003. Com 21 anos, portanto. O período de formação do atleta, segundo a FIFA é dos 12 aos 23 anos. Conforme a tabela que segue:

    12 anos = 0,25%
    13 anos = 0,25%
    14 anos = 0,25%
    15 anos = 0,25%
    16 anos = 0,5%
    17 anos = 0,5%
    18 anos = 0,5%
    19 anos = 0,5%
    20 anos = 0,5%
    21 anos = 0,5%
    22 anos = 0.5%
    23 anos = 0.5%

    O São Paulo então terá direito a 4% da negociação, e não 5% como vc informou. Bacana, o Milan terá direito 1% ainda, por ter auciliado na formação do Kaká.

  • Jorge

    auXiliado, digo. Erro de digitação. o X tá do lado do C. Tive q explicar porque é daqueles erros – de digitação – que se não corrigidos acabam parecendo de ortografia

  • caio

    acho que o kaka não deveria ir para o city, ha clubes maiores para ele ir como barça, real , ele corre o risco de apagar na carreira apesar do dinheiro estelar

  • caio

    kaka cairia na carreira indo para o city ,logo agora que é idolo mundial

  • caio

    o milan perderia muito sem kaka ,acho ele o unico jogador cerebro de um time no mundo, torço pra que fique ,torço pro MILAN ,a campanha agora é fica kaka

  • Fernanda

    É um boa pro São Paulo que vai ganhar um boa grana com isso. Vale ressaltar que a situação do Kaká é completamente diferente da do Robinho. O Real não queria vender o jogar, o Milan quer e só falta dizer: vá com Deus, meu querido!

  • Victor

    Ah, ele é jogador de futebol e tem que aproveitar enquanto pode fazer montanhas e montanhas de dinheiro. Kaká já é ídolo mundial e não precisa mais de um time forte para tornar o nome dele forte. O Milan pode dar mais títulos a ele? Sim. Mas o Manchester City pode dar um estilo de vida para o Kaká, para os filhos do Kaká e, quem sabe, para os netos do Kaká que pouca gente pode ter.
    Eu iria para o Manchester City. Fácil, fácil. Pode não ser um Milan, mas paga mais do que um…

  • Rafael Barbosa

    André, vc concorda que a venda de Kaká, pelo Milan, está condicionada a uma soma de fatores que não só o astronômica proposta econômica feita pelos “ingleses”? Antes da chegada do R10, o Milan não contava com nenhum jogador em seu elenco com características de meia-atacante, como o Kaká. Seedorf até q poderia ser mas, ainda que jogue muito, não esta no nível de R10 e nem de Kaká, Assim, com a chegada do Ronaldinho, tudo ficou mais fácil pois, não é segredo pra ninguém que Ancelotti é retranqueiro e que Pirlo, Gattuso e Seedorf possuem cadeira cativa na meia cancha rossonera. Não havia espaço pra dois meias ofensivos, como são Kaká e R10. Ao menos na cabeça de Ancelotti, não se vislumbra um time tão ‘pra frente’. Também, ninguém duvida que os dois possuem potencial pra serem titulares em qualquer equipe do mundo, e que não aceitariam a reserva. Assim, pra jogarem juntos, um ou outro teria que mudar a maneira de jogar, ser mais recuado, o que de fato Ancelotti propôs a Kaká e este abertamente reclamou. Soma-se a isso o fato da estrela Beckham ter chegado e, pelo curtíssimo tempo de contrato, algo me diz q vai ser titular. Pronto, estava formado a – boa – encrenca pro Ancelotti: reunir jogadores tanlentosíssimos, estrelas, e fazer a squadra milanesa jogar. A proposta “inglesa” caiu do céu: Kaká ja ganhou tudo que podia no Milan; Fez história e, posso estar enganado mas, ainda que ele se aposentasse no Milan, jamais teria o prestígio e o respeito que o capitão Maldini tem, justamente por não ser uma cria do Milan, uma prata da casa; O Milan investiu em Ronaldinho e, não que este vai substituir o Kaká – o tempo dirá se isso vai ocorrer ou não, mas o Ancelotti estava encrencado pra achar um esquema de jogo retranqueiro em que os dois jogadores brasileiros atuassem juntos, mantendo suas características e armando a equipe; Vivemos em um mundo capitalista, em que jogadores de futebol são mercadorias – em que peses alguns exemplos diferenciados como Marcos e Rogério Ceni, que rejeitaram propostas do exterior – e os clubes precisam sobreviver a esse sistema, que traz crises repentinas e tratora todos aqueles que não sabem lidar com suas regras. Ou seja, um conjunto de fatores, tanto esportivos quanto econômicos, estão envolvidos nessa transação exorbitante. É difícil aceitar, ao menos pra mim, que vejo no Kaká um símbolo de amor à profissão e à camisa que veste (um empregado dedicado e indentificado com sua empresa) mas, também sou obrigado a reconhecer que, caso ele saia, concorreram para isso uma série de fatores que estão muito aquém da sua vontade própria de continuar em Milão. Só desejo sorte ao Kaká em terras inglesas, e que continue tendo o sucesso e dedicação que marcaram, até aqui, sua carreira profissional.

  • Roberto

    Eu no lugar do Kaká não arriscaria uma carreira só por essa dinheirama toda… Afinal dinheiro hoje em dia não é problema pra ele.
    Mas se os dirigentes do Milan querem vendê-lo, ai ele não tem muito o que fazer.
    O negócio que seria bom pros dois na minha opinião seria o Real Madrid pegar a quantia que ofereceu ao Cristiano Ronaldo (100 milhões de euros) e investir no Kaká…
    Além do Káka ser melhor (na minha opinião), ele não deixaria de disputar os principais títulos do planeta.
    Enfim, é dificil falar quando estamos de fora.

  • bem q esse cara podia contratar o adriano, né?!?! o fla ta precisando mto dessa grana!

  • Carlos Magno Rezende

    Kaká, coerentemente com seu discurso quando saiu do Brasil, dizia somente jogar em clubes que fossem de ponta. Dizia, porém balançou. E quem não balançaria?

    O negócio, e que negócio da china, ou do sheik, é agora balançar as redes inglesas. Foi bom, adorei ele ser agora o mais caro do mundo. Botou nos bolsos muitos milhões mais o Cristiano Ronaldo, o Beckham e outros. Dane-se a eleição da FIFA!

    Viva Kaká!

  • http://lucianoblogfutebol.blogspot.com/
    Pra mim, o Kaka é um jogador que para ter time, deve gastar uma grana quase inesistente.
    O Milan e o São Paulo querem que ele vá para o Manchester City, pois ai vão sair lucrando muito.
    Pra mim, ir para o clube inglês seria muito bom para o Kaka, pois ele ai vai ter a chance de ser novamente o melhor do mundo, por ser o melhor do time também.

  • Carlos Magno Rezende

    Ihhh!

    – Revertério na história, Kaká não vai mais! Será que o dinheiro do sheik era em ações?

    Ou será que o Berlusconi, com medo da torcida, resolveu cobrir a proposta do sheik?

    Desvenda isso ai pra gente, André!

  • Arthurius

    nenhum jogador vale tanto, muito menos kaka, q ha dois anos não esta entre os 5 melhores do mundo.
    e a imprensa adora levantar a bola desse sujeito

MaisRecentes

Feliz Natal



Continue Lendo

Mudar o meio



Continue Lendo

“O PF dos caras”



Continue Lendo