PETROKAKÁ



Não é todo dia que alguém oferece R$ 344 milhões por um jogador de futebol (por isso estamos aqui de novo, em plenas férias).

Na verdade, é a primeira vez na história que isso acontece. O que prova que os petrodólares das famílias reais sauditas realmente brotam do chão.

Isto porque o petróleo segue em queda livre (o preço do barril caiu de US$ 100,00 para 44,00 em cerca de um ano). Imagine de quanto seria a proposta dos controladores do Manchester City por Kaká, se o negócio da família estivesse bombando…

O tom da cobertura da oferta dos árabes ao Milan, na imprensa brasileira, é de cautela em relação ao sucesso da investida. Compreende-se. Quando um jogador como Kaká diz “… quero envelhecer no Milan, meu objetivo é ser capitão desse time”, e esse jogador é um dos mais bem pagos do mundo (8 mi de euros/ano), conclui-se que uma aventura aos 26 anos não é muito provável.

Mas, na Inglaterra, o que se comenta é que a transação está “muito perto” de ser fechada.

É o que informa essa nota do site da BBC, com declarações do assistente-técnico do City, o ex-jogador galês Mark Bowen.

Kaká disse, muito mais de uma vez, que passaria a vida no Milan se o clube assim quisesse. Mas uma outra frase sempre acompanhou a anterior: “se o Milan desejar me vender, é outra conversa”.

É uma porta aberta para o desconhecido, ou para o impossível.

Diante de propostas recentes, o Milan também avisou os interessados que o brasileiro não está a venda.

Isso vale até o dia em que alguém cometer uma insanidade. Ao que tudo indica, esse dia foi ontem. A informação de que Bosco Leite, pai e procurador de Kaká, foi autorizado pelo Milan a negociar com os ingleses árabes (e com Kia Joorabchian, que “aconselha” os xeques nas contratações) é suficiente.

Kaká pode mesmo estar seguindo o caminho de Robinho, por mais estranho que pareça, e apesar da declaração de Diogo Kotscho, seu assessor de imprensa, nessa nota do jornal italiano Corriere dello Sport:

“Kaká quer uma equipe forte. Não faria como Robinho, que, para ganhar mais, se contentou como uma solução pouco vencedora”.

(Parênteses, aqui: conheço Diogo desde que ele trabalhava para um dos patrocinadores da Seleção Brasileira, e acompanhava o time ao redor do mundo. Ele é um profissional cuidadoso demais para dizer algo que poderia criar problemas para Kaká. Ou, no mínimo, fazer as pessoas indagarem “Fechou mesmo? Mas o assessor de imprensa dele não disse que…?” Acredito que o contexto da declaração tenha sido outro, ou que um “off” tenha virado “on”.)

Mas é preciso perceber as diferenças entre os dois movimentos, se é que o segundo realmente acontecerá. Kaká foi campeão de tudo (país, continente, mundo) pelo Milan. Faturou um troféu individual da Fifa, em 2007, vestindo a camisa do clube. Se for embora, não deixará negócios incompletos na Itália.

Será a figura da transação mais cara da história do futebol, e o jogador mais bem pago do planeta.

Mas será campeão europeu, mundial, de novo?

Essa parece ser a única questão que separa a caneta do papel.



  • Meu palpite é de que ele não vai, André. Entre outras razões, porque a chance de construir uma história no Milan no estilo Pelé/Santos, Di Stefano/Real, Beckenbauer/Bayern é boa demais para ficar pra depois. É o que acabo de escrever no meu blog, passa por lá se tiver um tempo. Abraço. Paulo.

  • Bruno

    Kaká recusou a oferta!!!!

    Fonte: Blog do Marcelo Damato.

    Ele demonstrou se importar com a origem do dinheiro que receberia…..ao contrário de Felipão…..sabia que Abramovich não entra mais na Russia…..Porque será??

    AK: Você leu a notícia do dia 14. Hoje é dia 15 de janeiro de 2009. Jesus… um abraço.

  • Joao Henrique Levada

    Se Kaká for para o City, será muito especial.

    Ainda mais pra “esfregar na cara” desse povo que tenta promovê-lo a santo.

    Eu, no lugar dele, iria.

    Como você disse, André, ele já ganhou tudo. Agora pode “se dar ao luxo” de ganhar apenas dinheiro.

  • Bruno

    Káká parece ser uma pessoa de palavra não???

    Para ele o “não” de ontem definitivamente não sera o “sim”de hoje.

  • Jovaneli

    Na minha opinião, Kaká ainda pode ir para o Manchester City, sim. Principalmente porque o Milan quer denociá-lo, de olho na grana alta oferecida. Foi o que deu a entender ao ler sobre a reação dos dirigentes rossoneros após a insana proposta “do City”.
    Kaká pode estar mais interessado no profissional que no dinheiro – até porque já tem muito -, mas pode ser convencido, pelo Milan, a aceitar ir para o time azul de Manchester.
    Ao sentir que o Milan está de olho na grana e quer negociá-lo, Kaká deve ceder, sim. Até porque não seria o pior dos mundos, entre outras coisas por ter um companheiro de seleção, Robinho, para auxiliá-lo, dentro e fora de campo, na Inglaterra.
    Quer saber: diante da insanidade da proposta, não condeno o clube nem o Kaká se, de fato, o negócio sair, até porque acho normalíssimo o empregado deixar o emprego quando é vontade do empregador, que não o quer mais, não importa o motivo (no caso, é financeiro).
    Abraço e boas férias!

  • Jovaneli

    Pergunto: no tempo que ainda tem de contrato com o Milan, considerando que não é certeza que Kaká voltará a jogar o mesmo bom futebol do início no Milan e da campanha da Champions League 2006/2007 nem ser, novamente, o melhor do mundo, você, André, bancaria a aposta em Kaká e no que ele pode gerar, em termos de títulos e de dinheiro, para o Milan, ou pegaria a grana oferecida “pelo City” para garantir o investimento no jogador e precaver-se de eventual perda de grana no futuro, caso Kaká não volte a ser Kaká?
    O que faria? Eu seria conservador e pegaria a grana. Afinal, há outros bons jogadores no mercado, por um preço menos salgado, inclusive.
    Abraço!

  • Jovaneli

    Mais mercado…Palmeiras acerta e já pode contar com Keirrison, diz o site Globoesporte.com.
    Eis a notícia, resumida por mim:

    Palmeiras abre o bolso, Coritiba aceita e Keirrison chega ao Palestra Itália

    Palmeiras, Coritiba e Traffic chegaram a um acordo no início da tarde desta quinta-feira e o atacante Keirrison é o novo reforço do Verdão para a temporada 2009. O clube paulista vai pagar cerca de R$ 2 milhões pela liberação antecipada do artilheiro.

    Keirrison deve ser apresentado já nos próximos dias como reforço palmeirense. Seu empresário, Marcos Malaquias, está em São Paulo para acertar os últimos detalhes da transação com a Traffic. Procurado pelo Globoesporte.com, ele não foi localizado.

  • Jovaneli

    Realmente, está confirmado que Keirrison já pode jogar no Palmeiras. Olhe o que foi perguntado e o que o Diego Souza respondeu agora a pouco no chat do site da ESPN Brasil:

    Moderador 17:33:53
    Evandro diz: Diego, acaba de ser confirmada a chegada do Keirrison. Você acha que pode fazer a dupla de ataque com ele? Achou importante a vinda dele?

    Diego Souza 17:35:42
    é, eu fui avisado agora pelo Finelli, o nosso assessor, acho que se trata de uma excelente contratação, ele já provou ter capacidade para ser um grande centroavante, quanto ao fato de eu fazer dupla com ele, vai depender do lxuemburgo

  • André,

    Acho que vc não levou em consideração coisas que me parecem pertinentes:

    1. O desejo de se tornar um dos maiores ídolos da história de um dos maiores clubes do mundo. O Milan é muito maior que o City, simples assim.

    2. O desejo de permanecer na Itália, em Milão, (que deve ser uma cidade bem mais bacana do que manchester), com amigos estebelecidos, enfim, uma vida construída.

    3. E, principalmente, o pensamento no futuro profissional (não financeiro, esse ele não precisa se preocupar), como um dirigente do milan, como o leonardo.

    abraço

    Ah, as “férias” vão até qdo?

  • Fiz uma crônica sobre isso…

  • Rodrigo

    André,
    ouvi falar q o custo para o “produtor” de petróleo é de 3 ou 4 dólares, o resto é lucro graças ao cartel da Opep, ou seja, grana é o que não falta pra esses árabes…
    Bom, vou concordar com o cara que falou aí em cima que se ele for pro City a imagem de “santinho” começa a se desconstruir. O duro é eu acho que ele vai recusar.

  • Não é questão de ” outra conversa” exatamente. Kaka quer ficar no Milan pq é fiel aos clubes que joga,se apega, quer fazer história. A questão é que se o clube quiser ouvir a proposta porque tem o passe dele, ele tem que esperar que ambas as partes conversem. Não acredito que ele vá pro City por livre espontanea vontade, só por causa do dinheiro. Ele irá se o clube aceitar e não lhe perguntar o que acha. Eu vejo dessa forma. Anna.

  • Rodrigo Arduine

    E vc leu a notícia do dia 15, hoje é 16 (brincadeira, claro)! Quase 1 bilhão de reais por um jogador! É o sinal do Apocalípse!

  • Alexandre

    O SPFC e os “donos” da Igreja Renascer é que devem estar esfregando as mãos.

  • Leandro Thomé

    Parece que a oferta já subiu pra casa dos $800 milhões segundo a globo.com

    $225 milhões de Euros…

  • Boa tarde André e parabéns pelo furo sobre a notícia do site árabe.

    Tem como você me passar o site para eu poder ver?? Acabei de ver você comentar na ESPN só que não consegui ouvir o site.

    Mais uma vez parabéns!!

    AK: Obrigado, cara. O site está na nota que acabei de postar. Um abraço.

  • CLAUDEMIRREINO

    BOM P/ O SPFC QUE VAI LEVAR UMA GRANA POR ISSO

  • Husky

    os anjos e o Sao Paulo torcem pra que o negocio saia…duas perguntas:
    qto % o Sao Paulo tem de direito dessa bolada por ser o clube formador?!rs
    e de qto sera o dizimo pra igreja renascer se ele for pra manchester?!rs

  • Ram

    Quando o Robinho foi para o Manchester voce massacrou, o chamou de interesseiro, atravessador, etc. Hoje se ve. Enquanto o Chelsea ruma para o desastre financeiro e venda, o Manchester investe pesado em jogadores. Em um ou dois anos no maximo, o time vai estar bem competitivo. Os salarios oferecidos pelo Chelsea a Robinho nao eram garantidos. A posicao no time nao era garantida. E a continuidade de Felipao tambem sempre esteve em xeque…

    Acho que muitos colunistas terao que engolir as palavras que escreveram… Mas sempre foi assim. Falaram mal de Romario, e o cara trouxe a copa. Ai tudo mudou, exceto que os colunistas nunca reconheceram esta mudanca, mas mudaram. Falaram mal de Zagalo, copa de novo. Falaram mal de Parreira, bingo! Ronaldo era o Gordo em 2002, tchum… Inveja de comentarista e fogo hahahaha

    AK: Não seja ridículo. Quando o Robinho foi para o Manchester City, escrevi que ele tinha feito a opção financeira em detrimento da esportiva. Nada mais. Repito o raciocínio agora com o Kaká, ao dizer que, se fosse eu, ficaria no Milan. Fora isso, lamento que você não perceba a diferença entre os dois, no que diz respeito aos títulos que um tem e o outro, não.

    Só mais uma coisa: você está muito mal informado sobre a tentativa de contratação de Robinho pelo Chelsea. Um abraço.

MaisRecentes

Dividido 



Continue Lendo

Reiniciar



Continue Lendo

Modelos



Continue Lendo