UM MILITAR NA ARBITRAGEM



Já ouviu essa história? Pois é outra. Ronald L. Johnson, general de duas estrelas do exército dos Estados Unidos, foi contratado para ocupar o recém-criado cargo de “vice-presidente senior de operações de arbitragem” da NBA. A idéia é recuperar a liga do problema de imagem criado pelo envolvimento do árbitro Tim Donaghy num esquema de apostas ilegais. Donaghy, é bom sempre frisar, pode pegar 2 anos e 9 meses de cadeia. Johnson se aposentou recentemente da carreira militar, e será o responsável por tudo o que diz respeito ao apito na NBA. Ele diz que quer “trazer liderança e inovação para a excepcional arbitragem” da liga.



MaisRecentes

Cognição



Continue Lendo

Sete dias



Continue Lendo

Em voo



Continue Lendo