CAIXA-POSTAL



Desculpe o horário adiantado. Tive um compromisso de família. Aos temas da semana: Felipe escreve: Se tanta gente a todo instante vem a público deixar dúvidas “no ar” a respeito de manipulações de resultados (no futebol), será que o negócio não existe mesmo? Será que não é uma daquelas coisas que tem muita gente importante envolvida, que todos eles sabem que acontece, mas todos estão de “rabo preso” e não podem falar abertamente no assunto? Resposta: Essa é uma daquelas situações em que o que importa não é o que você sabe, e sim o que você pode provar. Eu ponho a minha mão no fogo pela lisura dos campeonatos de futebol no Brasil? Não. Basta voltar até 2005 para saber por quê. Além disso, há escândalos comprovados na Alemanha, na Itália… Agora, quando se tem como provar (como fez o meu chapa André Rizek, na Veja, em relação à “Máfia do Apito”), é preciso fazê-lo. ****** Rogerio escreve: Antes de assistir a Brasil e Argentina: se a derrota brasileira para os argentinos representasse a certeza de que Dunga deixaria o comando da seleção, torceria, pelo menos dessa vez, para a Argentina? Depois do jogo: valeu a pena torcer por quem você torceu? Resposta: Quando estou trabalhando, torço por boas histórias. Cobrindo o jogo ou vendo pela TV, nunca torci contra a Seleção Brasileira. Não acredito que haja uma situação em que eu seja capaz de fazer isso. ****** Guilherme escreve: Gostaria de saber se você acredita em, no mínimo, uma má vontade da imprensa (inglesa) com o Felipão antes mesmo dele começar a trabalhar no Chelsea, ou ele terá paz para trabalhar? Resposta: A relação do Felipão com a imprensa inglesa será exatamente igual ao que se viu nos clubes por onde ele passou, na Seleção Brasileira e em Portugal. Mas acho que há uma chance de acontecer uma coisa interessante. Como é normal, haverá uma parte da imprensa que será simpática a ele, e isso pode fazer com que o Chelsea seja visto de forma menos arrogante. Esse foi um dos aspectos abordados pela coluna (link na última Coluna Dominical) que saiu no “The Independent”, na semana passada. ****** Alejjandro escreve: Sei que é meio forçado, mas será que o Van der Sar pode ser indicado ao prêmio de melhor do mundo da FIFA? Pois ele catou muito no Manchester na última temporada, e vem catando mais ainda na Eurocopa… e se a Holanda ganhar… Resposta: Na história do prêmio da Fifa, somente um goleiro ficou entre os três indicados. O alemão Oliver Khan, que em 2002 foi vice de Ronaldo. Isso diz o suficiente sobre as chances de Van der Sar. Mas é claro que, depois de ser campeão inglês e campeão da UCL, se a Holanda ganhar a Euro 2008 com participação decisiva dele, tudo é possível. O favorito é Cristiano Ronaldo. ****** Obrigado pelas mensagens, e perdão pelo atraso. (e-mails para a Caixa-Postal do blog: akfouri@lancenet.com.br, ou clique no link do lado direito da página) “Eu sou Jaguar Paw, filho de Flint Sky. Meu pai caçou nesta floresta antes de mim. Meu nome é Jaguar Paw. Eu sou um caçador. Essa é minha floresta. E meus filhos caçarão nela com seus filhos depois que eu me for.” Jaguar Paw, em “Apocalypto”.



  • Willian Ifanger

    Bom, infelizmente o Van der Sar ficou pelo caminho da Euro. Incrível como tem camisas que realmente pesam, como Alemanha e Itália, e camisas que só enfeitam, como Holanda, Portugal e Espanha. Nada contra o futebol desses times, aliás sou fã da Holanda. Mas parece que na hora do “vamos ver” deixam a camisa jogar.

  • Felipe dos Santos Souza

    É, Van der Sar ficou pelo caminho. Mas, mesmo com as, vá lá, falhas de hoje, ainda acho-o o melhor goleiro da Euro, por enquanto. Buffon pode superá-lo. Mas, se uns vão, outros vêm. Arshavin, por exemplo. Que jogadoraço! Abraço!

  • peralta

    peralta escreve: o que dizer de momentos em que nao se pode provar o erro mas a imprensa é extremamente com o erro se direcionado a favor de certas equipes? são vários os casos de erros claros que não tem repercussão mas de lances polêmicos que são discutidos mais do que deveriam. o caso o penalto do enilton e acosta é o melhor exemplo que temos atualmente. mas tenho um grande lance que retata bem isso: na final do brasileiro de 99 uma bola interceptada intencionalmente com a mao pelo corintiano na área a imagem mostra como o juiz via claramente o lance muito perto,essa imagem nunca foi tema de mesas redondas futebolisticas. a imprensa não mostra sinais de que também se beneficia com arbitrariedades? AK: Estamos falando de duas coisas diferentes. A pergunta foi sobre resultados arranjados, seu comentário é sobre a repercussão de determinados erros de arbitragem. Um abraço.

  • Ed Fidelise

    Jaguar Pow! Ou “Quase”? Será que é preciso tanto sangue e violência para se mostrar uma idéia? Será que somos realmente isto?

  • peralta

    peraltaescreve: não poderia ser indícios de resultado arranjado? por que o padrão é o mesmo em outros momentos decisivos também, vale lembrar que o juiz de 2005 era o mesmo de 99, por exemplo

  • peralta

    só pra completar, o erro de 99 foi em final de campeonato e o do 2005 não, mesmo assim este teve mais discussão, claro que com internet disseminada fica mais difícil controlar essas situações. mas outro dado importante é que o juiz foi trablhar na empresa dona do campeonato assim como padrões anteriores.

  • peralta

    peralta escreve: vc desqualifica minha colocação por parecerestar longe do tópico, mas pense a respeito: estou falando como REPERCUSSÃO DE RESULTADOS pode estar encobrindo RESULTADOS ARRANJADOS AK: Eu não desqualifiquei nada. Entendi como te respondi, ou seja, que estávamos falando sobre coisas diferentes. Se você está falando sobre alguém na imprensa “se beneficiar” ao encobrir resultados arranjados, é coisa bem grave, não acha? A obrigação é justamente o oposto. Um abraço.

  • peralta

    acho que vc é que está confundindo as bolas, o papel da imprensa não é julgar, mas levantar questionamentos quando há indícios (tão cansados de fazer isso) como no caso de 2005 que vc mesmo citou na resposta e que está intimamente ligado ao de 99. a meu ver o caso de parecer 2 coisas completamente diferentes é pelo fato de vc ser paulista e na grande maioria das vezes, junto com a carioca, são a imprensa que se beneficia com tais erros. não estou dizendo que a imprensa está malcomunada, mas simplesmente que quando nao convém investigar ela não polemiza e dessa froma contribuiu e muito para que situações estranhas pareçam normais. AK: Foi um jornalista paulista que desvendou a “Máfia do Apito”. Foi um time paulista que ganhou o campeonato manchado pelo escândalo. Um abraço.

  • peralta

    isso prova o que? AK: Que você está enganado.

  • peralta

    desculpa, mas a sua argumentação é fraquíssima e a lógica obtusa do seu pensamento não merece sequer ser evidenciada. só um detalhe, eu não comecei a discussão falando do tema em tópico, só puxei um gancho que vc parece constrangido em desenvolver. triste. AK: O que é triste é eu ter respondido todos os seus comentários. Um abraço.

  • peralta

    respondeu o que? antes ficasse quieto a desqualificar o que tenho a dizer ou nem autorizasse a publicação. AK: Você manda. Sentiremos sua falta imensamente. Não esqueça de tomar seu remédio. Um abraço.

  • peralta

    tem que ser muito homem pra ofender pela internet mesmo, né muleque?

MaisRecentes

Daquele jeito



Continue Lendo

Dividido 



Continue Lendo

Reiniciar



Continue Lendo